Nova campanha começou hoje

ACIT dá início em sua nova campanha promocional nesta semana

A partir de hoje, segunda-feira, dia 02 de setembro, os consumidores que realizarem suas compras com valor mínimo de R$ 50 podem participar da nova campanha promocional “O bom da vida é ser crianças” promovida pela Associação Comercial e Industrial de Taubaté (ACIT) em homenagem ao Dia das Crianças.

As lojas participantes estão identificadas com o material da promoção e o consumidor poderá preencher e depositar seus cupons em qualquer uma das empresas participantes.

Serão sorteados dois cartões presente no valor de R$1.000 cada. O valor do cartão poderá ser dividido em várias compras nas empresas participantes do fundo promocional.

Nas campanhas da ACIT os vendedores registrados nos cupons também ganham e serão contemplados com um cartão de R$ 200 cada.

O sorteio acontece na sede da instituição no dia 31 de outubro, às 17h. É aberto a todos que quiserem acompanhar.

O grande diferencial para esse ano acontece na campanha de natal, em que serão sorteadas, além dos cartões, duas viagens no valor de R$ 4.500 cada. Importante ressaltar que todos os cupons participantes das campanhas ao longo do ano terão uma segunda chance de ganhar ao participar, automaticamente, da promoção de natal.

Com essa ideia a ACIT busca movimentar o comércio e prestação de serviço local fazendo com a economia circule pelo município e que as promoções tenham sempre mais de um ganhador. Os associados que ainda não estão participando do fundo promocional podem fazer sua adesão diretamente na ACIT. Maiores informações pelo telefone (12) 2125-8225.

Fonte: Acontece Comunicação e Eventos

Na atividade

Tem agência nova no mercado

A novidade atende pelo nome de Coffee Art. Ela  é uma empresa de comunicação e marketing comandada pelo jovem publicitário Luiz Guilherme de Brito Arduino.

A Coffee Art chega ao mercado com a proposta de prestar serviços em Branding e Rebranding, Campanhas Publicitárias, Social Media, Palestras, Cursos e Treinamentos, Planejamento e Produção de Eventos, Assessoria de Comunicação, Planejamento Estratégico de Comunicação e Marketing, Materiais Gráficos.

E já tem alguns clientes em sua carteira: Green Oil Brasil, Tecnote, Remetais e Giselle Excursões.

Luiz Guilherme nos falou um pouco sobre o surgimento deste novo player do mercado valeparaibano:

“A Coffee Art nasceu de um projeto de faculdade e foi sendo desenvolvida de acordo com a evolução do mercado, se adequando as mais diversas tendências, as quais hoje fazem parte do cenário de mercado. É uma empresa que está em constante adaptação. O mercado é muito dinâmico, sendo assim, devemos acompanha-lo.”

Você pode saber mais sobre a Cofee Art aqui.

 

 

Pesquisa mostra que consumidor se sente seguro no e-commerce

92% dos consumidores digitais sentem-se seguros ao fazer uma compra no e-Commerce brasileiro, afirma estudo da SBVC

Levantamento mostra que o varejo brasileiro online investe na segurança de seu e-Commerce

Os consumidores sentem-se seguros ao comprar online e as empresas estão investindo cada vez mais na segurança do seu e-commerce e dos seus usuários. Segundo o estudo “Segurança do consumidor digital e as fraudes no varejo – Na visão dos consumidores e das empresas varejistas”, desenvolvido pela Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC) e pela Toluna, 92% dos consumidores digitais sentem-se seguros ao fazer uma compra no e-Commerce brasileiro.

O estudo mostra que o investimento das empresas na segurança do e-commerce é sentido por seus consumidores, uma vez que 100% das empresas varejistas entrevistadas investem na segurança do seu e-Commerce. A principal ferramenta utilizada para garantir a segurança das informações de seus usuários é o sistema antifraude (100%), seguido pelo Certificado SSL (75%). Selos de segurança (75%) também são utilizados e garantem a autenticidade da loja.

