Os apps e a copa do mundo

10 provas de que esse é o Mundial dos apps

Principal evento futebolístico do Mundo traz grandes oportunidades para empresas que apostam em mobile marketing

A Copa do Mundo da Rússia representa um momento único para anunciantes em todo o mundo. Até o final do Mundial, milhões de pessoas torcerão por suas seleções, acompanhando tudo em tempo real, muitas vezes, em seus dispositivos móveis.

Segundo o estudo realizado pela Headway, em parceria com a App Annie, cerca de 30% dos fãs afirmaram assistir a eventos esportivos em seus dispositivos móveis. Este comportamento se dá pela facilidade com que os dispositivos móveis oferecem para seus usuários, já que podem consumir o conteúdo esportivo quando e a maneira que quiserem.

O estudo, que traz um passo a passo de como se beneficiar das campanhas em mobile apps durante o evento, utilizou recursos de big data e consumo de vários aplicativos disponíveis no mercado para analisar o impacto potencial dos smartphones durante o torneio.

Este cenário é a prova de que os dispositivos móveis farão uma excelente combinação com a Copa do Mundo, já que a atenção de todo o planeta está no torneio – e nos celulares e tablets. Confira abaixo mais fatos levantados pela Headway.

– Os dispositivos móveis representam 73% do consumo total da Internet.

– Em 2017, 30% dos fãs de eventos esportivos disseram que viram os jogos em seus dispositivos móveis.

– Em 2017, um usuário gastou, em média, três horas por dia consultando conteúdos em aplicativos.

– Durante os Jogos Olímpicos e Super Bowl em 2017, o download e o uso de aplicativos de entretenimento também aumentou.

– Durante a Copa do Mundo de 2014, o aplicativo da Fifa foi baixado pouco mais de 18 milhões de vezes, padrão este que deve ser seguido durante o Mundial da Rússia.

– Os números da plataforma online do Fifa Global Stadium em 2014 mostraram que o público digital ultrapassou um bilhão de usuários.

– Cada vez mais, os fãs do esporte buscam por experiências interativas durantes os jogos e têm usado os dispositivos móveis para isso. Prova disso é que 80% dos torcedores usam seus tablets e smartphones para procurar informações complementares, como estatísticas dos jogadores ou vídeos de determinadas jogadas.

– O acesso à internet cresceu de 42,3% para 54,5% desde a última Copa.

– Os consumidores de todo o mundo utilizaram por aproximadamente 1,2 bilhão de horas os aplicativos de celulares Android em 2017.

– Os usuários de smartphones passam sete vezes mais tempo utilizando apps nativos em comparação com browsers; e costumam acessá-los com uma frequência 13 vezes maior. Os consumidores estão começando a usar apps para transmitir conteúdo, comprovar se há atualizações de jogos e conversar com outros torcedores.

O estudo completo pode ser conferido em: https://guides.headwaydigital.com/copadomundo/

Fonte: Brainstory Comunicação – Yasmin Berlezi

Muitas palestras boas na Brazil Promotion

Debates sobre tendências do marketing leva renomados profissionais à Brazil Promotion

Encontros acontecerão entre 3 e 4 de agosto no Transamérica Expo Center, em São Paulo

unnamed (8)

As soluções e novas ferramentas de live marketing para o mercado corporativo não param de surgir e manter informados os profissionais da área é fundamental para o desenvolvimento do setor. Empenhada em levar conhecimento ao maior número de pessoas, a Brazil Promotion – Live Marketing and Retail reunirá um time de profissionais renomados durante o “Seminário Promo Tendências 2016” para abordar as últimas novidades do mercado de marketing promocional no Brasil e no mundo. As palestras acontecerão nos dias 3 e 4 de agosto, paralelamente à feira.

No total serão oito temas para discussão e interação entre congressistas e participantes. No primeiro dia, estarão na pauta assuntos relacionados ao planejamento e estratégia das empresas como: tendências de consumo, premiumrização, branding, customer brand experience e comunicação one to one. Já o segundo dia do seminário será dominado por assuntos ligados a tecnologia, entre eles: inteligência artificial, perfis e targets, ROI, mobile marketing e engajamento digital.

