Serviços digitais: como cobrar?

Com a missão de difundir os serviços digitais de forma sustentável, a Associação Paulista das Agências Digitais – APADi (www.apadi.com.br) acaba de anunciar a segunda edição do Manual de Preços e Serviços Digitais. O documento, que será lançado no fim de 2011, será elaborado a partir de dados apurados junto ao próprio setor, com base nos valores médios praticados atualmente em todo o Estado de São Paulo.
Segundo Cláudio Coelho (Nocaute), presidente da entidade, a ideia é reunir agências e associações de todos os portes e especialidades para readequar os valores da segunda edição do Manual. “Nosso objetivo é convidar as associações e agências – inclusive as não associadas – para participar das discussões que vão delinear esta nova edição do documento.”
Assim como a elaboração da primeira edição do Manual de Preços e Serviços Digitais, a APADi realizará reuniões periódicas com agências e associações. Os interessados em participar dos encontros – mesmo não associados – deverão fazer inscrição na própria APADi, pelo e-mail apadi@apadi.com.br ou pelo telefone (11) 3871-0108.
Manual de Preços e Serviços Digitais APADi
Lançado em 2010, o Manual de Preços e Serviços Digitais APADi (www.manualdeservicosdigitais.com.br) inclui os preços médios dos produtos e serviços básicos mais solicitados pelos clientes das agências digitais associadas. Alguns trabalhos complexos não são precificados, mas o documento oferece diretrizes básicas dos principais itens que devem compor as propostas.
O documento inclui observações sobre variáveis que interferem diretamente na composição dos preços de cada agência, como impostos, tipos de atendimento, região da agência, particularidades sazonais, custos de software, precificação de ideias e custos de produção.
Segundo Coelho, embora o quesito preço não deva ser o principal critério para a escolha de uma agência, o objetivo deste documento é se tornar uma referência para que agências e clientes tenham parâmetros adequados na avaliação de custos das principais ações digitais.

Com a missão de difundir os serviços digitais de forma sustentável, a Associação Paulista das Agências Digitais – APADi (www.apadi.com.br) acaba de anunciar a segunda edição do Manual de Preços e Serviços Digitais. O documento, que será lançado no fim de 2011, será elaborado a partir de dados apurados junto ao próprio setor, com base nos valores médios praticados atualmente em todo o Estado de São Paulo.

Segundo Cláudio Coelho (Nocaute), presidente da entidade, a ideia é reunir agências e associações de todos os portes e especialidades para readequar os valores da segunda edição do Manual. “Nosso objetivo é convidar as associações e agências – inclusive as não associadas – para participar das discussões que vão delinear esta nova edição do documento.”

Assim como a elaboração da primeira edição do Manual de Preços e Serviços Digitais, a APADi realizará reuniões periódicas com agências e associações. Os interessados em participar dos encontros – mesmo não associados – deverão fazer inscrição na própria APADi, pelo e-mail apadi@apadi.com.br ou pelo telefone (11) 3871-0108.

Manual de Preços e Serviços Digitais APADi

Lançado em 2010, o Manual de Preços e Serviços Digitais APADi (www.manualdeservicosdigitais.com.br) inclui os preços médios dos produtos e serviços básicos mais solicitados pelos clientes das agências digitais associadas. Alguns trabalhos complexos não são precificados, mas o documento oferece diretrizes básicas dos principais itens que devem compor as propostas.

O documento inclui observações sobre variáveis que interferem diretamente na composição dos preços de cada agência, como impostos, tipos de atendimento, região da agência, particularidades sazonais, custos de software, precificação de ideias e custos de produção.

Segundo Coelho, embora o quesito preço não deva ser o principal critério para a escolha de uma agência, o objetivo deste documento é se tornar uma referência para que agências e clientes tenham parâmetros adequados na avaliação de custos das principais ações digitais.

Fonte: http://www.vitrinepublicitaria.net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *