Vaga de estágio aberta em criação

Helpis busca estagiário de criação

A vaga é para alunos de qualquer curso de comunicação social. A Helpis está localizada em Taubaté. Contato anterior com programas de desktop design é interessante para a vaga.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Vaga aberta para designer gráfico – home office

Agência busca designer gráfico

A SB Marketing está com vaga para Designer Gráfico Home Office. Será nossa primeira vaga totalmente virtual.

Informações:
Vaga: Designer Gráfico Home Office
Contratação: Freelancer
Salário: R$ 1.500,00 mensal

Interessados enviar portfólio e CV para contato@santosebrancatti.com.br (aceitaremos somente material recebido via e-mail)

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Mídia programática e a exposição das marcas

“Na mídia programática, exposição indesejada da marca não é e nem nunca foi regra”

Durante algumas décadas em nosso país, quando uma empresa desejava comunicar os reais atributos de seus produtos ou serviços aos seus consumidores finais, os caminhos para fazer essa comunicação eram os mesmos. Além da TV aberta, meio de comunicação com mais de 90% de penetração junto aos brasileiros, as empresas e suas agências de publicidade encontravam, ainda, a mídia impressa e, claro, o forte e importante rádio.

Porém hoje, muitos anos mais tarde, ainda que com o máximo respeito aos veículos e aos profissionais que atuam nessas frentes, devemos entender que é tudo muito diferente de antes. As coisas mudaram e a possibilidade das marcas entenderem o que seus targets realmente querem, como eles querem e onde eles estão tornou-se absolutamente possível.

A exposição paga de marcas no ambiente online trouxe às empresas anunciantes características bastante vantajosas e nunca encontradas até então nas mídias tradicionais, como por exemplo a possibilidade de mensuração de resultados de campanha, a interatividade com seus públicos em real-time, além da importante e tão desejada segmentação de público.

Poderíamos aqui até tratar detalhadamente das questões de interatividade e da mensuração, enormemente importantes e que permitem às marcas serem mais assertivas, estabelecerem um diálogo com seus consumidores e, claro, atuar de forma mais otimizada e rentável. Porém, o que queremos aqui discutir é a característica da segmentação de público.

A mídia programática é uma das mais relevantes formas de atuação em mídia digital e tem atraído bastante a atenção de gestores de marketing não só no Brasil, mas em todo o mundo. É uma mídia inclusive bastante democrática e, por isso, tem levado empresas pequenas e médias a anunciar até pela primeira vez. O fato ainda de possibilitar às marcas anunciantes maior otimização na compra da mídia, na implementação e na mensuração dos resultados obtidos, a torna por consequência também mais assertiva, contribuindo rapidamente para os objetivos de negócio das empresas.

Mas talvez a maior das diferenças esteja no fato de que a mídia programática quebra uma lógica imposta por profissionais de propaganda e publicidade por muitos anos: o foco não está mais no veículo de comunicação e sim, no target. Desta forma, nesse tipo de mídia estuda-se o comportamento das pessoas no ambiente digital e então a marca aparecerá somente para aqueles que desejam e que tenham demonstrado interesse naquele conteúdo. A mensagem de marca surge então, de forma contextualizada, para quem deseja receber aquele conteúdo, no momento que deseja, na frequência ideal e onde esse público estiver. Pode ser num site de esportes, na mídia social preferida ou mesmo dentro de um aplicativo que utilize. Certeza de gol.

Ocorre que nas últimas semanas, acompanhamos pela mídia um verdadeiro massacre ao setor de mídia programática. O trabalho realizado pela chamada CPI das Fake News identificou e tornou público que o Governo Federal teria exibido ‘milhões de propagandas em sites maliciosos’ nos últimos meses e que isso ocorreu porque a veiculação se deu através de mídia programática.

“Na mídia programática, exposição indesejada de marca não é e nem nunca foi regra. O problema não está no uso da mídia programática. Está no uso inadequado da plataforma. Um planejamento bem feito cria filtros de brand safety, e a mensagem de marca aparece apenas em um ambiente seguro.”, diz Rodolfo Darakdjian, CEO da OPL Digital.