Entre os palestrantes já confirmados estão nomes como Ana Costa, diretora do Retail Design Institute (RDI); Fabio Madia, consultor máster, sócio e diretor de Planejamento e Atendimento do MADIAMUNDOMARKETING; João Riva, sócio da Duovozz Inteligência, e Mônica Orcioli, diretora geral da Swarovski Professional para a América Latina.

As palestras podem ser adquiridas para os dois dias ou para apenas um. Para informações sobre valores e inscrições dos seminários acessem: http://www.brazilpromotion.com.br/afeira/seminarios/seminarios-tendencias.asp.

Confira abaixo a grade completa do Seminário Promo Tendências 2016:

Dia 3 de agosto de 2016

– 12h30 às 13h30: Credenciamento

– 13h30 às 14h10 – TENDÊNCIA

Tendências de Consumo que vão Pautar suas Campanhas e seus Negócios.

Apresentação do estudo global.
Tendências de consumo que vão afetar o comportamento dos seus clientes e o
formato dos seus negócios.
Cases internacionais e brasileiros.

– 14h20 às 15h00 – DIFERENCIAÇÃO

Premiumrização como Ferramenta de Branding.

Palestrante: Mônica Orcioli – Diretora Swarovski Professional LATAM

Produtos e serviços premium agregando valor às campanhas.
Premiumrização é somente para público A? Quando usar e quando não usar.
Premiumrização não é somente produto, mas também experiência, personalização,
serviço, embalagem, atendimento.
Cases internacionais e brasileiros.

– 15h10 às 15h30 – Coffee break

– 15h30 às 16h10 – ESTRATÉGIA

Customer Brand Experience: Sua Empresa já está Praticando?

Palestrante: João Riva – Diretor da DuoVozz
Sua marca está sendo percebida da mesma forma nas diversas pontas de contato
com o consumidor?
Experiência holística é o desafio.
Cases internacionais e brasileiros.

– 16h20 às 17h00 – COMPORTAMENTO

Marketing Democrático: O Desafio da Comunicação One to One em uma Sociedade Plural.

Palestrante: Ana Costa – diretora do Retail Design Institute (RDI)
Convivência de 5 gerações com interesses múltiplos.
Como causar uma boa experiência em consumidores com perfis tão distintos?
Cases internacionais e brasileiros.

Dia 4 de agosto de 2016

– 12h30 às 13h30: Credenciamento

– 13h30 às 14h30 – FUTURO

Painel especial: Inteligência Artificial no Live Marketing: Robôs são Capazes de Proporcionar Experiências?

Como a AI impactará o Live Marketing no futuro?
Utilização em campanhas, eventos, ações promocionais e no ponto de venda.
Cases internacionais e brasileiros.

– 14h40 às 15h20 – CONEXÃO:

Um desafio chamado digital. Qual o seu papel no plano de marketing?

Palestrante: Fabio Madia – Consultor Master e Diretor de Atendimento e Planejamento na empresa MADIAMUNDOMARKETING.

Perfis e targets.
Onde, o que e como falar.
Cases.
Qualidade x Quantidade.
ROI.

– 15h30 às 15h50 – Coffee break

– 15h50 às 16h30 – PRIMEIRA TELA

Mobile Marketing como Instrumento Potencializador de Resultados.

Possibilidades, oportunidades e limites.
SMS, MMS ou WhatsApp?
Site responsivo, mobile site ou app?
Wifi ou Buetooth?
Ferramentas disponíveis, novas tecnologias.
Cases internacionais e brasileiros.

– 16h40 às 17h20 – ENGAJAMENTO:

Campanhas com Propósito: Associando Marcas à Causas Sociais.

Adote um ideal social que faça sentido para sua empresa.
Como as empresas podem fazer parte destes projetos e quais os benefícios
de abraçar esta causa.
Apresentação de cases.

