Na atividade

Ano de mudanças

A Lüdke, agência fundada e capitaneada por Marília Lüdke, acaba de mudar de nome e identidade visual. A nova denominação da agência é LDK Marketing Digital.

A LDK segue prestando serviços nas áreas de Identidade Visual, Gestão de Mídias Sociais e Marketing de Conteúdo, mas promete novidades em breve no seu portfólio de serviços.

Marília Lüdke

Veja o texto postado nos perfis da agência nas redes sociais:

“Estamos de cara nova, galera! 2020 nos mostrou que é preciso mudar, se reinventar! Pra vocês aí também?
Nesse ano teremos muitas novidades por aqui. Dicas e conteúdo pra você aderir à sua empresa/ao seu negócio, gente nova entrando como cliente e queremos mostrar ainda mais do nosso dia a dia!
Se você também quer se reinventar, dar um UP no seu Negócio, fale conosco!”

 

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Número de mulheres cresce e ganha destaque no empreendedorismo

No Taubaté Shopping, mulheres em posição de liderança destacam os desafios e as alegrias de administrar o próprio negócio

Pesquisa realizada pela OnePoll mostra que 63% das brasileiras têm como principal motivação para empreender a vontade de se tornar sua própria chefe. As motivações para investir no próprio negócio são as mais variadas, incluindo ainda maior flexibilidade e a realização de sonhos pessoais, como contam as empresárias Luzia Costa, da Sóbrancelhas, e Eliane Rodrigues da Silva, da Botoclinic – elas que estão entre as cerca de 50 mulheres que administram suas próprias operações dentro do Taubaté Shopping.

Segundo Luzia, sua dedicação ao empreendedorismo já soma mais de 15 anos. “Já tive vários negócios, desde carrinho de lanche, pizzaria, tenda de massagem na praia e fiz e vendi pirulito”, recorda. “Mas foi quando tive o meu próprio centro de treinamento na área de embelezamento do olhar e da face que descobri que poderia ter minha própria marca.” Nasceu, então, há 7 anos, a Sóbrancelhas, que atua no segmento de beleza e estética e teve no Taubaté Shopping a sua loja modelo, a partir da qual a marca criou tendência e se expandiu, inclusive, para outros centros de compras. “A escolha pelo segmento, em primeiro lugar, foi pela identificação e também pelo conhecimento da área e das técnicas. O desafio foi entrar no mercado como franquia e as pessoas não acreditarem no começo que eu poderia vender unidades e ganhar dinheiro ‘fazendo sobrancelhas’. Hoje somos líder no mercado”, destaca.

Nos desafios do empreendedorismo há 13 anos, Eliane Rodrigues da Silva investiu na área de beleza a partir de 2019, quando adquiriu a franquia da Botoclinic. “A área da estética é uma das que mais crescem no nosso país. E por que não ser algo prático e fácil, nos dias corridos que vivemos hoje? A praticidade precisa existir e estamos aqui para mudar os conceitos”, ressalta. A unidade está no Taubaté Shopping desde fevereiro deste ano. “Escolhi o Taubaté Shopping por ser bem localizado, com um fluxo muito bom de pessoas e com uma grande credibilidade na cidade. Acredito que seja um dos locais mais queridos pelas pessoas que procuram passear e fazer compras”, detalha Eliane.

Os desafios de empreender
“São vários os desafios diários”, afirma Luzia ao falar sobre manter o próprio negócio. “Você precisa acreditar no seu negócio e ‘vendê-lo’ todos os dias. É preciso inovar sempre, estar de olho no mercado e sempre se adaptar às mudanças. O sentimento é de gratidão por ver o negócio prosperando, ver seu sonho sendo sonho de outros empreendedores pelo Brasil e pela América Latina também não tem preço; além de ver os clientes felizes com o resultado de serviços e com a linha de produtos é muito gratificante.”

Seguir em frente sempre
Tanto Eliane quanto Luzia reforçam que, mesmo diante de um cenário adverso como o atual, o objetivo tem que ser sempre acreditar. “Esse não foi um ano fácil para as vendas. Porém, mais difícil do que lidar com as contas, foi lidar com o vírus se espalhando; mas sabemos que é transitório e temos que ter fé que dias melhores virão em breve. Que sejamos fortes para continuar lutando, sempre agradecendo pela nossa saúde e disposição”, destaca Eliane. Luzia reforça: “Não podemos parar. É necessário criar em momentos de dificuldades e se moldar aos acontecimentos; ser resiliente é um dos principais fatores para uma empresa prosperar e não ser afetada em situações desafiadoras como a que enfrentamos.”

Fonte: Communicare – Giovanni Rodrigues

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

ACIT lança cartão

ACIT lança ACITCard

A Associação Comercial e Industrial de Taubaté, sempre trabalhando com foco na valorização do comércio local e de olho nas novidades do mercado para que os associados possam oferecer as melhores condições e os melhores produtos aos seus consumidores, lança agora o ACITCard.

O cartão chega trazendo uma série de vantagens e facilidades para as empresas, para os empregadores e para os empregados.

Os benefícios para a empresa que passarem a aceitar o ACITCard em seu estabelecimento como forma de pagamento são inúmeras. Além da vantagem de ter clientes qualificados (os associados da ACIT), o cartão ainda pratica a menor taxa de administração de mercado, garante o recebimento, a possibilidade de aumento das vendas e dos lucros, a fidelização de cliente, a facilidade de consultar extratos e relatórios financeiros online e, ainda, um baixo custo por adesão.Já para as empresas que aderirem ao ACITCard como forma de benefício para seus colaboradores poderão oferecer, de forma mais rápida e prática, o vale alimentação, refeição, combustível e material escolar.

 

Além disso, a recarga mensal é feita sem cobrança de taxa. Existe ainda a possibilidade de inscrição para usufruir dos benefícios do PAT (isenção de 4% no IR para lucro real), a inexistência de qualquer taxa, a facilidade de adequação do software ao programa de folha de pagamento, além de dar a liberdade ao funcionário de escolher o que e onde comprar dentre as empresas que aceitam o cartão, sem custo para emissão do primeiro cartão para cada funcionário e ainda um sistema todo online para controle, solicitação e utilização do RH.

Black Friday ACITCard

A ACIT também aderiu ao período de promoção e descontos da Black Friday, e todas as empresas associadas que assinarem contrato até o final de novembro terão desconto de 50% na taxa de adesão.

Todas as informações sobre como aderir e detalhes sobre os benefícios e vantagens podem ser obtidas diretamente no Departamento Comercial da ACIT pelo telefone (12) 2125-8201, whatsapp (12) 99189-7964 ou email: acit@taubate.com.br. A entidade está localizada na rua Jacques Félix, 675 – Centro – Taubaté.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Bruna Abifadel

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

ACIT traz o Café Virtual ACIT

ACIT realiza 1º Café Virtual dos Associados

No próximo dia 25 de novembro, quarta-feira, a Associação Comercial e Industrial de Taubaté realiza a primeira edição do Café Virtual ACIT, um evento exclusivo para Associados.

Desde o início do período de isolamento social todos os eventos presenciais foram suspensos. Entre eles está o tradicional Café dos Associados, um encontro realizado para promover o networking entre os empresários e que traz sempre assuntos atuais e pertinentes ao mercado e seu momento econômico e comportamental, oferecendo informações que auxiliam o comerciante para um melhor desemprenho em seu negócio.

Após todos esses meses de adaptação, a ACIT, atendendo as novas necessidades e regras do mercado, se reajustou e agora traz o encontro de forma online.

O evento será transmitido pela plataforma Zoom e tem início às 8h30. Na programação está a apresentação dos empresários, como acontece na versão presencial, seguido da palestra e um segundo momento de networking entre os participantes.

A palestra será ministrada por Camila Judice, que irá abordar sobre o tema “Adaptação e Inovação: Ampliando percepções”.

As inscrições não têm custo adicional mas precisam ser feitas previamente. Para participar é necessário solicitar o link com o formulário de inscrição, que deve ser completamente preenchido para que, no dia do Café, o associado receba o link de acesso à sala virtual, que será enviado no email registrado na ficha.

O link da inscrição deve ser solicitado diretamente na ACIT pelo telefone (12) 2125-8210/8211, whatsapp (12) 99189-7964 ou ainda pelo email cursos.acit@taubate.com.br. Maiores informações também podem ser obtidas por esses meios.

