Comunicação x Pandemia: O que aprendemos até agora

por Tatiana Lacaz

1) Quem sempre se preocupou em investir em comunicação e marketing saiu a frente: A presença no meio digital com um posicionamento ligado as tendências atuais, contribui para o fortalecimento da marca, fazendo com que ela não caia no esquecimento do público.

2) Mais do que nunca foi preciso ouvir o cliente com atenção: Ouvir o seu target é imprescindível para suprir as suas necessidades, em tempos de pandemia essa premissa ganhou ainda mais atenção. Novos hábitos tomaram conta do dia a dia de muitas pessoas e as marcas que souberam identificar o novo comportamento do consumidor, conseguiram criar estratégias mais assertivas.

3) O digital é uma tendência forte, mas não substitui o off-line: Tivemos que nos adaptar ao contexto do digital, seja para assistir aula, fazer curso ou comprar os itens que julgamos serem essenciais, apesar dos inúmeros esforços de algumas empresas, a relação no meio off-line ainda faz diferença. Para muitos, a presença e o contato físico, são importantes para um melhor aprendizado e desempenho.

4) Ofereça ao seu cliente uma experiência de compra completa: Saiba como realmente encantar o seu público, crie estratégias visando as etapas da jornada de compra do consumidor e esteja pronto para atendê-lo prontamente sempre que for preciso.

Manter o investimento em Marketing é a saída mais eficaz para driblar a crise. O contexto da pandemia acelerou o crescimento dos canais digitais, valorizou as experiências em tempo real, aumentou a criação de conteúdos interativos e fez com que as marcas se tornassem mais humanas e comprometidas com o seu público.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Transformação digital foi acelerada

Transformação digital que levaria anos foi acelerada em apenas 2 meses em razão da Covid-19, diz estudo ISG

Empresas desafiadas por mudanças repentinas nas compras, na cadeia de suprimentos e em outras áreas realizaram iniciativas digitais de longo prazo em poucos meses

A crise sanitária causada pela Covid-19 fez com que todas as empresas recolhessem seus planos de investimento e acelerassem seus projetos em transformação digital, tornando esse processo de digitalização uma realidade e não mais uma opção, aponta o relatório 2020 ISG Provider Lens ™ Digital Business – Solutions and Service Partners para o Brasil.

Image by Gerd Altmann from Pixabay

De acordo com o estudo lançado nesta semana pela Information Services Group (ISG), líder global em pesquisa e consultoria em tecnologia, produzido e divulgado pela TGT Consult no Brasil, a pandemia e os lockdowns associados deixaram muitos segmentos de indústria lutando para sobreviver nos primeiros meses de 2020. Tendências emergentes rapidamente em resposta à crise, como a adoção de compras online e internet banking, além da adoção de plataformas de colaboração e videoconferência no local de trabalho, levaram as empresas a realizar em dois meses o que seriam projetos de digitalização de anos.

“O futuro exige mais automação, resiliência e colaboração virtual. Soluções e serviços de negócios digitais são essenciais para a maioria das empresas que buscam implementar novas tecnologias e formas de trabalho”, afirma o autor da pesquisa ISG e analista TGT Consult, Mauricio Ohtani.

Segundo o relatório ISG, os exemplos mais positivos são o campo da telemedicina, no qual milhares de pessoas receberam suporte imediato, e o setor do varejo, no qual muitas iniciativas de comércio eletrônico tiveram uma aceleração bastante considerável. As principais empresas brasileiras do varejo tiveram suas ações na bolsa de valores supervalorizadas com base em suas iniciativas digitais. Este cenário exigiu das empresas a busca por suporte em áreas como experiência do cliente, ciclo de vida do produto e cadeia de suprimentos, abrindo uma nova janela de oportunidades para as empresas que fornecem suporte para esse tipo de transformação digital.

“Este relatório mostra o quanto é relevante ter uma maturidade digital quando comparamos as empresas menos impactadas negativamente por conta da crise do coronavírus, com aquelas que ainda não se transformaram e quase sucumbiram diante do enorme desafio”, diz Mauricio Ohtani.