O estudo também verificou que, apesar dos consumidores sentirem-se seguros, 15% dos entrevistados já sofreram algum tipo de fraude ao comprar online, e a principal ocorrência foram fraudes no cartão de crédito (55%), seguido pelo não recebimento do produto adquirido (43%). A maioria dos consumidores costumam denunciar o ocorrido, e na sua maior parte por meios online. Destaque para 58% dos consumidores que obtiveram o valor devolvido pela empresa ou pelo banco, porém ¼ não resolveram o problema.

Metodologia

O estudo ouviu os mais importantes segmentos do varejo nacional, entre eles Supermercados, Drogarias e Perfumarias, Eletromóveis, Foodservice e Outros segmentos. Também foram entrevistados mais de 800 consumidores em todo o país, que costumam fazer compras online. O estudo teve como objetivo quantificar aspectos relacionados à segurança do consumidor digital, através da perspectiva do próprio consumidor e também das empresas, aprofundando a confiabilidade do consumidor em relação ao varejo digital brasileiro, utilização de ferramentas antifraude, ocorrências fraudulentas no e-commerce brasileiro e investimento das empresas na segurança das informações.

A íntegra do estudo está disponível no site da SBVC.

Fonte: SBVC – Fernanda Besnosoff – Coordenadora de Estudos e Pesquisas

Na atividade

Desdobramentos

O ano de 2019 está sendo de muitas realizações e mudanças para Adriana Carvalho, fundadora da Interativa marketing (Guaratinguetá). Como consequência do trabalho de busca do novo posicionamento da Interativa Marketing as segmentações estão acontecendo.

Recentemente ela lançou a TARGET PESQUISA & MERCADO, empresa com foco exclusivo em pesquisas.Esse trabalho era executado anteriormente pela Interativa e após várias avaliações definiu-se que era importante ter uma empresa exclusiva neste segmento de atuação.

E agora, está também retirando a parte de treinamentos da Interativa Marketing e lançando a Interativa Treinamento e Desempenho Organizacional. E terá sua atuação  com foco total em treinamento, me deixa ainda mais feliz.

Adriana Carvalho

Adriana explica: “sempre dei aulas por hobby, por gostar de aprender e ensinar, e apesar da maternidade deixar meu tempo cada vez mais escasso, e muitas atividades ter ficado em segundo plano, afinal, SOU MÃE e me divirto sentando, correndo e brincando de mamãe e filhinha, terei agora novamente a oportunidade de partilhar conhecimento voltando com os treinamentos e acima de tudo, levando à empresa ao máximo desempenho, diversos treinamentos e projetos foram desenvolvidos antes pela Interativa Marketing, e agora farão parte exclusivamente da INTERATIVA TREINAMENTO E DESEMPENHO ORGANIZACIONAL.”

A partir de agosto, a agenda de treinamentos será lançada oficialmente.

Otimismo entre os empresários

Nova pesquisa ACI/Unitau aponta otimismo da economia e do empresário para os próximos três meses

Com o objetivo de identificar o nível de confiança do empresário de São José dos Campos, a Associação Comercial e Industrial de São José dos Campos, em parceria com a Universidade de Taubaté, realizou um levantamento para identificar as expectativas da classe para os próximos três meses. Os resultados revelam que os empresários da cidade estão mais otimistas que em junho de 2018.

Esse é o terceiro levantamento do gênero, feito pela Fapeti (Fundação de Apoio à Pesquisa, Tecnologia e Inovação) da Unitau.

A primeira pesquisa foi realizada entre 21 e 25 de maio de 2018 (com 202 empresários), a segunda entre 7 e 9 de novembro de 2018 ( com 275 empresários) e a terceira ente 26 e 28 de junho de 2019 (com 298 empresários). A margem de erro do levantamento é de 5 pontos percentuais para mais ou para menos e um nível de confiança de 95%. Os locais estratégicos utilizados na pesquisa foram o Calçadão da Rua 7, rua 15 de Novembro (próxima à Rodoviária Velha) e os shopping Center Vale, Vale Sul e Colinas.

Com relação aos empresários, em junho de 2018, o índice apresentou o valor de 56,37, próximo da neutralidade (50,00). Já em novembro de 2018 houve uma melhora em relação ao anterior, com 66,71 e esse índice ainda foi superado pelo de junho de 2019 apresentando o valor de 68,24. Sobre o crescimento da economia do país, em junho de 2018 o índice foi de 51,36, durante os meses seguintes os pontos foram subindo, até atingirem 70,97 em julho de 2019.

O levantamento também aponta otimismo dos empresários com relação ao aumento no faturamento e no lucro das empresas, assim como no aumento do número de contratação e investimentos em infraestrutura. Os índices de junho de 2018 foram 56,71 e em junho deste ano de 67,42.

Para o presidente da ACI, Humberto Dutra os índices apontam novidades para a economia. “A pesquisa comprova que o ânimo do empresário mudou, fruto de alguns fatores, como a inflação baixa, a aprovação da Reforma da Previdência e a retomada do poder de compra do consumidor. Ainda leve, ela mudança deve se cristalizar nos próximos meses”.

Fonte: Matéria Consultoria&Mídia – Nathália Barcelos

Maria Fumaça chega ao mercado

Nova agência inaugura hoje em São José dos Campos

Vai abrir suas portas para o mercado hoje, em recepção para amigos e convidados em sua sede, a Maria Fumaça. Ela nasce com a proposta de ser uma agência de publicidade full service, utilizamos todas as ferramentas de marketing para criar experiências únicas para marcas, produtos e serviços no mundo on e off-line.

A agência conta com um time de profissionais especializados e com uma estrutura inteligente que possibilita inovação, flexibilidade e agilidade.

O DNA da Maria Fumaça, de acordo com sua fundadora Ana Claudia Carvalho, é a criatividade, buscando sempre fazer mais, pensar mais e apresentar mais resultados para seus clientes alcançarem solidez e reconhecimento no mercado.

A Maria Fumaça busca oferecer soluções completas, desenvolvendo trabalhos em todas as áreas da comunicação, atendendo a demanda do cliente, dentro de modelos adaptados as necessidades, prazos e custo.

A fundadora da Maria Fumaça, Ana Claudia

Design, digital, endomarketing, assessoria, promo e vídeos estão no cardápio de entrega da nova agência, que está localizada no Ed. Pátio das Américas, Jd. Aquarius – SJCampos.

E quem ficou interessado pode saber mais pelo site: www.agenciamariafumaca.com

Apps favoritos em suas categorias

Uber, iFood e Netflix se destacam na preferência do consumidor em suas categorias de aplicativo

Estudo da Bridge Research analisou três tipos de apps: transporte
particular de passageiros, delivery de comida e serviços de streaming de vídeos

Em um mercado volátil, que se transforma e evolui rapidamente, o que faz um aplicativo ser mais usado que outro? Como conquistar diferenciação e preferência do consumidor quando pode ser facilmente copiado pelo concorrente? Essas foram algumas das perguntas que o estudo Customer Choice procurou responder.

A pesquisa desenvolvida pela Bridge Research, empresa pertencente à holding HSR Specialist Researchers, analisou três categorias de aplicativos extremamente competitivas: transporte particular de passageiros, delivery de comida e serviços de streaming de vídeos.

“Praticamente todas as marcas presentes no estudo promoveram disrupção em seus setores. Nas três categorias, as barreiras de adoção são baixas. Os consumidores utilizam múltiplos apps e todos recebem índices de recomendação semelhantes. Nesse cenário, ter indicadores de satisfação do cliente mais altos não representa garantia de nada. A liderança gera preferência nessas três análises”, explica Felipe Menezes, diretor de Research e Consumer Insights da Bridge Research.

