Acervo disponibiliza redações da Fuvest

Estadão Acervo disponibiliza todas as redações da Fuvest desde sua primeira edição

Em levantamento inédito, jornal disponibiliza infográfico com todas as redações do principal vestibular do País

unnamed-4

Em 1977 começava a história dos vestibulares da principal universidade do País, a Universidade de São Paulo (USP). A Fundação Universitária para o Vestibular, ou simplesmente Fuvest, já conta com 39 anos de provas e variados temas de redações. O Estadão Acervo, em uma iniciativa inédita de prestação de serviços, coloca no ar infográfico com todas as redações da Fuvest desde primeiro vestibular.

O infográfico permite buscas direcionadas por ano, temas, obras e autores usados nas propostas de redação, desde a criação da prova. O Estadão Acervo levantou todos os temas e o material traz a imagem de cada prova, permitindo navegação por todos os anos. Também é possível acompanhar a evolução do exame, observar a utilização de fontes diversas como poemas, imagens de obras de arte, letras de música e até uma tirinha de história em quadrinhos.

unnamed-4

O serviço permite ver a escolha de temas inusitados, como o da redação de 1983 que pedia aos candidatos que escrevessem uma história cujo final fosse o anúncio: “vende-se uma motoca”, e conhecer o autor mais citado na prova, no caso, o poeta Carlos Drummond de Andrade que teve suas obras usas em cinco exames diferentes, e ainda aparece numa entrevista usada como fonte em outra prova.

A primeira vez que a Fuvest usou uma imagem para expor o tema da redação e a história do primeiro vestibular, que teve locais de provas improvisados por causa de uma tempestade de verão, bem como notícias relacionadas ao vestibular, publicadas no jornal. Para acessar o material, basta entrar no Especial Redações da Fuvest.

Fonte: Lucia Faria Comunicação Corporativa – Marco Barone

Novo formato digital

Estadão inova forma de apresentar conteúdo com realidade virtual

Jornal lança aplicativos Estadão Realidade Virtual, com viagem 360º por Bonito (MS), e Caderno Interativo da série O Brasil que o Brasil quer, com conteúdo especial

unnamed-4

Um novo olhar na forma de ler e ver suas matérias. Assim o Estadão apresenta na próxima semana duas grandes novidades em sua mais recente incursão tecnológica, que possibilitará ao leitor “entrar” nas reportagens. Nesta segunda-feira (5), o público pode ter em suas mãos o caderno interativo da série “O Brasil que o Brasil quer”, com vídeos, áudios, infográficos interativos e galeria de fotos. Já hoje, terça-feira (6), estará disponível o Estadão Realidade Virtual, que colocará o veículo na vanguarda dos veículos de comunicação. São dois aplicativos inovadores que ampliarão as fronteiras multimeios do jornal.

“O objetivo é propiciar um formato inovador de imersão nos conteúdos do Estadão, onde quer que o leitor esteja, bastando apenas um smartphone. Apresentará novo olhar na apresentação de suas matérias. Dará a experiência de extrapolar as fronteiras do conhecimento. Com a realidade virtual, cada vídeo e mídias apresentados trarão infinitas possibilidades de imersão no conteúdo”, explica Marcelo Moraes, diretor de Marketing Publicitário do Estadão.

A primeira iniciativa do Estadão em realidade virtual (RV) foi em Bonito (MS), com um especial de aventura produzido pela blogueira Karina Oliani, que resultou em quatro atividades diferentes na companhia da apresentadora – trilha 4X4, rapel, mergulho e rafting, todos em RV. Segundo ela, a escolha por começar o trabalho em Bonito foi proposital. “Quando o Estadão veio com a proposta, me perguntei qual seria o lugar no mundo todo que mais gostaria de mostrar ao público. Não tive dúvidas na escolha e na sugestão que fiz ao jornal. Bonito é um dos lugares mais lindos do planeta e ideal para ser mostrado em uma realidade imersiva como essa”, afirma a aventureira, que tem no currículo viagens para mais de 90 países.