Sobre Camila Judice – Pós-graduada em Administração de Recursos Humanos com ênfase em Desenvolvimento Organizacional, especialista em Pedagogia Empresarial. Atua há mais de dez anos na área de recursos humanos, treinamentos, administração de pessoal, recrutamento e seleção. Professional e Leader Coach, Membro da Academia Brasileira de Coaching. É certificada internacionalmente em Sucesso em Liderança. Formação completa em Constelação Familiar Sistêmica e Organizacional. Formação inicial em HQI (Homeostase Quântica Informacional). Assessora de Gerenciamento Empresarial, especialista em Eneagrama aplicado em processos de Coaching e Desenvolvimento de Lideranças. Formação Intensiva em Eneagrama, Tradição Narrativa de Helen Palmer e David Daniels. Especialista em Educação Sistêmica. Palestrante, Consultora e idealizadora do Instituto Eneaser Desenvolvimento Humano.

Fonte: Assessoria de Imprensa – Bruna Abifadel

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Transformação digital deve ser constante em empresas de todos os portes

São Paulo, SP 6/11/2020 – “Transformação digital tem a ver com cultura de inovação, de experimentar todas as plataformas que estão à nossa disposição”, afirmou Gustavo.

Empreendedores discutem necessidade de inovar tecnologicamente nos negócios

O conceito de transformação digital significa reestruturar os processos de uma empresa, implantando uma cultura digital com o objetivo de ganhar produtividade, otimizar o desempenho e melhorar os resultados. Todo esse processo visa caminhos cada vez mais prósperos, e alinhado com expertise e visão de futuro, tem o poder de fazer os negócios decolarem. Esse tema vem sendo bastante discutido em diversas áreas.

Segundo estudo da empresa de dispositivos móveis Ericsson, até 2030, a digitalização de indústrias e serviços pode ter um grande impacto em diversos setores da economia em todo o mundo, podendo aportar até US$ 3,8 trilhões (R$ 15,86 trilhões) à economia global.

A temática “Inovação e Transformação Digital” inspirou um bate-papo entre José Paulo Pereira Silva, CEO do Grupo Ideal Trends, e Gustavo Caetano, CEO da Samba Tech. Segundo os empreendedores, mesmo que tecnologia seja a peça-chave da transformação digital, esse conceito busca transmitir algo além da utilização de soluções tecnológicas dentro das empresas. É preciso criar uma mentalidade digital. “Transformação digital tem a ver com cultura de inovação, de experimentar todas as plataformas que estão à nossa disposição”, afirmou Gustavo.

Em outro estudo, conduzido pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) foram apresentados, no fim de outubro, relatórios sobre a economia digital e o acesso às telecomunicações no Brasil. Segundo a pesquisa, apenas 54% das empresas brasileiras com dez empregados ou mais tinham site próprio em 2019.

Nesse contexto, os empreendedores afirmaram que pequenos empresários devem usar a tecnologia ao seu favor e que não podem se intimidar com ela. “Hoje temos ferramentas poderosíssimas em nossas mãos e tudo ficou acessível. O grande problema é que as pessoas ainda têm um pré-conceito com a tecnologia, enxergam tudo como sendo complicado. Para o progresso tecnológico e financeiro, essa relação de medo deve parar’’, afirma Gustavo. Conforme o especialista, a pequena empresa deve crescer à medida que o cliente cresce. “Às vezes o gasto com tecnologia é tão pouco se comparado ao retorno que dá”, encoraja.

Para que a transformação digital ocorra dentro de uma empresa é preciso que os processos utilizados na produção e comercialização dos serviços oferecidos por ela sejam instantâneos e ágeis. Sabendo disso, José Paulo incentiva os internautas a buscarem sempre mais informações. “A internet apresenta novas possibilidades constantemente e os ciclos de inovação estão cada vez mais curtos. Tem muita tecnologia nova chegando diariamente, devemos ser estudiosos e correr atrás desse conhecimento. O país é composto por homens e livros”, conclui, citando Gandhi.

Conexão simples 

Outra ideia discutida durante a troca de informações foi a de que a tecnologia deve funcionar de maneira simples para que todas pessoas se sintam integradas a ela. ”Eu vi o seu site, José Paulo. Eu achei ele genial pois ele é simples e interativo. A pessoa não precisa entender de tecnologia para poder navegar por ele”, elogia Gustavo Caetano. A simplicidade do funcionamento de meios tecnológicos é uma tendência. “Todas as empresas bem-sucedidas chegaram nesse patamar porque entenderam que quanto mais simples melhor”, observa Gustavo.

Mentalidade Digital 

A transformação digital em uma empresa caminha ao lado da mudança cultural. Buscar o conhecimento é a base do sucesso. “Temos que ter uma visão de transformação digital na educação, nos sistemas de governo, para ter um povo que busca o conhecimento e se torne competitivo. Nós temos que compreender que tecnologia, inovação e competitividade estão totalmente interligadas com preparo”, enfatiza José Paulo.

Website: https://www.idealtrends.com.br/

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Plataforma de marketing digital auxilia empreendedores de negócios on-line

São Paulo, SP 6/11/2020 – “Os meios digitais apresentam boas oportunidades para quem deseja empreender e dispõe de poucos recursos.”

Sistema IBVD foi desenvolvido para ajudar quem deseja iniciar ou expandir negócios pela internet, mas por não ter conhecimento técnico prefere ferramentas simples, que oferecem suporte para todas as suas necessidades e ainda geram relatórios detalhados de acessos.

Quem vinha ensaiando iniciar um negócio no mundo digital viu-se forçado a agir nesse momento de pandemia, mas a complexidade das ferramentas disponíveis reacendeu o sonho de uma página personalizada para ganhar dinheiro na internet simples de operar e com robôs que automatizam processos de comunicação com os prospectos, seja para venda de produtos, serviços, oportunidades de negócios ou recrutamento.

Essa é a principal demanda, considerando a expressividade dos empreendedores de pequeno porte. Em 2019, eles eram 26,9% do total e este ano passaram a representar 48,6% das 1,3 milhão de lojas de e-commerce existentes no Brasil, conforme apurou a sexta edição da pesquisa Perfil do E-Commerce Brasileiro feita pelo Paypal Brasil e Big Data Corp. No geral, a oferta de bens e serviços pelos meios digitais cresceu 40,7% nos últimos 12 meses, com destaque para cerca de 300 mil lojas de comércio eletrônico operadas apenas pelo empreendedor, sem nenhum funcionário.

“Os meios digitais apresentam boas oportunidades para quem deseja empreender e dispõe de poucos recursos, pois há no mercado importantes fornecedores de ambientes de hospedagem de baixo custo com suporte necessário para o desenvolvimento do negócio”, diz Edmundo Roveri, idealizador do Sistema IBVD, uma plataforma que objetiva abrir caminhos para empreendedores digitais.

“Nossa intenção com essa plataforma é facilitar a vida de quem deseja iniciar ou expandir seu negócio usando a internet, proporcionando todos os recursos necessários ao sucesso de forma simples, sem exigir qualquer experiência ou conhecimento prévio”, explica Roveri.

Os testes foram iniciados há quatro anos e durante esse tempo a tecnologia já vinha sendo usada para atender vários clientes. Nesse período de teste, a ferramenta foi aprimorada e agora, depois dos ajustes necessários, está disponível para oferecer a tranquilidade que esses empresários precisam para realizar os seus sonhos. A estrutura da plataforma não tem complicações, atende às demandas dos empreendedores digitais que têm poucos recursos financeiros e oferece 200 temas direcionados a todos os tipos de mercado, prontos para instalação, com design apropriado e customizáveis em cinco minutos.

A ferramenta permite criar sites de marketing digital, multinível e infoprodutos, incluindo as muitas variações de cursos on-line. Com as facilidades de gestão do site, o empreendedor fica mais livre para direcionar sua atenção à estratégia de conquistar cada vez mais clientes e a planejar o crescimento.

A cada ação desenvolvida, a plataforma IBVD fornece relatório detalhado de leads gerados e isso possibilita classificar os contatos em “quentes” e “frios”. Com essa informação valiosa, o empreendedor pode escolher a comunicação específica para cada um desses públicos e disparar sequências personalizadas de e-mail marketing, ampliando a expectativa de conversão.

Para ampliar e qualificar a lista de contatos, a plataforma IBVD oferece integração com ferramentas de criação de “chatbots” para captação de contatos no Facebook e recurso personalizado para divulgar links e acessar grupos de WhatsApp a fim de gerar cliques e multiplicar a visualização da página.

“Ao criar a página e tornar-se membro da família IBVD, o empreendedor terá em seu site uma porta de acesso ao CRM – Customer Relationship Management que disponibilizamos na plataforma especialmente para proporcionar crescimento exponencial da lista de clientes e ao mesmo tempo abrir um leque de possibilidades de gerenciar ações de fidelização”, afirma Roveri.

Além das vantagens concedidas para facilitar o retorno do investimento, segundo Roveri, o empreendedor pode ainda desfrutar do programa de afiliados e obter rendimentos extras toda vez que convencer a entrar para a plataforma algum amigo disposto como ele a aumentar suas oportunidades de ganhar dinheiro no mundo digital.

Mais informações sobre a plataforma IBVD estão disponíveis no endereço: http://www.sistemaibvd.com.

Website: http://www.sistemaibvd.com

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Fusão e aquisição de startups bate recorde em 2020

Porto Alegre, RS 5/11/2020 – Mesmo em um momento de isolamento social, até setembro de 2020, já foram realizadas 100 operações de fusão e aquisição de startups no Brasil.

O processo de fusão e aquisição pode aumentar o valor de uma empresa.

Mesmo em um momento de isolamento social por conta da Covid-19, até setembro de 2020, de acordo com dados divulgados pela empresa Distrito – e veiculados com exclusividade pelo Estadão – já foram realizadas 100 operações de fusão e aquisição de startups no Brasil, o que consagra 2020 como o ano com mais operação deste estilo.

Este tipo de processo pode ocorrer por diferentes razões. Entre as motivações que se pode citar, há o caso de proprietários e CEOs que veem nesta operação uma oportunidade para a empresa crescer de forma mais aceleradas e correndo menos riscos do que pelos meios tradicionais.
Hoje, há diferentes empresas que buscam oferecer alternativas para companhias que desejam iniciar operações deste estilo em seus negócios, como é o caso da Studio Brokers.

Para entender melhor de que maneira a Brokers, pertencente à rede de franquias Grupo Studio, pretende inovar em seu mercado, Felipe Lopes, head da bandeira, explica, em detalhes, a atuação da empresa.

Como o processo de fusão e aquisição pode aumentar o valor de uma empresa

Para Felipe, o processo de fusão e aquisição de empresas pode ser um fator determinante tanto para aumentar a competitividade daquela nova empresa no mercado quanto diversificar os seus negócios, uma vez que envolve, a partir deste processo, diferentes empresas.

No caso da Studio Brokers, além do processo completo de venda, há também a consultoria prévia, que auxilia os empresários a entender melhor como funcionará seu negócio a partir do processo de M&A (fusões e aquisições):

“A Studio Brokers é o braço de fusões e aquisições do Grupo Studio. Conduzimos desde uma consultoria prévia para aumento do valor da empresa até o processo completo de venda que inclui avaliação, prospecção de investidores e negociação”, conta o head da bandeira.

A fim de inovar no seu mercado, Felipe comenta que a Brokers atua descentralizando, de forma profissionalizada, o processo de M&A:

“Procuramos descentralizar o processo clássico de M&A, uma vez que, como bandeiras, atuamos desde a geração de valor à preparação para vendas das empresas e, finalmente, finalização dos mandatos”, complementa.

Por fim, a empresa que se torna franqueada da Studio Brokers passa a contar não apenas com serviços completos da área, mas também com toda a excelência e inovação em serviços corporativos inteligentes para empresas de todos os portes e regimes de tributação que a Grupo Studio, com mais de 20 anos de atuação, oferece.

Grupo Studio

O Grupo Studio é uma rede voltada para atender necessidades das empresas brasileiras de todos os portes e segmentos. As soluções vão desde a recuperação de impostos pagos a mais até a implantação de um projeto com placas solares para geração de energia fotovoltaica com propósito de redução do custo energético da empresa.

No mercado há 11 anos, a maior rede de franquias trabalha constantemente na evolução de seus modelos de negócios, sendo, inclusive, um dos grupos mais premiados do Brasil.