A pesquisa Customer Choice, realizada entre 24 de abril e 2 de maio, realizou 379 entrevistas on-line. Envolveu mulheres e homens, em todo o Brasil, com idade entre 16 e 60 anos, das classes A, B e C. Os aplicativos de transporte particular de passageiros foram apontados como os mais usados pelos consumidores. Dos entrevistados, 91% já utilizaram esse tipo de serviço. Os serviços de streaming de vídeo já atenderam a 82% das pessoas ouvidas e 76% recorreram aos de delivery de comida.

Transporte – O app preferido por 75% dos entrevistados é o UBER, seguido do 99 com 20% de preferência. O Uber consegue atrair a preferência de mais heavy users e também mostra força na questão relacionada à disponibilidade de carros. Por outro lado, o 99 se destaca no item “Descontos” e “Aceitação de Corridas pelos Motoristas”. Os resultados indicam que, nessa área, todos os apps têm como principais pontos a melhorar o “Atendimento” e “Segurança”. Além disso, o usuário prefere o app que dá mais sensação de controle (31% da geração de preferência vêm do fator “Acompanhamento em Tempo Real da Localização do Motorista assim que o Carro é Solicitado”).

Alimentação – Os apps de Delivery de Comida preferidos do consumidor foram, na ordem, iFood (78%), Uber Eats (10%), Rappi (3%) e Pedidos Já (0,2%). A pesquisa identificou traços atitudinais mais fortes entre usuários, como o interesse em testar produtos inovadores, ter mais tempo livre, disposição em gastar mais em experiências novas e também para ter mais conveniência. O IFood foi APP mais bem avaliado em opções de pagamento, variedades de restaurantes e tipos de comida e abrangência de entrega. Além disso, quem prefere Uber Eats também usa iFood com freqüência. No caso da geração de preferência, o quesito “Variedade” é o mais decisivo.

Vídeo – Quando analisados os serviços de streaming de vídeo, oito apareceram como os mais usados, sendo que cinco foram apontados como preferidos pelo consumidor: Netflix (86% de preferência), Amazon Prime Video (4%), Now (2%), HBO Go (1%) e Globo Play (1%). Alguns pontos se destacaram como, por exemplo, o fato de a Amazon Prime Video atingir lembrança espontânea maior que Globo Play, Telecine Play, HBO Go, Now e Google Play. Além disso, usuários da Netflix usam, em média, 2,6 apps de streaming de vídeo pagos, contra média de cinco aplicativos entre usuários do Amazon Prime Video. Já a relação custo-benefício se mostrou importante gerador de satisfação e ter conteúdo original é o quesito de maior diferenciação, com 32% de peso na geração de preferência. Por outro lado, “Filmes Novos/Lançamentos” tem peso zero e “Variedade de Séries” corresponde a 20% da geração de preferência.

Sobre a Bridge Research

A Bridge Research oferece serviços de inteligência que contribuem efetivamente para a definição da estratégia de negócios de seus clientes. Formada por um time de profissionais experientes e com habilidade para utilização de ferramentas avançadas, atua em três pilares: expertise no setor, tecnologia avançada e atendimento próximo e acessível. Com foco nos setores de Tecnologia e Telecomunicações, Serviços Públicos, bem como nos mercados Financeiro, Imobiliário e de Utilities, para identificar suas crescentes e complexas demandas. Entre os principais produtos da Bridge Research estão pesquisa de satisfação, conjoint analysis e trade-off analysis, além de pesquisa on-line.