Além de blogueira do Estadão, está no ar na TV paga no programa “Desafio Celebridades” da Discovery. “A ideia é levar ao leitor as aventuras mais espetaculares do Brasil e do mundo. Muita coisa boa vem por aí.”
A realização e produção da “viagem” é da Academia de Filmes, uma das pioneiras em vídeos RV360. Toda a ação tem oferecimento da Mitsubishi. Para Tadeu Jungle, sócio da produtora, a realidade virtual trouxe uma mudança na narrativa que não se via desde a invenção do cinema e o Estadão está na vanguarda dessa disrupção tecnológica na forma de narrar uma notícia.

“Em 2017, 60% do tráfego na internet será por meio de vídeos. Imagina um jornal produzindo matérias em realidade virtual e levando seu leitor para dentro da notícia, com mudança na narrativa, pois nos leva a um mergulho no local onde o fato está acontecendo. Essa não é uma visão muito distante de acontecer. Posso afirmar, sem exagero, que essa experiência do Estadão dá início a uma nova era para o jornalismo, com infinitas possibilidades”, defende Jungle. Para ele, o jornal mostra seu valor, pois aposta em uma tecnologia que está apenas começando no Brasil e que tem muito futuro e será acessível a todos, bastando ter óculos especiais e um smartphone.

Para uma experiência completa, o leitor deverá usar óculos de realidade virtual e ter um experimento completamente imersivo nessa viagem, produzidos pela Beenoculus. Parceria do Estadão na iniciativa, a empresa é inovadora e está na vanguarda do desenvolvimento de projeto 360/realidade virtual, tendo desenvolvido os primeiros óculos de realidade virtual produzidos no Brasil, com uma inovadora “metodologia de educação imersiva em primeira pessoa”. Há também alternativa para os que não tiverem os óculos, pois o material também será repercutido na TV Estadão, Instagram e Facebook do jornal.
Projeto interativo especial – A outra frente vem de um projeto especial, mas que pode ter inúmeras alternativas e oportunidades. O caderno interativo da série “O Brasil que o Brasil quer”, patrocinado pela Siemens, proporcionará nova forma de ler jornal que vai além do texto, com vídeos, áudios, infográficos interativos e galeria de fotos.

O leitor que tiver o aplicativo terá acesso a conteúdo diferenciado da série e que também conta com eventos e boletins na Rádio Estadão. Para ler, basta baixar o app, posicionar o smartphone em cima do jornal e começar a viagem pelo material exclusivo.

Os aplicativos Estadão Realidade Virtual e Caderno Interativo Siemens estarão disponíveis para os sistemas Android e IOS e podem ser baixados gratuitamente. Assinantes do Estadão terão direito a desconto na compra dos óculos de RV.

Fonte: Lucia Faria Comunicação Corporativa – Marco Barone

Cannes altera julgamento para 2017

Cannes Lions anuncia mudanças no julgamento dos trabalhos para 2017

Organização define que grupos menores melhorarão qualidade das discussões na sala do júri

unnamed

O Estadão, representante oficial do Cannes Lions Festival Internacional de Criatividade, informa que a organização do evento anunciou mudanças nos júris para a próxima edição. O tamanho dos painéis de júri presentes em Cannes será reduzido em 92 membros, assegurando o mais alto padrão de debate significativo.

A primeira fase do processo de votação para o Promo & Activation, Media e Direct Lions será concluída nas semanas antes do Festival por um júri de shortlist. Os jurados serão selecionados usando o mesmo processo e critérios dos grupos de premiação e mantidos com os mesmos padrões rigorosos de neutralidade e justiça. O tamanho dos júris também será reduzido nas categorias Film, Radio, Print & Publishing, Outdoor, Digital Craft, Creative Effectiveness e Mobile.

“Proteger a integridade dos Leões é fazer com que as pessoas certas estejam na sala de julgamento. Alguns júris foram muito maiores do que outros no passado como resultado do número de inscrições que eles têm para julgar. Esse e o caso de Titanium, de dez pessoas extremamente qualificadas, considerado o padrão ideal. Depois de uma extensa consulta com jurados de edições anteriores e a indústria em geral, concluímos que podemos reduzir o número de membros do júri, permitindo-lhes ainda mais tempo para julgar os trabalhos”, diz José Papa, diretor-gerente da organização Cannes Lions.