SERVIÇO

Brazil Promotion – Live Marketing and Retail 2016

Data: 2 a 4 de agosto

Horário: 13h às 20h

Seminário Promo Tendências 2016

Data: 3 e 4 de agosto

Horário: 13h30 às 17h30

Local: Transamérica Expo Center – Av. Dr. Mário Vilas Boas Rodrigues, 387 – Santo Amaro – São Paulo – SP

Mais informações sobre a feira: www.brazilpromotion.com.br

Mais informações sobre a Forma Promocional – Empresa especializada em guias, sites e feiras de negócios business to business voltados para o setor promocional. Seu mailing abrange mais de 180 mil profissionais previamente cadastrados, incluindo os principais segmentos de mercado em todo o País. Publica o Guia Free Shop Marketing Promocional há mais de 30 anos e também os Guias Free Shop Preview e Free Shop Up. Além dos guias impressos e eletrônicos, a Forma Promocional se dedica com sucesso à promoção e organização de feiras e seminários especiais. É promotora e organizadora da feira Brazil Promotion, maior evento de marketing promocional da América Latina, que ocorre anualmente no segundo semestre, em São Paulo. Também é responsável pelo Brazil Promotion Day, versão itinerante da Brazil Promotion, que abrange diferentes praças, com alto potencial na contratação de produtos e serviços promocionais.
Fonte:Lucia Faria Comunicação Corporativa – Tatiane Oliveira

Evento sobre mobile

Apresentando os resultados de uma pesquisa inédita sobre os hábitos de uso de mobile entre os consumidores brasileiros, Este evento desenvolvido em conjunto pelos comitês de Mobile e Search Engine Marketing do IAB Brasil irá mostrar a dimensão do cenário Mobile no Brasil, e como a relação de consumo através desses dispositivos pode ser convertida em valor para marcas e empresas.
Voltado para CMOs, CTOs e profissionais de agências de publicidade, o evento irá trazer especialistas do mercado e empresas que já estão tirando proveito desse novo ambiente para trazer insights sobre como o seu negócio deve estar preparado para alcançar o sucesso em um mercado onde os consumidores tem cada vez mais poder na palma das mãos.
8:30 – 9:00: Credenciamento e wellcome coffee
9:00 – 9:30: “Brasil, um país mais mobile do que você imagina”
O presidente do IAB apresenta um painel completo com os mais recentes números da indústria. Conheça os hábitos de uso de mobile entre os consumidores brasileiros e veja insights de como esse uso impacta todas as fases do funil de compra.
Fabio Coelho, presidente do IAB Brasil e do Google Brasil
9:30 – 10:50: Painel: “Mobile marketing: quando o essencial é estar presente”
Líderes no uso de mobile vão compartilhar suas estratégias mobile e como elas fizeram diferença em seus negócios. Conheça insights e tendências de quem já está se beneficiando desse novo panorama.
Netshoes: Roni Cunha Bueno, diretor de Marketing da Netshoes
Magazine Luiza: André Fatala, gerente de Pesquisa & Desenvolvimento do Magazine Luiza
UOL: Samantha Jones, head of Novas Mídias do UOL
F.Biz: Marcelo Castelo, sócio-fundador da F.biz
Terra: Matias Atwell, diretor de Mobile do Terra para América Latina
Ponto Mobi: Leo Xavier, CEO e fundador do Grupo.Mobi
Moderador: Fabio Rowinski, presidente do comitê de SEM do IAB Brasil e diretor de operações da iProspect
10:50 – 11:10: Coffee-Break
11:10 – 11:40: “Estão de olho em você pelo celular: uma análise interessante sobre a busca mobile”
Responsável pela área de Mobile do Google para América Latina compartilha insights de como os consumidores brasileiros usam a busca nos celulares e tablets para tomarem decisões – da avaliação de produtos a comparação de preços e compras. Entenda como sua empresa pode tirar proveito dessas informações para criar uma ótima experiência de marca, ou aumentar seus resultados através da busca em celulares e tablets, mesmo se você ainda não tiver um site mobile.
Peter Fernandez, presidente do comitê de Mobile do IAB Brasil e Head of Mobile Advertising do Google Latin America
11:30 – 12:00: “O passo a passo do universo mobile: por que começar pelo site?”
Igor é CEO da Mobify, empresa líder na criação de sites mobile nos EUA, e tem como clientes Starbucks e Siemens. Ele traz insights e melhores práticas para o desenvolvimento de um site Mobile que ajude as empresas a lidarem com esse novo consumidor e a tirarem proveito dessas oportunidades de negócio.
Igor Faletski, CEO da Mobify
EVENTO: MOBILE-SE JÁ
QUANDO: 05 de Junho das 08h30 às 12h30
ONDE: Leopolldo Itaim ( R. Tabapuã,1353 – São Paulo, SP)
VALORES: R$ 100,00 para sócios do IAB, R$ 180,00 para demais interessados.