Em resposta, os provedores de serviços em digital business intensificaram suas estratégias de go-to-market, acelerando o lançamento de novas ofertas e expandindo seus portfólios. A crise também acelerou os fornecedores na adoção de métodos de desenvolvimento agile e DevOps, para atender às demandas atuais. Uma das operações mais afetadas em todo o mundo, a da cadeia de suprimentos, acelerou a transformação digital e a adoção de tecnologias avançadas, como inteligência artificial/aprendizado de máquina (AI/ML), automação de processos através de robôs (RPA), internet das coisas (IoT) e blockchain, mostrando que a COVID-19 se tornou o gatilho para transformar e melhorar a cadeia de valor. No entanto, o blockchain, ainda parece estar no começo da sua curva de maturidade no país, diz o estudo ISG.

O relatório 2020 ISG Provider Lens ™ Digital Business – Solutions and Service Partners para o Brasil avaliou as capacidades de 36 provedores em cinco quadrantes: Digital Business Consulting Services, Digital Customer Experience Services, Digital Product Lifecycle Services, Blockchain Services e Digital Supply Chain Transformation Services.

O relatório nomeou a Accenture e a IBM como líderes em todos os cinco quadrantes. BRQ, Stefanini e Wipro foram nomeadas líderes em quatro quadrantes e a Deal em três quadrantes. Capgemini, CI&T, Deloitte Digital, EY, Reply e Sonda aparecem como líderes em dois quadrantes, enquanto DXC Technology, ilegra, Infosys, Logicalis, PwC e Sinqia estão um quadrante cada.

Além disso, a T-Systems foi considerada como Rising Star – uma empresa com um “portfólio promissor” e “alto potencial futuro” pela definição do ISG – em dois quadrantes. Everymind e Sonda aparecem como Rising Stars em um quadrante.

Versões personalizadas do relatório estão disponíveis na BRQ, Deal e ilegra.

O relatório ISG Provider Lens™ Digital Workplace of the Future – Services & Solutions 2020 para o Brasil está disponível para os assinantes ou para compra através da TGT Consult.

Fonte: Mondoni Press

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Estudo aponta 6 lições de CX para o varejo extraídas da pandemia

Com as datas comemorativas de fim de ano chegando, varejistas precisam saber como vender mais no cenário atual

Se há uma lição que a pandemia da Covid-19 tem apontado é a de que customer experience (CX) é essencial para o sucesso de uma marca, especialmente no varejo. Mesmo com a flexibilização da quarentena e distanciamento social em muitos lugares do mundo, o período de compras de fim de ano, que incluem datas como Black Friday e Natal, colocará à prova aquilo que as empresas aprenderam durante os períodos mais difíceis da crise.

Image by mohamed Hassan from Pixabay

A Kantar realizou sua pesquisa CX+ com mais de 100 mil pessoas em 17 países para entender suas experiências com algumas das maiores marcas de varejo – locais e globais – e comparou essas respostas com dados de sua pesquisa Barômetro COVID-19 para identificar o que muda e o que fica em termos de tendências de CX.

Dentro da categoria, a empresa de pesquisa avaliou marcas de varejo geral, de supermercados e de moda, e com isso conseguiu extrair aprendizados que vão além da preparação para as vendas de fim de ano, mas também para lidar com um futuro pós-Covid.

“Antes da Covid-19, as marcas já não estavam entregando uma boa experiência. Com a chegada da pandemia, ela se tornou essencial para que os clientes fizessem negócios”, afirma Juliana Honda, líder de CX da Kantar. “Apenas 17% dos entrevistados acreditavam estar satisfeitos ou maravilhados com as experiências entregues por marcas de varejo geral, por exemplo.”

O trabalho dos funcionários também é parte essencial de uma boa experiência, e apenas 37% dos entrevistados pela Kantar achavam que os colaboradores das marcas de varejo geral estavam entregando uma excelente CX.

6 lições de CX para o varejo pós-pandemia:

1. Capacite os funcionários para atender os clientes

Longe da vista não significa fora da mente para os clientes e a pesquisa mostra que a frustração do consumidor no presencial pode ser tão alta quanto a falta de ajuda online imediata. Encontre maneiras de garantir que os clientes recebam a ajuda de que precisam.

2. Velocidade é importante

Os varejistas precisam trabalhar para ajudar as pessoas a controlar sua experiência em termos de tempo para não levar à frustração. O prazer exige certa eficiência, além de surpresas na navegação.