“Eu preferiria ser julgado por um número menor de jurados, mais focados, mais responsáveis e mais qualificados. A responsabilidade coletiva e a qualidade da discussão são perdidas se você tem muitos jurados. O tamanho não é garantia de força”, comenta John Hegarty, fundador do Bartle Bogle Hegarty e presidente do júri de Titanium neste ano.
Philip Thomas, diretor-executivo do Cannes Lions, acrescenta que o padrão de julgamento e qualidade dos júris é um dos principais fatores que contribuem para o valor de longa data do Cannes Lions. “Defender o valor do Leão é fundamental.”

A edição de 2017 do Cannes Lions Festival Internacional de Criatividade acontece entre 17 e 24 de junho.

Fonte: Lucia Faria Comunicação Corporativa – Marco Barone

Global Creativity Report 2016

Cannes Lions divulga resultados do Global Creativity Report 2016

Relatório aponta números do Festival deste ano e mostra o Brasil em posição de destaque. Grey Brasil entrou na lista de Innovation Agency of the Year

unnamed

O Estadão, representante oficial do Cannes Lions Festival Internacional de Criatividade, informa que a organização do evento divulgou esta semana os resultados do Global Creativity Report, que aponta o ranking e as análises do Festival deste ano e que é visto dentro do mercado como padrão de referência para a excelência criativa em todo o mundo.

Segundo os dados, o Cannes Lions 2016 recebeu um recorde de 43.101 inscrições de 91 países. Os 24 prêmios Lions foram avaliados por 387 jurados e 61 países levaram troféus para casa. Entre os destaques do documento está São Paulo, que ficou em terceiro lugar entre as cidades com melhor desempenho individual, atrás somente de Nova York e Londres.

“Estamos muito satisfeitos em anunciar os resultados do relatório deste ano que servem de barômetro para os trabalhos mais inspiradores e criativos no mundo. Juntamente com o Festival de oito dias em junho, temos o prazer de oferecer conhecimento inestimável e conteúdo instigante para impulsionar o crescimento do negócio”, disse José Papa, diretor-gerente de Cannes Lions.

O Global Creativity Report mostra os trabalhos premiados, destaca os países e cidades, agências e networks mais criativos do mundo e identifica as tendências e temas mais relevantes da comunicação de marca. O relatório incorpora resultados do Cannes Lions, Lions Health, Lions Innovation e o novo Lions Entertainment.

Auckland, Nova Zelândia, assegurou um quarto lugar impressionante, passando de 19ª posição em 2015, confirmando a ascensão da Ásia-Pacífico no ranking das cidades. Tóquio ficou em 6º lugar, Melbourne em 160º, Bangkok em 170º e Mumbai em 200º, enquanto que Sydney teve queda consistente, ficando em 130º neste ano (9º em 2015 e 8º em 2014).

A Samsung ocupou o primeiro lugar no ranking de clientes (segundo em 2015). A Burger King assegurou o segundo lugar (havia sido quinto em 2015) e a Microsoft ficou em terceiro lugar. O ano de 2016 também foi forte para os mercados emergentes, Este ano, pela primeira vez, recebeu inscrições da Moldávia; além do primeiro Leão para El Salvador, Bangladesh, Arábia Saudita e Croácia e um primeiro ouro para Taiwan, em Entertainment Lions.

samsung-1163504_640Quatro agências da América do Sul figuraram na lista de Innovation Agency of the Year: Maruri Grey, Guayaquil, Equador, ocupou o segundo lugar; J.Walter Thompson Costa Rica, San José, em quinto; Grey Brasil, São Paulo, em oitavo; e McCann Lima, Peru, na 11ª posição. Três agências brasileiras entraram no top ranking de Health Agency of the Year: Havas Life, São Paulo, na sexta posição; Triunfo Sudler Brasil, Campinas, no 12º e McCann Health, São Paulo, na 17ª posição.

Os criativos com melhor desempenho também constam do relatório, incluindo diretores de arte, redatores, diretores de criação e diretores. Nicolas Hardy, da Argentina, tornou-se o diretor número um, uma primeira vez para o país, e Atul Kattukaran é o primeiro diretor indiano a figurar no top 10.

O Global Creativity Report também apresenta listagens completas para prêmios especiais, incluindo Agency of the Year, Network of the Year, Holding Company of the Year e Independent Agency of the Year, e estão disponíveis no Cannes Lions Archive onde o relatório pode ser acessado na íntegra mediante uma taxa de assinatura. Informações adicionais podem ser encontradas em: www.canneslionsarchive.com.