Fonte: LF Comunicação Corporativa – Marco Barone

Pesquisa detalha consumo das redes sociais no Brasil

Cerca de 88% dos brasileiros acessam as redes sociais

O consumo de redes sociais é o mais alto da América Latina, superando Argentina (83%) e México (80%). De acordo com a Comscore, no Brasil há 121 milhões de pessoas online

Mais de 114 milhões de pessoas acessam as redes sociais por mês no Brasil. O levantamento feito com dados de abril de 2019 pela Comscore, por meio da ferramenta Media Metrix Multi-Plataform, aponta as seguintes tendências no país:

● O acesso a redes sociais por meio de dispositivos móveis e outros multiplataforma chega 98 milhões de pessoas. Enquanto que 68 milhões acessam exclusivamente por mobile;

● A faixa etária que mais consome redes sociais é a de adultos com mais de 45 anos (275), seguida por adultos entre 25 e 34 anos (25%);

● A região sudeste, com São Paulo e Rio de Janeiro nas primeiras posições, concentram metade do consumo das redes sociais de todo o país;

● Levando em conta o acesso por aplicativo e browser, o WhatsApp alcança 85% entre os usuários de aplicativos de mensagens, considerando o acesso mobile por browser e aplicativos. Já o Facebook Messenger chega a 50%;

● Os brasileiros gastam aproximadamente 4 horas por mês nas redes sociais através de múltiplas plataformas (mobile, desktop e tablets);

● O Instagram é a rede social que gera maior quantidade de engajamento com os conteúdos (74%), seguido pelo Facebook (21%) e Twitter (5%);

● Com relação à presença das marcas nas redes sociais o Brasil é o país com a maior quantidade de conteúdos pagos (38%) do continente, à frente do México (24%), Argentina (20%) e Chile (20%);

● As cinco principais categorias de influenciadores são:

– Músicos

– Atletas

– Política

– Artistas

– Jornalistas

● Anitta, Gustavo Lima e Marília Mendonça são os três maiores influenciadores no âmbito musical.

Alcance das redes sociais no Brasil:

“As redes sociais se converteram em plataformas de alcance transversal e multiplataforma. Isso impulsiona o crescimento de um mercado publicitário pujante. Portanto, é essencial desenvolver métricas que permitam detectar e interpretar as principais tendências de usuários e consumidores. O branded content, vídeos e celular são três formatos que ganham força em nosso país em tudo e no mundo”, completa Eduardo Carneiro, diretor da Comscore Brasil.

Fonte: Comscore – Denilson Oliveira

Confira como foi o lançamento do Desenvolve Vale

De olho na geração de emprego, Desenvolve Vale reúne empresários para ampliar investimentos no Vale do Paraíba

Fundador da Embraer, Ozires Silva está entre os conselheiros do grupo; plataforma foi lançada no dia 3 de julho, com palestra do ex-ministro da Fazenda Maílson da Nóbrega

Maílson da Nóbrega

Grupo de empresários preocupados com o desenvolvimento sustentável do Vale do Paraíba, o Desenvolve Vale foi lançado oficialmente nesta quarta-feira (3 de julho) em São José dos Campos (SP), em um encontro com 200 convidados ligados aos setores produtivo, industrial e de serviços da região, além de representantes do poder público e convidados.

Na ocasião, o anfitrião do evento e presidente do Conselho Desenvolve Vale, Kiko Sawaya, apresentou a plataforma do grupo, os primeiros conselheiros e convidou o ex-ministro da Fazenda Maílson da Nóbrega para uma palestra, na qual ele falou sobre as “Perspectivas da Economia Brasileira”.

Entre os presentes, estavam o ex-ministro e cofundador da Embraer Ozires Silva e o fundador do Inpe, Fernando de Mendonça, além do prefeito de Jacareí, Izaias Santana, do secretário de Gestão Administrativa e Finanças de São José dos Campos, José de Mello Correa, e do presidente da Câmara de São José dos Campos, Robertinho da Padaria.

“O Vale do Paraíba já é reconhecido nacional e internacionalmente pelo sucesso e pujança da indústria, mas os setores produtivos e de serviços precisam estar unidos numa mesma pauta. Queremos colocar todo mundo em uma discussão para entender a economia local, com foco na geração de empregos e riqueza, o que está diretamente ligado ao desenvolvimento da sociedade”, afirmou Kiko Sawaya.