MOBILE-SE JÁ

Apresentando os resultados de uma pesquisa inédita sobre os hábitos de uso de mobile entre os consumidores brasileiros, este evento desenvolvido em conjunto pelos comitês de Mobile e Search Engine Marketing do IAB Brasil irá mostrar a dimensão do cenário Mobile no Brasil, e como a relação de consumo através desses dispositivos pode ser convertida em valor para marcas e empresas.

Voltado para CMOs, CTOs e profissionais de agências de publicidade, o evento irá trazer especialistas do mercado e empresas que já estão tirando proveito desse novo ambiente para trazer insights sobre como o seu negócio deve estar preparado para alcançar o sucesso em um mercado onde os consumidores tem cada vez mais poder na palma das mãos.

8:30 – 9:00: Credenciamento e wellcome coffee

9:00 – 9:30: “Brasil, um país mais mobile do que você imagina”

O presidente do IAB apresenta um painel completo com os mais recentes números da indústria. Conheça os hábitos de uso de mobile entre os consumidores brasileiros e veja insights de como esse uso impacta todas as fases do funil de compra.

Fabio Coelho, presidente do IAB Brasil e do Google Brasil

9:30 – 10:50: Painel: “Mobile marketing: quando o essencial é estar presente”

Líderes no uso de mobile vão compartilhar suas estratégias mobile e como elas fizeram diferença em seus negócios. Conheça insights e tendências de quem já está se beneficiando desse novo panorama.

Netshoes: Roni Cunha Bueno, diretor de Marketing da Netshoes

Magazine Luiza: André Fatala, gerente de Pesquisa & Desenvolvimento do Magazine Luiza

UOL: Samantha Jones, head of Novas Mídias do UOL

F.Biz: Marcelo Castelo, sócio-fundador da F.biz

Terra: Matias Atwell, diretor de Mobile do Terra para América Latina

Ponto Mobi: Leo Xavier, CEO e fundador do Grupo.Mobi

Moderador: Fabio Rowinski, presidente do comitê de SEM do IAB Brasil e diretor de operações da iProspect

10:50 – 11:10: Coffee-Break

11:10 – 11:40: “Estão de olho em você pelo celular: uma análise interessante sobre a busca mobile”

Responsável pela área de Mobile do Google para América Latina compartilha insights de como os consumidores brasileiros usam a busca nos celulares e tablets para tomarem decisões – da avaliação de produtos a comparação de preços e compras. Entenda como sua empresa pode tirar proveito dessas informações para criar uma ótima experiência de marca, ou aumentar seus resultados através da busca em celulares e tablets, mesmo se você ainda não tiver um site mobile.

Peter Fernandez, presidente do comitê de Mobile do IAB Brasil e Head of Mobile Advertising do Google Latin America

11:30 – 12:00: “O passo a passo do universo mobile: por que começar pelo site?”

Igor é CEO da Mobify, empresa líder na criação de sites mobile nos EUA, e tem como clientes Starbucks e Siemens. Ele traz insights e melhores práticas para o desenvolvimento de um site Mobile que ajude as empresas a lidarem com esse novo consumidor e a tirarem proveito dessas oportunidades de negócio.

Igor Faletski, CEO da Mobify

EVENTO: MOBILE-SE JÁ

QUANDO: 05 de Junho das 08h30 às 12h30

ONDE: Leopolldo Itaim ( R. Tabapuã,1353 – São Paulo, SP)

VALORES: R$ 100,00 para sócios do IAB, R$ 180,00 para demais interessados.

Inscreva- se aqui: http://www.iabbrasil.org.br/mobile-se/inscricoes.htm?utm_medium=email&utm_source=IQDIRECT&utm_campaign=pe%E7a+EVENTO+IAB+301722&utm_term=jmbrazil@gmail.com