Website: https://invista.grupostudio.com.br/studio-brokers/

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Jornada inteligente para a nuvem requer planejamento

São Paulo, SP 5/11/2020 – Como qualquer tecnologia, os serviços em nuvem foram se tornando mais robustos à medida que mais recursos foram sendo incorporados

Segundo o Gartner, até 2023, mais de 60% das organizações que já utilizam a tecnologia passarão a utilizar soluções de nuvem inteligente.

O advento da pandemia pressionou muitas empresas que ainda relutavam em migrar os ambientes para a nuvem — ou embarcar na transformação digital utilizando essa tecnologia — a seguirem por esse caminho para manter a competitividade e, por vezes, a existência dos negócios.

Porém, como qualquer tecnologia, os serviços em nuvem foram se tornando mais robustos à medida que mais recursos foram sendo incorporados, tornando-se mais complexos para responder às mudanças. Isso tem exigido uma transformação tanto na governança das empresas, como na cultura e até na forma como a infraestrutura em nuvem funciona.

“Apenas migrar recursos para a nuvem não é mais suficiente, passa a ser necessário um projeto estratégico, de planejamento minucioso, a responder questões como, por exemplo, quais dados serão armazenados em nuvem pública e quais ficarão em nuvem privada com monitoramento de acessos e rotinas automatizadas de governança. Segundo o Gartner, até 2023, mais de 60% das organizações que já utilizam a tecnologia passarão a utilizar soluções de nuvem inteligente”, ressalta Leonel Nogueira, CEO da Global TI .

Para auxiliar os líderes de TI a garantir iniciativas de adoção de nuvem bem-sucedidas, que se alinham às prioridades de negócios. A seguir, vale conferir cinco práticas recomendadas pelo Gartner para iniciativas inteligentes de nuvem:

1: É preciso fechar a lacuna entre as expectativas da nuvem e a realidade
Ter metas e expectativas para a nuvem não é sinônimo de execução bem-sucedida. Por meio de várias interações com clientes, o Gartner observou que as seguintes lacunas são comuns nessa jornada:

Entre as aspirações da organização e a capacidade da equipe interna de executar;
Entre os ganhos esperados da nuvem e a realidade do que a nuvem pode oferecer
Entre a estratégia de negócios da organização e a estratégia de nuvem;
Entre o modelo operacional existente e exigido ou entre as práticas fundamentais existentes e exigidas, como: governança, conformidade e segurança.

Os responsáveis por infraestrutura devem conscientizar os tomadores de decisão sobre qualquer limitação técnica ou locais da nuvem, além do potencial para que surjam as lacunas citadas. Abordá-los permite que as organizações estabeleçam metas mais realistas para iniciativas de nuvem e redirecionem os recursos adequados para ganhos reais de valor aos negócios.

2: Estratégia de governança automatizada
Os serviços em nuvem evoluíram ao ponto de oferecer 10 vezes, ou até 100 vezes, mais opções de configuração. Naturalmente, é quase impossível para as práticas existentes acompanhar essas mudanças, colocando as organizações em riscos de violações de segurança, perda de dados, problemas de conformidade e até orçamentos fora do budget. Para reduzir o risco de perder o controle, os responsáveis por infraestrutura devem se concentrar na criação e automatização de uma estratégia de governança.

3: Uma “Febre” inteligente em nuvem
Os responsáveis por infraestrutura devem priorizar as cargas de trabalho a serem movidas para a nuvem, usando um processo de seleção de loop contínuo de “círculo completo”: mais rápido, mais fácil, valioso, eficiente e repetitivo, ou “Febre”, como o Gartner o chama. Também selecione as cargas de trabalho que priorizam velocidade, simplicidade e valor comercial ao migrar.

Isso pode ser feito em várias ondas. Na onda um – faça a movimentação das cargas de trabalho mais fáceis e econômicas. Na onda dois, mova as segundas cargas e repita até que as cargas de trabalho restantes não possam ser migradas rapidamente, de maneira que não resulte em custos operacionais.