A edição 2017 do Cannes Lions Festival Internacional de Criatividade acontece entre 17 e 24 de junho, Cannes, França.

Fonte: Lucia Faria Comunicação Corporativa – Marco Barone

Novidade no Estadão

Página B2 do Estadão apresenta novidades

Totalmente reformulado graficamente e em seu conteúdo, espaço terá nova coluna, artigos e análise de cenários aos finais de semana

unnamed-2

Desde quinta-feira (20), a página B2 do caderno E&N (Economia & Negócios), do Estadão, apresenta novidades. O espaço ampliará a cobertura sobre o tema, com nova coluna de notas exclusivas, artigos de opinião e, ao fim da semana, cenário com os fatos mais marcantes dos dias anteriores. Para isso, foi totalmente reformulada graficamente e em seu conteúdo.

Como principal novidade está a estreia da Coluna do Broad (diminutivo adotado pelos profissionais do mercado para o Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado). A coluna ficará sob responsabilidade das jornalistas Aline Bronzati, Cynthia Decloedt e Fernanda Guimarães e coordenação do editor de Empresas e Setores, Márcio Rodrigues. As notícias exclusivas sobre o mundo dos negócios serão publicadas nas edições de terça a sexta-feira e, ainda, aos domingos. Sua versão on-line estará no portal do Estado.

Além disso, depois de 23 anos como colunista diário de Economia (dez deles no Jornal da Tarde e 13 no Estadão), o jornalista Celso Ming continuará publicando seus textos na mesma página B2, mas agora às quintas-feiras, sextas-feiras e domingos. “Espaçar as colunas foi uma decisão pessoal, compartilhada com a diretoria do jornal, para que eu possa aprofundar e refletir um pouco mais sobre os temas econômicos”, disse Ming.

unnamed-9Com a mudança, às quartas-feiras, o espaço passará a ter as análises da economista Mônica de Bolle, que desde março já escreve semanalmente nas páginas do jornal. Ela é Ph.D. em Economia pela London School of Economics, com especialização em crises financeiras. Chefiou a área de pesquisa macroeconômica internacional do Banco BBM de 2005 a 2006 e foi economista do Fundo Monetário Internacional (FMI), em Washington, entre 2000 e 2005. Monica é professora adjunta na Johns Hopkins University e na PUC-RJ.

Nas segundas-feiras, terças-feiras e sábados, colunistas vão se alternar no espaço que até então era ocupado por Celso Ming nesses dias. O editorial econômico continua sendo publicado de terça-feira a domingo. Na segunda-feira, serão mantidos o infográfico Mapa da Bolsa, com as ações que mais subiram e as que mais caíram na semana anterior, e o Primeira Pessoa, uma breve entrevista com empresários e executivos em destaque no mundo dos negócios. Além disso, nesse dia o leitor terá a agenda comentada da semana, com indicadores nacionais e internacionais, além de eventos e definições políticas importantes para a tomada de decisão.

A informação econômica de relevância para os agentes de negócios contará, ainda, com o Cenário Semanal, que sairá todos os sábados. O texto abordará os aspectos e movimentos mais significativos dos mercados financeiros e agrícola durante a semana e apontará as tendências para os pregões seguintes. Os indicadores econômicos, que eram publicados em uma página no caderno de Economia, foram condensados e passam a sair na página B2, exceto às segundas-feiras.

Fonte: Lucia Faria Comunicação Corporativa – Marco Barone

Novidade no Caderno 2

Roberta Martinelli estreia coluna no Caderno 2

Apresentadora do Som a Pino, da Rádio Eldorado, terá espaço semanal a partir desta quinta-feira (6)

unnamed-2

O Caderno 2, do Estadão, abre espaço para a Música Popular Brasileira. A partir desta quinta-feira (6), o suplemento cultural do jornal passa a publicar a coluna Som a Pino, assinada por Roberta Martinelli, que apresenta, de segunda a sexta-feira, das 12h às 13h, programa com o mesmo nome na Rádio Eldorado. Em sua coluna, Roberta antecipará lançamentos, escolherá “a música da semana”, destacará fotos exclusivas, apresentará discos, refletirá sobre a produção atual da música brasileira, indicará shows, entre outros assuntos pertinentes a este segmento.