Kiko Sawaya

A premissa básica do Desenvolve Vale é colocar na mesa empresários de destaque e com participação importante no PIB da região com o intuito de gerar novos negócios. “E também valorizar o papel e a importância do empresariado dos setores produtivo, industrial e de serviços, que precisam ser vistos como aliados do desenvolvimento”, explicou Kiko Sawaya.

Apresentados no evento de lançamento, estã entre os primeiros conselheiros o próprio Ozires Silva, além de Alfredo Freitas (Nova Freitas), Cassiano Terra Simão (Terra Simão Construtora), Claudio Giordani (Band Vale), José Wagner de Macedo (TPlan Construtora), Jorge Neto (Osten), Marcelo Demori (JR Madeiras), Marcelo Tomba, Oscar Constantino (Grupo Oscar), Oscar Gonçalves (Colégio Cassiano Ricardo) e Paulo Neto (KPR). Ao longo do mês, novos nomes serão integrados ao grupo.

Para o secretário de Gestão Administrativa e Finanças de São José, a iniciativa é bem-vinda. “A força que vem do poder público, sozinha, não resolve todas as situações. A força que vem dos empresários pode colaborar para que tenhamos uma conurbação no Vale, além da ligação física com a Dutra, mas institucionalmente”, afirmou Mello Correa.

O prefeito de Jacareí também elogiou a proposta do Desenvolve Vale. “Aproximar setores públicos e privados, criando pautas e agendas em comum é um ganho importante para a região. Você potencializa os investimentos”, disse Izaias Santana.

Palestra com Maílson da Nóbrega

Em pouco mais de uma hora de palestra, o ex-ministro da Fazenda defendeu a reforma da previdência, que destacou como o principal desafio do governo de Jair Bolsonaro.

“Se o resultado da reforma não corresponder à expectativa do mercado financeiro, nós vamos entrar em um problema muito sério. Mas ainda acredito que vamos atender esta expectativa e evitar o que os economistas chamam de insolvência fiscal. Em dois ou três anos, poderemos ter cerca de 20 estados, que não vão ter condições para pagar sua folha de salário. Isso é uma catástrofe”, diz.

Maílson da Nóbrega ainda listou o que seriam ventos contra e a favor no panorama político e econômico do país. Para ele, pesam contra o país duas conjunturas: a guerra comercial entre China e Estados Unidos e o que apontou como “dúvidas sobre capacidade de liderança do presidente, bem como de definir prioridades e gerir crises”.

Já na lista de ventos a favor, ele cita a “boa herança do governo Temer”, o que inclui a reforma trabalhista e o teto de gastos, a inflação sob controle e o fim da recessão econômica.

Próximos passos do Desenvolve Vale

A partir do lançamento da plataforma, o grupo de conselheiros vai se reunir periodicamente para discutir pautas e ações alinhadas aos interesses econômicos da região, além de receber convidados do poder público, gestores corporativos e especialistas, entre outros, para reuniões intimistas com foco no desenvolvimento econômico da Região Metropolitana do Vale do Paraíba, a RMVale.

Também serão realizados fóruns voltados ao desenvolvimento e à competitividade das cidades do Vale do Paraíba, além de palestras temáticas.

A RMVale, criada em 2012, é composta por 39 municípios, situados entre as duas Regiões Metropolitanas mais importantes do país: São Paulo e Rio de Janeiro. Três das cidades – São José dos Campos, Taubaté e Jacareí – estão entre as que mais concentram riquezas no país.

Com 2,5 milhões de habitantes, destaca-se nacionalmente por intensa e diversificada atividade econômica. A produção industrial é altamente desenvolvida, predominando os setores automobilístico, aeronáutico, aeroespacial e bélico nos municípios localizados no eixo da rodovia Presidente Dutra.