4: A simplicidade
Os principais provedores de nuvem introduzem centenas de novos recursos em suas ofertas todos os anos, o que adiciona uma camada de complexidade que pode retardar a jornada cloud. É recomendado manter a simplicidade e a segurança, porque reflete o princípio de que a maioria dos sistemas funciona melhor quando a complexidade é minimizada. Os responsáveis por infraestrutura devem evitar um número excessivo de componentes ou integrações e usar estruturas e arquiteturas comprovadas para mantê-lo simples.

5: Realidade da nuvem
Nem todos os aplicativos e cargas de trabalho se beneficiam da nuvem. Há uma série de diferenças regionais e locais que a nuvem tem, por exemplo, latências de rede, disponibilidade de serviços locais, requisitos regulatórios e muito mais. As prioridades e circunstâncias também variam entre as empresas e a jornada para a nuvem deve ser adaptada às situações. É importante defender as iniciativas que estão na nuvem que se alinham não apenas ao contexto da organização, mas também às realidades locais da nuvem.

Fonte: baseado em https://siliconangle.com/2020/08/07/cloud-first-not-enough-five-best-practices-cloud-smart-journey/

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Pandemia alavanca empreendedorismo de oportunidade

Uberlândia – MG 4/11/2020 –

Segmento de limpeza e higienização cresce dentro da crise

As medidas recomendadas para a prevenção do contágio da Covid-19 mudaram hábitos e costumes no mundo todo. A suspensão das aulas e das atividades comerciais e serviços não essenciais desestabilizaram a economia e acenderam o alerta de crise. Porém, assim como gerou desespero e impacto negativo sobre vários setores, desencadeou um movimento de expansão em alguns segmentos. Esse é o caso, por exemplo, do ramo de limpeza e higienização, que teve um crescimento superior a 20% somente nos primeiros meses da pandemia.

Dentro desse cenário econômico, empreendedores perceberam nesse nicho a abertura de oportunidades. Os produtos utilizados para desinfecção e esterilização vão continuar em alta e as novas medidas de higiene vieram para ficar. Esse é um mercado que vai movimentar oito bilhões de dólares no país, somente em 2020. O segmento não para de crescer, o que o deixa ainda mais atrativo.

Empreendedorismo ancorado em uma marca forte

Um outro fator que fortalece ainda mais a segurança de empreender no segmento de limpeza e higienização é a possibilidade de poder contar com a parceria de uma marca forte. Começar o próprio negócio contando com o poder de uma marca reconhecida é quase uma garantia de sucesso.

A Start Química, fundada em 1987, é uma das marcas mais fortes no Brasil em higiene e limpeza. Aliando experiência e pioneirismo, a empresa lançou um modelo de negócio ideal para quem quer empreender e crescer, com investimento inicial proporcional ao porte do empreendimento.

O licenciamento de uma unidade de Centro de Soluções em Limpeza e Higienização é uma oportunidade de iniciar um negócio novo com enorme potencial de crescimento, ou ainda agregar uma fonte de renda garantida a um varejo já existente.

A Start Shop é uma moderna concepção que foge dos obstáculos próprios do formato de franquia. Em outras palavras, não é franquia, é uma parceria. Dentro desse conceito, idealizado para facilitar a adesão de pequenos investidores até grandes varejistas, a Start Shop consiste em uma cessão da marca Start Química.

Modelo de negócios Start Shop

O modelo Start Shop prevê apenas um investimento inicial de mil reais por metro quadrado de instalação, considerando infraestrutura da loja e primeiro pedido, e o compromisso de exclusividade com a marca Start Química. O lojista tem a liberdade de trabalhar com outras linhas e outros segmentos, dentro da mesma loja, oferecendo, por exemplo, embalagens, descartáveis, EPIs, ferragens, ou linha Pet.

O contrato não penaliza o parceiro com multas, em caso de desistência, e não contempla pagamento de royalties, mensalidade ou participação em resultados. Basta ter perfil comercial, o capital necessário de acordo com o tamanho da loja, estar pronto para aprender, colocar a mão na massa e trabalhar com os padrões compactuados.

Cada loja tem seu próprio nome, que é colocado junto com a marca Start Shop, conforme layout padrão de fachada, desenvolvido pela equipe de marketing da Start. A unidade também recebe assessoria e treinamentos presenciais e online, através da Unistart – primeira Universidade de limpeza online, para parceiros e funcionários. Além disso, conta com um técnico permanente à disposição para tirar dúvidas e fornecer orientações.