MF SAO PAULO/SP - 29/06/2016 - APRESENTADORA / MARTINELLI - CADERNO 2 - Roberta Martinelli, nova apresentadora da Radio Eldorado. FOTO: MARCIO FERNANDES/ESTADAO

Roberta Martinelli

Roberta Martinelli é apresentadora, criadora e curadora do programa Cultura Livre, na TV Cultura. É também apresentadora do programa Prelúdio, único concurso de música clássica na TV Cultura ao lado do Maestro Júlio Medaglia. Foi jurada de prêmios e seleções de melhores do ano em vários veículos (Folha de São Paulo, Estado de São Paulo, Rolling Stone, Multishow, Prêmio Governador do Estado, entre outros), fez parte da comissão de especialistas do Edital Natura Musical. Foi professora de jornalismo cultural em rádio na pós-graduação da Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP/SP). É formada atriz pelo Teatro Escola Célia Helena. Atualmente faz pós- graduação em Canção Popular na Faculdade Santa Marcelina.

Fonte:Lucia Faria Comunicação Corporativa – Marco Barone

Economia criativa é tema de evento

Estadão promove sua primeira Semana de Economia Criativa

Evento acontece entre 13 e 16 de setembro, debaterá tendências sobre mídia, tecnologia e inovação na era do empoderamento nas redes sociais

unnamed (9)
Como estão as áreas de tecnologia, inovação, cultura, publicidade, arquitetura, design, moda e os novos modelos de negócios em tempos de economia criativa? Como obter ótimos resultados nesse contexto? Essas serão algumas das frentes de debate da primeira Semana de Economia Criativa, promovida pelo Estadão, entre 13 e 16 de setembro (terça à sexta-feiras), no UNE Vila Madalena (Av. Natingui, 862 – Vila Madalena), das 12h às 19h.

O evento reunirá alguns dos principais players da Economia Criativa do País, abordando as tendências mais relevantes sobre mídia, tecnologia e inovação na era do empoderamento nas redes sociais. A Semana de Economia Criativa tem correalização da revista KAZA, patrocínio da Ideia Zarvos, apoio da Appnexus, Rádio Eldorad, Fundação Instituto de Administração (FIA), Lock, Marton Estúdio, Wi–Fi Max e parceria de conteúdo de O Panda Criativo.

Cada dia terá um tema específico: 13 – Negócios Disruptivos e Nova Economia; 14 – Criatividade, Inovação e Moda; 15 – Mídia Lab; e 16 – Novos Comportamentos. O evento contará com palestras, debates, food trucks, espaço bar e pockets shows. No dia 13, até dia 23, no mesmo local, também será realizada a exposição Ocupação Plural.

Entre os nomes já confirmados para palestrantes/debatedores estão Anielle Guedes (palestrante internacional, que já fez discurso nas Nações Unidas), Anna Raquel Serra (UX Lead na Huge, Carla Mayumi (The Mob, Talk Inc. e Box 1824), Daniela Cachich (vice-presidente de Marketing da Heineken). Diana Assenato, Diane Lima (roteirista), Ernesto Bernardes (Estadão), Felipe Braga (diretor e roteirista), Fernando Tassinari (Event Manager Brazil & Latam da Criteo), Fiamma Zarife (diretora de Marketing no Twitter), Flávia Aranha (stilista e diretora da marca da Slow Fashion e Moda Sustentável), Flávio Padovan (consultor do setor automotivo), Jules de Faria (fundadora da ONG Think Olga), Laura Sobral (urbanista especializada em espaços públicos e sua produção urbana), Letícia Abraham (vice-presidente executiva, Latam at WGSN Mindset Brasil, WGSN), Lucas Foster (psicólogo e idealizador do Projecthub), Lucas Mello (CEO da Livead e sócio-fundador da Box 1824, Profilepr, Aquiris Game Studio e Grupo Chez), Luis Guedes (FIA), Patrícia Weiss (chairman da BCMA South America), Peter Gervai (managing director latam na Appnexus), Reinaldo Roveri (Stratica), Ricardo Saigon (country manager do Pinterest), Rosana Hermann (jornalista), Vitor Knijnik (sócio-fundador da Snack) e Wolf Menke (House of Work e House of Food). Além disso, estão programados os pocktes shows de Larissa Baq, Marina Melo e Galego.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site www.secriativa.com.br, onde podem ser vistas a lista de palestrantes e a programação completa do evento. Jornalistas que quiserem participar devem confirmar presença pelos telefones (11) 3277-8891, ramal 32, e 99462-9496 ou e-mail marco@luciafaria.com.br.