3. Flexibilidade de realização de comércio eletrônico

Os dados CX+ e da Kantar demonstram a importância de uma variedade de opções de atendimento no varejo para os clientes. Este é um atributo que o CX+ mostra ser mais desejado pelos consumidores do varejo geral em comparação aos de moda ou alimentos. Essa necessidade da disponibilização de um e-commerce integrado aos outros canais se fortaleceu durante a pandemia.

4. Revisite a promessa da sua marca

As marcas começaram a delimitar um território ético e político claro antes da pandemia com campanhas, como o apoio da Nike a Colin Kaepernick. Mas o movimento #MeToo, Black Lives Matter e atividades relacionadas à pandemia esmaeceram a linha entre a autoridade comercial e cívica que torna este território desconhecido. Cada vez mais as marcas deverão tomar posição em questões pertinentes à consciência coletiva. Determinar como exemplificar o propósito e os valores na promessa da marca de uma forma que atenda às necessidades emocionais, sociais e funcionais modernas será fundamental para os varejistas no futuro.

5. Repense radicalmente a experiência na loja

A experiência na loja do futuro está configurada para mudar drasticamente, tanto como resultado das mudanças para o online quanto nas atitudes do consumidor. Varejistas cujas portas permaneceram abertas foram forçados a enfrentar uma situação de “fazer ou morrer” para continuar a servir o público. No processo, eles perceberam como sua organização realmente pode ser ágil e como os clientes são receptivos às mudanças e ávidos por novos serviços.

Os varejistas que foram forçados a fechar devem aprender com aqueles que passaram por testes de resistência e inovaram para sobreviver. A experiência na loja e o papel dos funcionários continuarão a evoluir. O desejo do cliente por funcionários que tragam uma ótima experiência na loja não desaparecerá, então os varejistas precisarão descobrir como incentivar uma interação social significativa, mesmo à distância.

6. Reinvente a experiência omnichannel

As empresas que carregam um DNA mais ágil usaram a pandemia como uma oportunidade de reinvenção, mas devem continuar a expandir os limites. À medida que as atitudes e o comportamento do consumidor evoluem e o panorama do consumo se transforma após a pandemia, a importância da experiência omnichannel continuará a crescer. Embora a pandemia tenha impulsionado a inovação no espaço online, com os varejistas aprendendo a fornecer serviços offline e online com eficácia, um ambiente omnichannel verdadeiramente combinado surgirá em um futuro próximo. Este será um em que a Realidade Aumentada e a Realidade Virtual e outras tecnologias ajudarão os varejistas a oferecer experiências ricas em conteúdos e sensoriais nesses espaços. Mas os varejistas que oferecem excelência CX omnichannel são aqueles que pensam criticamente sobre como a tecnologia pode aprimorar a experiência humana.

“Compreender onde e como fornecer produtos, serviços e experiências que beneficiam os clientes da melhor maneira exigirá pesquisas e reavaliações contínuas”, diz Juliana.

Sobre o CX+

O CX + é uma solução que mede a lacuna entre a promessa da marca e a experiência do cliente. Ele revela aprendizagens de CX específicas da categoria e fornece pontos de discussão, por meio de liderança inovadora da classe. Em 2020, foram realizadas entrevistas com mais de 100 mil pessoas em 17 países para entender suas experiências com algumas das maiores marcas de varejo – locais e globais – e comparou essas respostas com dados de sua pesquisa Barômetro COVID-19.

Fonte: Tamer Comunicação – Karina Rodrigues

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Moviecom Cinemas reabre no Taubaté Shopping nesta quinta-feira (29)

Protocolo rigoroso de segurança foi adotado para receber o público

Os clientes do Taubaté Shopping poderão conferir os principais filmes e novidades da Moviecom Cinemas, a partir desta quinta-feira (29). A operação retoma as suas atividades com medidas de segurança intensificadas e seguindo rigorosamente as orientações dos órgãos de saúde e autoridades locais.

“Estamos nos preparando para esse momento há muito tempo. É com muita alegria, e com toda a segurança, que reabrimos as portas da Moviecom. Nossa equipe está treinada e pronta para receber a todos e proporcionar uma experiência segura e repleta de magia e emoção. Contamos com todos os clientes para seguir as orientações, fazer a sua parte e se divertir com responsabilidade”, reforça Gustavo Ballarin, diretor de operações da Moviecom Cinemas.