Uma empresa com presença em todo o território nacional

Presente em quase 3.500 cidades, nos 26 estados brasileiros e no distrito federal, a Start Química faz parte de um grupo organizacional que agrega 14 tipos de negócios, com mais de 3.850 colaboradores diretos e indiretos. São mais de 700 toneladas produzidas diariamente, atendendo todo o território nacional e exportando para vários países.

Dentre os setores de atuação do Grupo Lima & Pergher estão os segmentos de higiene e limpeza, reciclagem, embalagens plásticas, cosméticos, beleza, agronegócio, bebidas e oral care. Os produtos de limpeza e higienização incluem soluções domésticas e linha profissional.

O Azulim, primeiro produto brasileiro criado especificamente para cerâmicas, hoje é símbolo de limpeza e se transformou em uma completa linha de produtos. Da mesma forma, o Asseptgel, segmento de álcool gel, é agora apresentado em vários formatos e compõe diversos outros produtos, como lenços umedecidos e sabonetes.

A história dos Centros de Soluções de Limpeza e Higienização

Com uma procura cada vez maior por seus produtos, a empresa criou, em 2006, a primeira loja modelo da Start Shop, que se transformou no mais completo centro de soluções de limpeza e higienização. Em 2019, com a comprovação do êxito da experiência, iniciou a expansão desse modelo para todo o Brasil, no formato de parceria, e não de franquia. O diferencial das lojas parceiras da Start Shop é a assessoria dinâmica ao consumidor final, auxiliando com soluções para cada necessidade de limpeza.

Abrangendo mais de 120 municípios, o modelo de Centro de Soluções em Limpeza e Higienização já foi implementado em mais de 225 lojas parceiras empreendedoras, em apenas um ano. A meta para 2020 é alcançar um total de trezentas e cinquenta unidades em lojas parceiras, considerando a viabilidade comercial e estratégica de um estabelecimento para cada 30 mil habitantes.

“O segredo do sucesso do modelo de negócio da Start Shop está na prospecção ativa do empreendedor, no posicionamento diferenciado frente à concorrência, contando com o apoio da Start, com suporte técnico, consultoria de produtos, apoio de marketing e a força da marca. A Start Química possui um dos maiores mix de produtos de limpeza e higienização do Brasil, ultrapassando 1.800 itens”, conta o sócio-diretor de marketing da empresa, Marcos Pergher.

Website: http://www.startquimica.com.br

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Campanha “Compre em S. José” terá nova fase

ACI lança nova fase da campanha “Compre em S. José”

A Associação Comercial e Industrial de São José dos Campos lança uma nova etapa da campanha “Compre em S. José”, iniciada em junho com o objetivo de estimular as vendas do comércio na retomada da atividade econômica na cidade.

Nessa nova etapa, os consumidores poderão cadastrar cupons fiscais no aplicativo da campanha, o “Encontre Fácil ACI SJC”, e ganhar 1 ponto a cada R$ 1 cadastrado. Se o valor tiver sido gasto em lojas associadas da ACI, a pontuação dobra: R$ 1 gasto = 2 pontos.

A cada 100 pontos, é possível trocar a pontuação por um cupom exclusivo da ACI, que será usado para o sorteio de três cartões da campanha “Compre em S. José”, no valor de R$ 1.000 cada um. A premiação poderá ser utilizada para compras em qualquer estabelecimento associado da ACI.

Para participar, os interessados devem baixar o app “Encontre Fácil” e cadastrar seus cupons fiscais de 04/11 até 01/12. O sorteio será realizado no primeiro dia útil de dezembro, na sede da ACI (Rua Francisco Paes 56, centro). Outras informações, além do regulamento completo da promoção, podem ser consultados no site da ACI (www.acisjc.com.br).

Compre em S. José – Regulamento completo: http://acisjc.com.br/source/files/originals/Regulamento_0202004016_10-483501.pdf
Participação: 04/11 até 01/12
Sorteio: Primeiro dia útl de dezembro, na sede da ACI

Fonte: Matéria Consultoria & Mídia – Gabriel Camacho

Share and Enjoy !

0Shares
0 0