Fonte: Lucia Faria Comunicação Corporativa – Marco Barone

Discute vai ao ar

Rádio Estadão estreia Estadão Discute

Programa começa neste sábado, 27. Emissora mexe na grade do final de semana

unnamed (1)

Uma conversa com convidados especiais sobre o principal assunto da semana no Brasil e no mundo. Esta será a tônica do Estadão Discute, novo programa da Rádio Estadão, que estreia neste sábado, dia 27, às 20h – também haverá uma edição aos domingos, no mesmo horário. Apresentada por Haisem Abaki, a atração tem como objetivo apresentar o ponto de vista mais detalhado sobre o tema mais relevante daquela semana.

Com a estreia, a Rádio Estadão fortalece a grade de programação de final de semana. Assim, aos sábados e domingos, a noite da rádio será a seguinte: das 20h às 21h, Estadão Discute; da 21h às 22h, Entre Nós; da 22h às 23h, Adega no Rádio; e das 23h às 24h, Estadão Noite Melhores Momentos.

“Pensamos em um programa de acordo com o perfil do ouvinte de sábado e domingo, que é mais eclético. As atrações desses dias tendem a ser mais temáticas e de interesse geral, com informação e opinião, mas sem deixar o hard news e notícias ao vivo, marcas da emissora”, afirma Paula Marinho, gerente de Jornalismo da Rádio Estadão.

Recentemente, o final de semana da Estadão ficou ainda mais diversificado. Quatro novos programas passaram a fazer parte da grade: Paladar no Ar, Oficina de Finanças, Tudo em Casa e Hora E+. As atrações marcam o intercâmbio entre as plataformas do Grupo Estado. Além do 92,9 FM, o Estadão Discute e toda programação da rádio podem ser ouvidos no site da emissora (www.radio.estadao.com.br), na fanpage (http://www.facebook.com/RadioEstadao) ou pelo aplicativo Estadão, disponível para iPhone e Android.

Sobre a Rádio Estadão – A Rádio Estadão é uma emissora do Grupo Estado, que apresenta jornalismo e música. Entre 6h e 10h, a rádio transmite o Estadão no Ar, seu principal produto, apresentando por Haisem Abaki e Alessandra Romano. Durante o dia, a rádio apresenta o Direto da Redação, em três edições, sempre recheado com notícias e muita prestação de serviço. O canal é transmitido em FM 92,9, em São Paulo, e também pela rede de emissoras afiliadas em todo o Brasil, além da web.

Fonte:Lucia Faria Comunicação Corporativa – Marco Barone

Road show de Cannes

Estadão e Fenapro promovem o Cannes Lions Road Show

Encontros de agosto acontecem no Espírito Santo, Santa Catarina e Pernambuco.
Amanhã, terça-feira (16), apresentação será em Vitória/ES

unnamed

O Estadão, representante oficial do Cannes Lions Festival Internacional de Criatividade, e a Federação Nacional de Agências de Propaganda (Fenapro) promovem, este mês, três novos encontros do Cannes Lions Road Show. Iniciadas em julho, as apresentações sobre a 63ª edição do maior festival de criatividade do mundo são direcionadas a agências de publicidade filiadas aos Sinapros (Sindicatos das Agências de Propaganda) nos diversos estados. As inscrições são gratuitas.

O próximo encontro será amanhã, terça-feira (16), em Vitória/ES, às 19h, no Auditório da Rede Gazeta (Rua Chafic Murad, 902 – Monte Belo). As inscrições para esse edição podem ser feitas pelo site atitudeedu.com.br, e-mail atitude.edu@prix.com.br ou pelo telefone (27) 2124-9740.

Na sequência, dia 18 (quinta-feira), acontece a apresentação em Florianópolis/SC. Também a partir das 19h, o encontro será na sede da Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia – Acate (Rodovia SC 401, Km 4 – Bairro Saco Grande) e os contatos são: telefone (48) 3879-4558 ou e-mail contato@sinaprosc.com.br.