A OPL Digital é uma dessas empresas especializadas no tema. Com sede em São Paulo e também em Miami, nos Estados Unidos, a empresa investiu pesado na compra de tecnologia nos últimos anos, atua com uma DSP própria, e hoje tem como clientes governamentais, sendo alguns deles: Ministério da Saúde, Ministério do Turismo, Prefeitura de São Paulo, Eletrobrás, Caixa e Governo do Estado de São Paulo, além de clientes do setor privado como Schneider Electric, BRF, Seara, Unilever, Latam, Porsche, CCR, entre outras.

Para um anunciante que decida por comunicar seus produtos e serviços em mídia programática é extremamente importante que busque por empresas que sejam capacitadas e especializadas no tema. Prover cuidados básicos que impeçam as marcas de aparecerem em ambientes não seguros é essencial para quem trabalha com mídia programática.

Não se pode generalizar, e as recentes notícias que trataram das ações do Governo Federal não podem ‘carimbar’ ou marginalizar todo um mercado, que é composto por empresas e profissionais sérios e comprometidos com os resultados dos clientes. Uma ou duas empresas que tiveram tais equívocos não podem ser vistas como representantes de todo um setor. É importante ressaltar que mídia programática não financia o crime e nem patrocina e nem compactua com nenhum tipo de fake news. Atualmente existem políticas de brand safety que, inclusive, são atualizadas constantemente e que eliminam os sites impróprios ou maliciosos. As chamadas passlists, de uso bastante comum em mídia programática, possibilitam que a marca anunc iante es colha exatamente os sites e aplicativos em que serão exibidos os anúncios, evitando destinos indesejados. Segurança na rede é preocupação número um de qualquer marca que esteja na rede.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Kantar anuncia o Projeto Moonshot

Kantar anuncia o Projeto Moonshot, lançando plataforma inédita de medição de eficácia de publicidade

Parcerias fundamentais, incluindo Google, Roku, Pandora e Anzu, impulsionam a próxima geração de planejamento e otimização de mídia

A Kantar, principal empresa de dados, insights e consultoria do mundo, anuncia neste mês um marco importante em seu projeto para oferecer a plataforma independente mais avançada para medir a eficácia da publicidade.

O Projeto Moonshot é a primeira iniciativa do setor a estabelecer integrações diretas de dados com empresas como Google, Pandora e a plataforma de anúncios em rápido crescimento, Anzu, para avaliar o impacto da publicidade nas marcas e suas vendas.

Foram anunciadas também as parcerias com plataformas como Dish, Pinterest, Roku, Snap, Spotify e Twitter para medições sem cookies. A Kantar agora possui parcerias operacionais ou está em testes avançados com 9 dos 10 principais publishers, 15 dos 20 principais aplicativos, e está em discussões avançadas de integração com mais de 50 outros publishers. No Brasil, já foram confirmadas parcerias com grandes nomes como Google e Facebook.

O objetivo é representar 95% dos gastos globais com anúncios digitais, integrando 250 publishers em medições cross-publishers na plataforma até o final de 2021.

O Projeto Moonshot foi criado para atingir três objetivos em todo o setor:

• Estabelecer uma plataforma de dados e tecnologia de última geração, compatível com privacidade, para migrar o setor da medição baseada em cookies para integrações diretas com os publishers.

• Ter uma medição independente da eficácia dos anúncios de publishers individuais e empresas de mídia.

• Obter uma medição independente da eficácia dos anúncios entre todos os publishers dentro de um plano de mídia, incluindo soluções de pesquisa para Walled Garden (plataformas fechadas para mensuração) e campanhas cross-publishers.

A avaliação holística, consistente e transparente da eficácia da publicidade em todas as plataformas, incluindo plataformas de mídia social e walled gardens, é identificada como um grande desafio por 75% dos maiores anunciantes do mundo segundo o Getting Media Right, estudo sobre o mercado de mídia e marketing.

A pesquisa da Kantar indica que 80% dos profissionais de marketing confiam na avaliação de terceiros, em comparação com pouco mais de 40% que confiam nos dados de publishers individuais ou plataformas de mídia. O estudo também identificou prioridades importantes para os anunciantes: a necessidade de provar o ROI, atribuir impacto na marca e nas vendas aos canais certos e a capacidade de otimizar as campanhas.

“Até agora, anunciantes e agências de mídia conseguiam medir a eficácia de sua publicidade on-line com muitos publishers, exceto os walled gardens, usando cookies de rastreamento. Com o desaparecimento dos cookies de terceiros, nós desenvolvemos novas maneiras de avaliar a eficácia, usando uma combinação de metodologias, incluindo integrações diretas e medição probabilística amplamente validada, anunciando uma nova era para a eficácia cross-publisher”, afirma Maura Coracini, diretora e líder de Mídia de Insights da Kantar Brasil.

O Projeto Moonshot fornece aos publishers duas metodologias sem cookie e compatíveis com as normas de privacidade para implantar medições e rastreamento. Ambas as metodologias têm em seu núcleo a divisão Profiles da Kantar, baseada em permissão e em conformidade com a privacidade, de 100 milhões de consumidores em todo o mundo.

“Mais do que nunca, é importante que os publishers possam defender suas receitas de forma independente do desempenho dos anunciantes”, diz Valkiria Garré, CEO de Insights da Kantar Brasil. “A remoção gradual dos cookies de terceiros significa que a mensuração da eficácia dos anúncios on-line precisam evoluir, em conformidade com a privacidade.”

Fonte: Karina Rodrigues – Assessora de Imprensa

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Dança das cadeiras

Mais movimentação

Apesar do isolamento social e da maioria das empresas seguir trabalhando remotamente, o mercado ainda se movimenta em busca de profissionais para compor seus quadros de colaboradores. Veja o que rolou recentemente:

Vitor Kobbaz assumiu o cargo de Digital Marketing Director na Verge Parceria Estratégica.

Já a ainda estudante de Relações Públicas, Giovanna Barrios de A. Lima, foi promovida para o cargo de Auxiliar de marketing na Imobiliária Danelli.

Anderson Sobrinho acaba de assumir o posto de Coordenador de Comunicação Corporativa e Gestão de Pessoas na TerraMagna.

E a publicitária Bruna Lopes passa a atuar no Marketing do Hotel Rainha do Brasil, em Aparecida.

 

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Agência busca gestor de marketing digital

Contrata-se: Gestor de Marketing Digital

Agência sediada em Taubaté, flexibilidade de contratação, atuação presencial (com possíveis adaptações durante o período da Pandemia).

Enviar CV com pretensão salarial e o título “VAGA GESTOR DE MARKETING DIGITAL” para o e-mail camila.ribeiro@happiermkt.com.br

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Eco Moliterno palestra sobre o futuro da comunicação

Criatividade como diferencial de mercado: Eco Moliterno concede palestra sobre futuro da comunicação

No dia 24 de julho, às 19h, um dos publicitários mais premiados no Brasil irá falar para alunos e para o público sobre o futuro da comunicação; o profissional já atendeu empresas como Tesla e já fez campanhas para clientes como Itaú, P&G e General Motors

A criatividade não é mais um termo que pode ficar de fora do vocabulário do profissional do Século XXI. Pensando nisso, o Centro Universitário IESB promove a palestra “O Futuro da Comunicação e a Comunicação do Futuro”, a ser conduzida pelo publicitário Eco Moliterno, um dos 20 profissionais da área mais influentes no Brasil e reconhecido em todo o mundo. A palestra ocorrerá no dia 24 de julho, às 19h, no canal oficial do youtube da instituição.

Em um mundo pós-pandemia com a relações cada vez mais dependentes da tecnologia e da inovação, o atual chefe de Comunicação na empresa Accenture Interactive vai mostrar a importância da criatividade e das ferramentas digitais como diferenciais competitivos no mercado de trabalho em qualquer área de negócio. Ele também irá mostrar um pouco das novas tendências para Publicidade e a Comunicação.

Moliterno, 42 anos, foi nomeado o segundo mais admirado profissional de publicidade no Brasil. Sua trajetória é cheia de experiências ricas. Aos 28 anos, ele trabalhou na Tesla, no departamento de criatividade. Com 33, foi listado como um dos 10 profissionais mais inovadores no marketing digital. E a carreira não parou por aí. Ao 36, ele foi eleito o profissional brasileiro mais criativo do ano.

“Minha carreira inteira foi marcada por montar operações de online, digitais, para começar a ter essa entrega nas agências”, conta, em vídeo publicado no YouTube em março de 2016. Ao longo de sua trajetória profissional Moliterno foi um dos precursores na publicidade digital. Por isso, seu maior desafio foi conquistar espaços para a divulgação digital e estabelecer confiança entre os clientes e o mundo virtual.

Experiência internacional

Desde cedo, Moliterno experimentou outros ares para além do Brasil. Durante a adolescência, cursou o Ensino Médio na Dinamarca, onde teve seu primeiro contato com a internet. “Eu aprendi internet no colégio. Coisa de países com a educação muito avançada. Quando eu voltei, já sabia, tinha estudado aquilo e já direcionei a minha carreira a isso”, disse.

Anos depois, em 2009, já como publicitário, o exterior continuou sendo um espaço presente na vida dele. Tornou-se Diretor de Criação Digital na Y&R e foi jurado no Festival Internacional de Cannes na categoria Cyber. No ano seguinte, foi convidado para atuar como Diretor de Criação na Africa Propaganda, Agência do grupo ABC. Tornou-se Head of Digital da agência em 2011 e Vice-presidente de Criação em 2014. Além disso, Moliterno já participou de diversas palestras como a Future Of Advertising (FOA).

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Meus podcasts favoritos

Aprenda muito ouvindo podcasts

por Josué Brazil

Sou fão do meio rádio. Sempre fui. E creio que este amor pelo rádio fez com que eu também me apaixonasse pelo podcast. Foi aos pouquinhos… No começo eu estava tímido…mas agora, confesso, não sei viver sem.

Ouço enquanto pego estrada, enquanto atualizo o blog, enquanto trabalho. E ouço basicamente podcasts que tratam de marketing, propaganda, inovação, negócios, tecnologia e como isso tudo tá junto e misturado.

Image by Florante Valdez from Pixabay

Tenho aprendido demais com os conteúdos. Muito mesmo. É uma maneira fácil e leve de renovar e ampliar conhecimentos. Como sou professor, tenho transferido muito do que tenho ouvido nos podcasts para as minhas turmas.

Pensei, então, em dividir um pouco da paixão com vocês e fazer uma lista dos podcasts que ouço com frequência. Vamos lá!

O primeiro da lista tem ser o The Shift. O formato é bacana, a edição é boa, o papo flui com simplicidade e profundidade ao mesmo tempo. O assunto principal é inovação. E os convidados são sempre bons. É feito e comandado pelas jornalistas Cristina de Luca e Silvia Bassi. Toda santa quinta feira tem episódio novo.

A segunda recomendação vai para o canal de podcast da Meio&Mensagem. Eles tem dois diferentes podcasts por lá. O Next, Now e o Woman to Watch. Marketing, propaganda e inovação estão no cardápio. Os convidados/entrevistados são de alto nível.

Depois tem que entrar na lista o APPcast, o podcast da APP – Associação dos Profissionais de Propaganda. Aqui o assunto é propaganda. Sempre! Eles variam os assuntos/temas e os convidados, mas mantêm um ótimo nível.

Também faz parte da minha lista o Morsecast. Mobile, Big Data e Inovação são o assunto deste bem elaborado conteúdo. Ele também é semanal e traz aquela deliciosa mistura de tecnologia, inovação, marketing e comunicação.

Um dos que entrou recentemente no meu rol de queridinhos foi o “É tudo negócio”, podcast do Grupo de Atendimento e Negócios. Eles têm parceria com a Jovem Pan e procuram trazer profissionais da área de Atendimento de agências e empresas ligadas à indústria da comunicação. Quem curte atendimento, novos negócios, liderança e planejamento tem que ouvir o “É tudo negócio”.

A minha mais recente “descoberta” é o Mídia & Marketing, podcast da UOL.Semanal, o podcast traz convidados para falar sobre o universo da propaganda e da criatividade. Ouvi poucos episódios, mas eles já me ganharam.