Toda a infraestrutura foi reforçada com sinalização de segurança, disponibilização de álcool em gel e maior espaçamento entre as sessões para uma limpeza cuidadosa. O empreendimento conta ainda com colaboradores treinados e certificados para atender os clientes com segurança. Todos eles receberam máscaras e demais equipamentos de Proteção Individual (EPIs), além de produtos para higienização regular das mãos. Todos também passarão por aferição de temperatura diariamente.

“Estamos ansiosos para receber o público novamente e estamos preparados para oferecer a melhor experiência ao cliente, desde a chegada aos cinemas até o final do filme”, comenta Silvana Scarpa, gerente do Moviecom Taubaté.

Recomendações de segurança ao público:
– Dê preferência às compras de ingressos e pipocas pelo site ou app Moviecom Cinemas;
– Respeite os lugares marcados. As poltronas vazias são destinadas a manter uma distância segura entre os espectadores;
– Use máscara em todas as áreas comuns do cinema. Apenas depois de estar acomodado no lugar marcado, o cliente poderá retirar a máscara para comer a pipoca;
– Higienize as mãos, no lavatório ou com álcool gel 70%, após o manuseio de dinheiro ou cartões;
– Mantenha o distanciamento respeitando a sinalização do piso indicando a posição ideal nas filas;
– Dê preferência ao uso de escadas rolantes, ao invés de elevadores, sempre obedecendo a sinalização de distanciamento;
– Mesmo de máscara, em caso de tosse ou espirros, cubra a boca com o antebraço;
– Evite contato físico como abraços e apertos de mão;
– Em caso de dúvidas, utilize os canais oficiais de comunicação, como o site e as redes sociais da Moviecom Cinemas: www.moviecom.com.br/protocolo-de-seguranca.

Confira a programação em cartaz:
A partir de 29 de outubro, o público poderá conferir grandes produções, como Tenet, Os novos Mutantes, Como cães e gatos 3, A ilha da Fantasia e Scooby. A programação está sujeita a confirmação e pode ser conferida pelo site: moviecom.com.br.

Relembre os horário de atendimento do Taubaté Shopping:
Com a cidade na fase verde do Plano São Paulo, e em conformidade com o decreto municipal nº 14.833, o Taubaté Shopping retornou ao horário de atendimento padrão. O centro de compras está aberto ao público de segunda a sábado, das 10h às 22h, e aos domingos e feriados, das 13h às 20h.

Os atendimentos nos sistemas delivery e drive-thru continuam normalmente. O cliente precisa apenas enviar um “oi” para o WhatsApp (12) 98293-1645 e receber a lista das lojas participantes. A vitrine virtual do Taubaté Shopping está disponível no link: https://taubateshopping.com.br/vitrine.asp

Fonte: Communicare – Giovanni Rodrigues

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Amazon lidera vendas mundiais

Amazon é a empresa líder de vendas mundiais durante a pandemia

Uma pesquisa realizada pelo sistema Statista e divulgada pela plataforma de descontos Cuponation, integrante da alemã Global Savings Group, revelou o ranking mundial das empresas líderes de serviços online e internet no mercado em todo o mundo em 2020 durante os tempos de pandemia.

De acordo com o estudo e com base no índice GP Bullhound Consumer Internet, a empresa norte-americana Amazon é a companhia que ocupa o primeiro lugar da lista, com maior lucro e valor de comércio ao consumidor de abril deste ano até o momento. A plataforma estima que a capitalização de mercado atual da marca seja de 970,7 bilhões de dólares.

O dado aponta que mesmo tendo indícios de que a empresa vem enfrentando uma crise interna e problemas com a segurança de seus funcionários em relação a meios protetivos à COVID-19, isso não a prejudicou ao ponto de perder vendas, pelo contrário: fez com que ela crescesse durante a pandemia por conta da segurança de comprar sem sair de casa.

Dentre as 20 empresas apresentadas, a chinesa Alibaba é a organização que aparece ocupando o segundo lugar do ranking, com a capitalização de mercado projetada em 521,8 bilhões de dólares. Confira o ranking completo no infográfico interativo do Cuponation.

Das companhias mundiais populares presentes no estudo, podemos citar as mais reconhecidas pelos brasileiros, sendo elas: a Uber, o Mercado Livre, a Booking, o Pinterest e até a Rakuten.