Por fim, dia 24 (quarta-feira), será a vez de Recife/PE. O evento, das 9h30 às 12h, ocorre no Auditório da TV Jornal (Rua Capitão Lima, 250 – Santo Amaro) e as inscrições devem ser feitas pelo site goo.gl/X3XTgj ou pelo telefone (81) 3277-3061, com Layza.

O Cannes Lions Road Show terá sequência em setembro. Para informações sobre as próximas datas, acesse http://www.fenapro.org.br/.

Fonte: Lucia Faria Comunicação Corporativa – Marco Barone

Evento vai reunir os vencedores em Cannes

Estadão promove o Cannes Lions Winners

Evento, dia 22 de agosto (segunda-feira), contará com fórum, coquetel e premiação

unnamed

O Estadão – representante oficial do Cannes Lions Festival Internacional de Criatividade no Brasil – realiza, dia 22 de agosto (segunda-feira), o Cannes Lions Winners, que será composto por fórum, coquetel e premiação às agências e anunciantes vencedores este ano. O evento acontece no Hotel Pullman (Rua das Olimpíadas, 205 – Vila Olímpia), a partir das 17h.

Na oportunidade, criativos apresentarão trabalhos de destaque na edição deste ano, discutirão os resultados do Brasil e apontarão quais caminhos que o País pode e deve adotar nas próximas edições do Festival. Na abertura, todos os criativos palestrarão sobre temas relativos a Cannes e à criatividade, além de apresentarem o Grand Prix na respectiva categoria que julgou no Cannes Lions e mais um case que considerar mais inovador e que esteve na competição.

Hugo Rodrigues, presidente da Publicis, falará sobre a “guerra” entre os grandes grupos no Festival, a reinvenção de uma categoria que vive ameaçada (Print & Publishing Lion, da qual foi jurado este ano) e a capacidade de repercussão de uma grande estratégia de marketing nas mais diferentes plataformas de mídia – independentemente de onde ela tenha nascido.

Na sequência, Igor Puga, VP de Inovação e Integração da DM9DDB, jurado em Cyber Lions, explanará sobre as razões de a categoria ter recebido dois Grand Prix este ano, falará da complexidade e do processo de ser jurado em Cannes, bem como exibirá cases vencedores desta edição em Cyber.

Já Domenico Massareto, diretor de Inovação do Grupo TBWABrasil, que representou o Brasil em Mobile Lions, falará sobre a diferença entre ideia universal e ideia local, a linha tênue entre o fantasma e o protótipo e as várias facetas da publicidade mobile. Além disso, comentará a participação do Brasil na categoria, bem como analisar três cases apresentado este ano.

Com o tema Midia – Quais as Lições do Festival, Luis Padilha, da AlmapBBDO, discorrerá sobre o se aprendeu e como foi a performance do Brasil na categoria Media Lions (a qual julgou), além de apontar como o data base pode até ser imprescindível, mas nada substitui uma boa ideia.

Jurada em Design Lion na edição de 2016, Margot Takeda, da sócia fundadora e diretora de Criação da A10 Design, abordará o tema Novas Maneiras das Marcas se Comunicarem, no qual, por meio do design aliado às novas tecnologias, mostrará as tendências do design em Cannes e como elas podem agregar a um negócio.

Único convidado que não foi jurado em Cannes nesta edição, Alexis Pagliarini, diretor superintendente da Federação Nacional das Agências de Propaganda (Fenapro), sob o tema Insigths e Tendências do Festival de Criatividade de Cannes 2016, apresentará as dez campanhas de comunicação mais premiadas no mundo, com destaques e cases brasileiros mais premiados.

Logo em seguida, haverá um talk show com jornalistas especializados e convidados, que farão um balanço dos resultados desta edição do Festival e perspectivas para 2017. Ao final, acontece cerimônia de reconhecimento às agências e aos anunciantes brasileiros premiados no Cannes Lions 2016.

Organizado pelo Estadão em parceria com o PropMark, o evento tem patrocínio do SBT, ESPM, TVxtender e ROIx; apoio da A10 e PSCarneiro. O valor para participar será de R$ 190 (que inclui fórum e coquetel). Informações e inscrições no site www.canneswinners.com.br.

Fonte: Lucia Faria Comunicação Corporativa – Marco Barone