Fonte: CABANA | Suzane Rodrigues Ferreira

Rebranding de marca na Minalba

Minalba Brasil anuncia rebranding do seu Portfolio de Marcas

Essa representa a maior mudança no negócio de alimentos e bebidas do Grupo Edson Queiroz. O trabalho teve apoio da Agência Ana Couto.

Atenta aos movimentos do mercado e ao comportamento do consumidor, a Minalba Brasil lançará em julho o novo posicionamento adotado por todas as suas marcas. “Conectando negócio, marca e comunicação, o movimento de mudança vem fundamentado no consumidor, ele é nossa razão de existir. Nosso olhar atento para tendências e comportamento nos permitiu redesenhar a estratégia do negócio, com o propósito de nutrir o apetite dos brasileiros de transformarem seus mundos, esse é o jeito Minalba Brasil de atuar e com as nossas marcas não seria diferente” diz Camila Coutinho, Gerente Nacional de Marketing da Minalba Brasil. Os posicionamentos adotados conversam com essa sede por desafios e transformação.

As marcas estratégicas, Indaiá e Minalba, já são hoje líderes em recall e/ou preferência em seus segmentos de atuação. Com a implantação da fase conclusiva do projeto de Branding, a proposta de valor das marcas ficará ainda mais tangível- tanto das marcas estratégicas, quanto das marcas que hoje performam em outras categorias, a exemplo dos sucos, refrigerantes e energéticos. “Nossa meta é gerarmos diferenciação conectando pessoas, marcas e resultados, em observância ao legado de relacionamento já construído, e respeitando a cultura e os costumes de cada cantinho desse imenso Brasil que acolhe tão bem ao nosso portfólio”, acrescenta Camila Coutinho.

A expectativa de impacto no mercado é bastante positiva. As discussões internas sobre o negócio como um todo iniciaram em 2014, e em 2015 a Minalba Brasil deu início ao projeto de Branding, que teve sua implantação iniciada em 2018. O período de construção foi um ponto de partida e a transformação não para. “Toda a estrutura da Minalba Brasil tem trabalhado assertivamente para oferecer o produto certo, para o apetite certo. Isso requereu mudanças em todo o nosso modelo de atendimento ao mercado e o trabalho com as estratégias de marca e comunicação nos permitirá tangibilizar nossos posicionamentos, engajando nossas marcas aos nossos consumidores, gerando propósito e criando um ecossistema de valor que garanta nossa perpetuidade em harmonia com nossos valores e a sociedade”, diz a gerente.

O investimento nesse projeto como um todo, entre estudos, construção e implantação girou em torno de 25 milhões. O trabalho foi construído a quatro mãos por um time multidisciplinar muito interessante. “Tivemos o suporte da Agência Ana Couto desde o início, trazendo a metodologia e o know how necessários, passando pela construção das estratégias de marca e comunicação até a tangibilização do conteúdo com as campanhas; nossa agência, a G Marketing, está conosco há alguns anos, conhece nosso DNA e segue suportando as estratégias, além do time interno que deu show, composto por Marketing, Trade, Vendas e demais áreas do negócio que foram fundamentais para o sucesso dessa empreitada” complementa Camila.

Próximos Passos

Em linha com o mercado e esse momento de transformação, a Minalba Brasil segue focada no portfólio. A empresa faz parte da divisão de alimentos e bebidas do Grupo Edson Queiroz e pretende incrementar cada vez mais sua oferta ao mercado, seja por fusões, aquisições ou desenvolvimento próprio. “Recentemente lançamos nosso mel, um produto orgânico, com as melhores certificações da categoria, voltado para o consumidor que busca saúde e qualidade de vida e startamos com o pé direito nossa atuação no segmento de alimentos. Também temos outras parcerias sendo estudadas em paralelo, tanto para o mercado interno, quanto externo”, encerra.

Fonte: Engaja Comunicação – Leonardo Heffer – Coordenador de Conteúdo