É isso. Estão aí as dicas. Aproveite aquele tempinho livre e saboreie conteúdo de primeira.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

Pão de Açúcar tem novo posicionamento e nova campanha

Pão de Açúcar lança nova campanha para inspirar a felicidade em suas mais diversas formas

Criada pela BETC/Havas, “Felicidade pode ser tanta coisa” estreia novo conceito de comunicação da marca e conta com ações inspiradas no comportamento de consumidores nos últimos meses. A ação institucional acontecerá em duas fases e tem o objetivo de estimular as felicidades redescobertas no momento atual

Vinte vinte. Um ano cheio de ensinamentos para as vidas de todos e todas também mostrou que a felicidade pode ser um grande aprendizado – e que pode ser reinventada. Aprendemos novas receitas e novas formas de fazer as mesmas coisas. Aprendemos que é possível estar presente mesmo estando longe. E aprendemos até que a distância pode significar um ato de amor. É com essa premissa que o Pão de Açúcar, que tem a felicidade como propósito, apresenta a campanha ‘Felicidade pode ser tanta coisa’. O conceito reflete uma nova comunicação da marca e busca engajar ainda mais os clientes da marca Pão de Açúcar através de ações que ajudam a concretizar felicidades em suas mais diversas formas.

A campanha estreia nesta sexta-feira (17) com filme em canais fechados de televisão, e também canais digitais, apresentando diversas iniciativas da rede para espalhar uma mensagem de esperança em um cenário de retorno gradual às atividades do dia a dia. Depois, se desdobra para uma segunda fase em que o foco será a qualidade do atendimento, dos serviços e dos produtos que os consumidores do Pão de Açúcar sabem encontrar apenas nas lojas da rede.

Com criação da BETC/Havas, a campanha tem como ponto de partida o lançamento do filme no dia 17 de julho em versão de 45 segundos para TVs fechadas e em perfis da marca em redes sociais. Ao som da música ‘I Can See Clearly Now’, composta pelo músico americano Jonhny Nash, e regravada exclusivamente para a campanha, o filme traz mensagens positivas e de esperança. Para isso, apresenta iniciativas do Pão de Açúcar que contribuem com a valorização de momentos de felicidade identificados no comportamento do público durante este cenário de pandemia. O primeiro deles é o ‘Pão do Pão’, uma ação inspirada no movimento de todos aqueles que se aventuraram com a mão na massa dentro de casa. Por meio de uma receita única e compartilhável, criada pelo especialista em boulangerie e patisserie Páscal Menard, o ‘Pão do Pão’ vai trazer um desafio completamente novo aos padeiros e padeiras da quarentena para a produção de dois pães artesanais – um para si próprio e outro para presentear alguém especial. O “Pão do Pão” também poderá ser encontrado em versão pronta para consumo em todas as lojas da rede. Outra novidade para as gôndolas, a partir de agosto e na mesma linha, é um kit Cheftime(marca de gastronomia exclusiva do Pão de Açúcar) para o preparo de massas artesanais – feitas com fermento biológico e com receitas de três tipos diferentes: ciabatta, pão rústico e massa de pizza.

Na sequência, o filme da campanha apresenta as bombas de sementes, conhecidas como Seed Bombs, que serão distribuídas pelo Pão de Açúcar aos seus clientes e colaboradores. Como o próprio nome já antecipa, tratam-se de pequenas sementes de plantas encapsuladas dentro de uma esfera e com tecnologia que as permitem serem cultivadas em lugares que não contam com áreas verdes. É intuitivo e divertido: basta lançar as “bombas” em qualquer lugar e esperar para crescerem onde quer que caiam. Baseada no forte crescimento de vendas de plantas durante o período de pandemia, o Pão de Açúcar distribuirá mais de 28 mil unidades neste mês de julho com bombas de sementes das espécies Girassol e Zinnia.