Fonte: Grupo Comuniquese – Giovanna Rebelatto

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Shopping Buriti Guará estende horário de funcionamento

Centro comercial volta a funcionar também no final de semana

Seguindo o protocolo do Governo do Estado de reabertura gradual do comércio para as cidades que estão na chamada fase amarela, o Buriti Shopping Guará passa a funcionar durante 8h diariamente, abrindo também aos finais de semana.

O Buriti Shopping Guará estará aberto das 12h às 20h de segunda a domingo. As Lojas Americanas passa a funcionar de segunda a sábado, das 12h às 21h, e aos domingos das 12h às 20h.

A praça de alimentação segue em delivery e retirada no local e aguarda a prefeitura fazer o anúncio oficial da reabertura dos serviços de restaurantes entre hoje, quinta-feira (27) e a publicação do decreto municipal até sexta (28), para retomada das atividades econômicas e funcionamentos na próxima semana, quando o município avançar para a fase amarela do Plano São Paulo.

Cuidados
O centro comercial continua realizando procedimentos de higiene e prevenção contra o Covid-19, entre eles desinfecção rotineira de todas as áreas, aferição de temperatura de clientes e funcionários nas entradas, pontos de álcool em gel a 70% para utilização de clientes e funcionários, reforço nas sinalizações internas, obrigatoriedade do uso de máscaras e redução dos acessos de entrada aos empreendimentos.

Fonte: Marketing – Bruna Marcon

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Via Vale realiza drive-thru de testes do Covid-19

No local são realizados o teste rápido e o convencional

A partir desta quarta (26) a cidade de Taubaté e toda a região ganha mais um reforço na testagem de pessoas com covid-19. A iniciativa do shopping, firmada em parceria com o laboratório CIPAX Medicina Diagnóstica, apresenta três tipos de testes aos visitantes do empreendimento: Teste Rápido, Sorologia e RT-PCR.

Os testes são realizados no sistema drive-thru, e o cliente não precisa sair do carro. Uma tenda montada no estacionamento, em espaço isolado, garante o conforto e segurança de todos, clientes, funcionários do shopping e profissionais da saúde.

Os exames são feitos por ordem de chegada, e o pagamento deve ser feito no local. O laboratório oferece descontos especiais para empresas e atende a diversos convênios médicos. Os prazos para resultado dos exames variam de acordo com a complexidade, de 1 a 3 dias úteis. Os clientes que realizarem o teste terão a isenção de estacionamento do período.

“Essa ação reforça o nosso compromisso com a cidade, em contribuir com as estatísticas de pessoas testadas e reforçar a importância do cuidado com a saúde de todos que nos visitam diariamente” afirma Stefano Mattioli, superintendente do empreendimento.

Vale reforçar que o shopping está de portas abertas, seguindo todos os protocolos de higiene e segurança exigidos pelo decreto municipal e vigilância sanitária, atendendo de segunda a sábado, das 12h às 20h, e aos domingos e feriados, apenas com as operações consideradas essenciais.

Serviço

Testes para Covid-19: Drive Thru

Data: a partir de 26 de agosto, por tempo indeterminado

Segunda a sexta-feira, das 10h às 17h e Sábado das 10h às 16h.

Mais informações:

WhatsApp: (12) 97409-4525 / (12) 3203-0633
E-mail: covid@cipax.com.br

Fonte: Marketing – Aline Duarte

 

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Taubaté Shopping amplia funcionamento

Taubaté Shopping tem novos horários, reabre praça de alimentação e intensifica ainda mais as ações de segurança com a saúde

Centro de compras passa a funcionar no atendimento presencial de segunda a sábado, das 13h às 19h, e adota procedimentos em linha com os órgãos governamentais

Em linha com o decreto municipal 14.782 e o “Protocolo de Recomendações para bares, restaurantes e similares”, ambos documentos da prefeitura da cidade, o Taubaté Shopping está com novos horários de atendimento presencial, agora de segunda a sábado, das 13h às 19h. A alteração, que foi possível após a região entrar na Fase Amarela do Plano São Paulo, na última sexta-feira (7), envolve também as operações de alimentação, que podem retomar o atendimento presencial.