Por fim, o Pão de Açúcar revela que presenteou os principais parques da cidade de São Paulo com marcações de distanciamento social, além de instalar dispositivos de álcool em gel para o uso dos frequentadores dos espaços. O objetivo é ajudar a preparar a cidade para a volta gradual do convívio em sociedade, em linha com a permissão dos órgãos de saúde e governamentais, fazendo com que as pessoas voltem a desfrutar desses locais com segurança. As delimitações em formatos esféricos já podem ser vistas nos gramados do Parque do Ibirapuera, Parque Burle Marx e Parque do Carmo desde a segunda-feira 13. A ação, criada e desenvolvida pela agência BETC/Havas, segue todos os protocolos sanitários estipulados pela Prefeitura da cidade e os horários de funcionamento e regras para visitação podem ser consultados no site da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente. Depois de apresentar todas as iniciativas, o filme se encerra com a assinatura do novo conceito “Felicidade pode ser tanta coisa”.

“O ano de 2020 é diferente de tudo o que já vivemos. Trouxe grandes desafios, mas também a possibilidade de ensinamentos e o aprendizado de que, somente juntos e com serenidade, podemos enfrentar os obstáculos. Foi dessa maneira que o Pão de Açúcar seguiu trabalhando para responder com agilidade à pandemia de covid-19 e atuou rapidamente para manter suas lojas abastecidas, cada vez mais seguras para os seus clientes e colaboradores e expandir os seus serviços de e-commerce e do James para que as compras pudessem ser feitas sem sair de casa”, analisa Othon Vela, Diretor de Marketing do Pão de Açúcar.

O executivo ressalta que o cenário atual pede para que olhemos à frente e de que essa foi uma das inspirações para a campanha. “Agora, sentimos que era o momento de avançar um passo e levar uma mensagem de esperança para a sociedade neste cenário de retorno gradual das atividades. Por isso, a campanha ‘Felicidade pode ser tanta coisa’ busca mostrar tudo o que aprendemos juntos nestes últimos meses – e especialmente que a felicidade não é algo que se define e que para cada pessoa se manifesta do seu próprio jeito. Seguimos trabalhando, enquanto agentes transformadores da sociedade, para cuidarmos de nossos consumidores e funcionários. Mas acreditamos que dias melhores estão por vir”, detalha Vela.

A nova campanha também estará permeada nas lojas da rede com materiais de comunicação criados especialmente para os PDVs. “A felicidade é o território do Pão de Açúcar. Agora, por meio desse novo conceito, nosso objetivo foi atualizar essa ideia de felicidade, já que para muitas pessoas, principalmente nesse período tão delicado que estamos vivendo, esse sentimento passou a estar presente em momentos que nem imaginávamos, e a esperança também passou a ser uma forma de nos sentirmos felizes”, comenta Romolo Medga, Diretor de Criação da BETC. Ainda, nas redes sociais, a campanha também será ativada por meio de um hastag que encurta a assinatura de comunicação, mas mantém o seu entendimento. A partir do mote #FelicidadePodeSer, o Pão de Açúcar irá estimular que os próprios usuários compartilharem as suas maneiras de serem felizes.

Já a segunda fase da campanha contará com materiais focados na qualidade do atendimento, dos serviços e dos produtos oferecidos pelo Pão de Açúcar. Para isso, um segundo filme apresentará a variedade de itens com sortimento exclusivo encontrados nas lojas e e-Commerce da rede (www.paodeacucar.com), assim como a experiência de compras proporcionada pelo Pão de Açúcar. Pioneiro em transformação digital no varejo brasileiro, este segundo filme também ressaltará como a tecnologia é utilizada para reforçar cada vez mais o aspecto humano, em linha sobre as novas formas de se conectar e promover encontros, ainda que a distância, com aqueles que amamos.

Outro aspecto que será valorizado na nova campanha do Pão de Açúcar é a experiência omnicanal, retratada em diferentes momentos das pessoas tendo contato com a marca em seus mais diferentes canais – seja na rede de supermercados, nas lojas de vizinhança Minuto Pão de Açúcar, no e-commerce, no aplicativo Pão de Açúcar Mais, pela plataforma Cheftime e pelo aplicativo de entregas James.