Entre as exigências para o retorno das praças de alimentação no atendimento presencial está o limite de ocupação das mesas em 40% da capacidade total – a regra vale tanto para as mesas das áreas comuns do shopping quanto aos estabelecimentos que possuem seus próprios espaços de refeição para os clientes. “Fizemos o isolamento do número de mesas para garantir o respeito a esse limite estabelecido, assim como teremos uma rotina intensa de higienização desses espaços por parte da nossa equipe de limpeza”, destaca a coordenadora de Marketing do Taubaté Shopping, Rebeca Lazarini.

Tecnologia em prol da saúde

Para ajudar nas medidas de segurança com a saúde, o Taubaté Shopping instalou na Praça de Alimentação um esterilizador de ar, com capacidade de purificar o ar em até 99%, somando-se a essa ação a desinfecção rotineira de todas as áreas do empreendimento, pontos de álcool em gel a 70% para utilização dos clientes e dos funcionários do local, reforço nas sinalizações internas, como a demarcação de espaço para filas, orientações junto aos lojistas e funcionários quanto aos cuidados na prevenção, obrigatoriedade do uso de máscaras por funcionários e clientes e redução dos acessos de entrada ao empreendimento.

Sistemas de delivery e drive-thru seguem funcionando

Mesmo com mais um passo da reabertura, o Taubaté Shopping irá manter o incentivo e a estrutura para os atendimentos nos sistemas delivery e drive-thru. O cliente precisa apenas enviar um “oi” para o WhatsApp (12) 98293-1645 e receber a lista das lojas participantes. A vitrine virtual do Taubaté Shopping está disponível no link: https://taubateshopping.com.br/vitrine.asp

Eventos e atividades que possam gerar aglomeração permanecem suspensas; por isso, seguem fechadas áreas de lazer, de jogos, de boliche, parques infantis e o cinema.

Fonte: Communicare – Giovanni Rodrigues

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Na atividade

Campanha interna Hospital 10 de Julho

O Hospital 10 de Julho da Unimed Pindamonhangaba promoveu uma campanha para homenagear seus profissionais e um concurso interno para premiar a equipe.

A campanha teve a colaboração dos moradores da cidade, que enviaram mensagens de incentivo aos profissionais de saúde. Essas mensagens foram colocadas em pontos estratégicos do hospital e projetadas na parede com fotos dos colaboradores.

O concurso teve como tema “Minha Profissão”. Os enfermeiros elaboraram frases sobre o aprendizado obtido com a carreira e as autoras das três frases mais votadas ganharam kits de produtos Natura. As enfermeiras premiadas foram: Fabiana Romão, Sara Alves e Mariana Rezende Merlan Rodrigues. “Aprendi com a enfermagem que o respeito é dom; amar ao próximo é Deus. “Virtudes de almas elegantes” foi a frase campeã, escrita por Fabiana.

Responsável: Raffael Cavalheiro
Colaboradores: Felipe França
Agência: Luck
Cliente: Unimed Pindamonhangaba e Hospital 10 de Julho
Campanha: Incentivo aos Colaboradores na linha de frente (COVID 19)

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Covid-19: Como a pandemia influencia as preocupações e decisões financeiras do brasileiro?

Com menos dinheiro para gastar, o planejamento financeiro se faz cada vez mais necessário

Enquanto nos aproximamos do fim do terceiro mês da pandemia do novo coronavírus, somos invadidos por uma série de preocupações. A instabilidade da economia e o consequente efeito da crise impactam diretamente na renda e os hábitos de consumo são proporcionalmente afetados. À medida que a pandemia avança cresce a preocupação da população e, no caso do Brasil, a situação política e econômica faz com que os índices sejam maiores que a média global.

Com menos dinheiro para gastar, o planejamento financeiro se faz cada vez mais necessário, assim como o interesse pelos preços, descontos e promoções.

Desde o início do isolamento social, o e-commerce tem apresentado crescimento entre os consumidores, com destaque para os domicílios com crianças. A realidade de uma quarentena com filhos em casa cria necessidades específicas que o e-commerce pode atender em diversos aspectos, fazendo desse público o mais inclinado a aumentar ainda mais as compras online no futuro. Esse comportamento indica uma oportunidade para as lojas online, mesmo depois da pandemia.

Fonte: Tamer – Karina Rodrigues
Assessora de Imprensa

Share and Enjoy !

0Shares
0 0