Ficha Técnica

Agência: BETC/Havas

Cliente: Pão de Açúcar

Produto: Institucional

CCO: Erh Ray

General Manager: Daniel Jotta

Diretora Executiva de Criação: Andrea Siqueira

Diretor de Criação: Romolo Megda

Criação: Paula Junqueira, Daniel Zappa, Bruna Marques, Mel Vivaldi, Paulo Pires, Mayara Sales, Cassia Kriss e Lucas Stelzer

Marcas & Negócios: Monica Moraes, Raquel Hipólito, Octavio Palencia e Fernanda Barros

Canais & Engajamento: Carlinha Gagliardi, Ariane Finavaro, Thyago Azevedo, Alexandre Lopes, Daniel Oliveira, Ricardo Xavier, Fátima Azevedo e Flavia Antoniassi

Estratégia: Agatha Kim, Dannylo Silveira e Gabriel Lopes

Produção: Anna Ferraz, Juliana Arantes e Priscyla Farina

Produtora: Sentimental Filme

Direção de Cena: Raphael Gasparini

Produção Executiva: Marcos Aráujo

Diretora Operacional e Atendimento: Renata Pimenta

Atendimento: Lucas Millan (Luke) e Adriana Putini

Head de Produção: Renata Picheco

Coordenação de Produção: Gabriela Mangieri

Diretor de Fotografia: Fernando Bertoluci

Diretor de Arte: Patricia Beatriz Nunes Pereira

Pós Produção: Sentimental Filme

Coordenação de Pós Produção: Zeca Daniel

Atendimento de Pós-Produção: Layssa Pascher

Montador: Alberto Cardoso

Color: Bleach Filmes

Produtora de Audio: S de Samba

Direção Musical: Wilson Simoninha e Jair Oliveira

Produção: Diego Guimaraes e Pedro Caldas

Edição e Mixagem: Antonio Arruda e Flavio Gondim

Cantora: Melissa McMillan

Produção Executiva e Atendimento: Meg Magro

Aprovação do Cliente: Laurent Maurice Cadillat, Othon Vela, Camila Corbellini, Esther Napoli, Camila Molezine, Milene Mendes e Alice Andrade

Fonte: Giusti Comunicação – ISABELLA BONITO

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0

TIM traz campanha de OOH inovadora em ônibus de SP

Ação pioneira tem um QR Code, que direciona o cliente para realizar recargas de celular sem contato físico

A TIM será a primeira marca a utilizar uma inovação de OOH que chegou recentemente em São Paulo: o painel B-AIR. A campanha, desenvolvida pela HavasPlus em parceria com a Altermark, estará disponível em 150 ônibus, nos principais corredores de São Paulo até o dia 06 de agosto. Os painéis contam com um QR Code que direciona o consumidor para uma página no site da TIM que possibilita recargas de celular pré-pago com cartão de crédito, sem necessidade de contato físico.

“Nesse período de pandemia, reforçamos ainda mais nossa atuação nos canais digitais. Nosso objetivo é tornar a experiência de compra do cliente o mais simples possível, aproveitando um momento da jornada dele em que normalmente ele já está usando o celular. Com essa ação o cliente faz a recarga online no celular de forma segura e conveniente, basta apontar o seu smartphone para o QR Code na peça”, explica Leonarda Trindade, Gerente de Trade Marketing da TIM São Paulo.

O painel B-AIR foi projetado e patenteado pela C2R após diversos estudos e pesquisas realizadas junto à SPTrans para garantir que a mídia não inviabilizasse o fluxo das pessoas nem a visibilidade dos motoristas e até então só tinha sido utilizado para exibir campanhas de prevenção à Covid-19.

“A comunicação OOH vem crescendo em relevância e visibilidade no Brasil, além de ser um meio muito interessante para testar e aplicar ideias inovadoras. Este novo formato, dentro dos ônibus, chega para compor esse cenário e, de forma pioneira, a TIM inaugura a veiculação nesse espaço que faz parte da rotina do brasileiro. Num mercado estratégico para a marca, vamos impactar milhares de pessoas que usam o transporte público com frequência e que representam um potencial target quando o assunto é Pré-Pago”, comenta Jairo Soares, COO e Head de Mídia da HavasPlus.

Além disso, os clientes TIM Pré TOP que realizarem qualquer recarga a partir de R$ 15,00 ganharão 2 GB de bônus de internet promocionais para usar como quiser por até 7 dias.

Fonte: Giusti Comunicação – VANESSA SILVA

Share and Enjoy !

0Shares
0 0 0