A hora do mobile

Indo onde o público está
O homem nunca foi poste. É verdade! Sempre se moveu e se mudou. No início mudava mais, sempre em busca de caça. Depois fixou-se um pouco mais ao aprender a plantar seus alimentos. Depois vieram as cidades. A civilização. E a evolução dos meios de transporte: animais, trens, carros, barcos e navios, aviões.
O ser humano passou a viver essencialmente em grandes concentrações urbanas e o tempo tornou-se um bem raro. Enviar mensagens publicitárias que consigam estabelecer diálogo eficiente com os diferentes públicos alvo ficou extremamente difícil.
A propaganda em dispositivos móveis pode contatar o consumidor naqueles momentos em que ele não estaria disponível em/para outras mídias. Pode contatar o público naqueles momentos que passamos a chamar de microtédio – filas, elevadores, salas de espera, intervalos entre uma atividade e outra etc. Isso a torna interessantíssima a ponto de muitos apostarem fortemente em seu crescimento, a ponto de considerá-la a bola da vez.
Interação, engajamento, alto nível de resposta e atenção voluntária são aspectos positivos que merecem destaque no móbile marketing. Entretanto, o terreno é fértil, mas ainda pouco conhecido. Todos estão aprendendo: clientes/anunciantes, agências de comunicação, agências digitais e operadoras de serviços móveis.
O crescimento exponencial na venda de smartphones no Brasil associada à venda significativa de tablets, torna ainda mais atrativa a publicidade móvel. Inclusive para campanhas voltadas para a classe C.
A revista PróXXIma (publicação do Grupo Meio&Mensagem), em sua última edição, traz um excelente panorama do mobile marketing no Brasil. A matéria aborda agências especializadas, clientes, agências “convencionais”, operadoras de telefonia celular, enfim, ouve todos os players deste emergente e já bastante importante setor. A matéria traz números que ilustram bem essa importância. É leitura obrigatória para quem quer ficar antenado com o que acontece de mais novo no mundo da comunicação mercadológica.
O bacana da publicidade móvel é que há soluções aplicáveis a todos os portes de anunciantes. Há espaço para a aplicação do mobile marketing em campanhas regionais de comunicação. Podem ser criadas ações extremamente dirigidas e focadas tanto em promoção como em institucional e fidelização.
A aposta é que 2012 é o ano do mobile no Brasil. O cenário está pronto. Já há demanda e dinheiro suficientes para gerar uma massa de investimento no setor. Vamos ver se os atores estarão dispostos a encenar com grandeza esse novo ato da comunicação. Afinal de contas, o homem continua não sendo poste.

Comunicação onde o público está

O homem nunca foi poste. É verdade! Sempre se moveu e se mudou. No início mudava mais, sempre em busca de caça. Depois fixou-se um pouco mais ao aprender a plantar seus alimentos. Depois vieram as cidades. A civilização. E a evolução dos meios de transporte: animais, trens, carros, barcos e navios, aviões.

O ser humano passou a viver essencialmente em grandes concentrações urbanas e o tempo tornou-se um bem raro. Enviar mensagens publicitárias que consigam estabelecer diálogo eficiente com os diferentes públicos alvo ficou extremamente difícil.

A propaganda em dispositivos móveis pode contatar o consumidor naqueles momentos em que ele não estaria disponível em/para outras mídias. Pode contatar o público naqueles momentos que passamos a chamar de microtédio – filas, elevadores, salas de espera, intervalos entre uma atividade e outra etc. Isso a torna interessantíssima a ponto de muitos apostarem fortemente em seu crescimento, a ponto de considerá-la a bola da vez.

Smartphones

Interação, engajamento, alto nível de resposta e atenção voluntária são aspectos positivos que merecem destaque no mobile marketing. Entretanto, o terreno é fértil, mas ainda pouco conhecido. Todos estão aprendendo: clientes/anunciantes, agências de comunicação, agências digitais e operadoras de serviços móveis.

O crescimento exponencial na venda de smartphones no Brasil associada à venda significativa de tablets, torna ainda mais atrativa a publicidade móvel. Inclusive para campanhas voltadas para a classe C.

A revista PróXXIma (publicação do Grupo Meio&Mensagem), em sua última edição, traz um excelente panorama do mobile marketing no Brasil. A matéria aborda agências especializadas, clientes, agências “convencionais”, operadoras de telefonia celular, enfim, ouve todos os players deste emergente e já bastante importante setor. A matéria traz números que ilustram bem essa importância. É leitura obrigatória para quem quer ficar antenado com o que acontece de mais novo no mundo da comunicação mercadológica.

ProXXima

O bacana da publicidade móvel é que há soluções aplicáveis a todos os portes de anunciantes. Há espaço para a aplicação do mobile marketing em campanhas regionais de comunicação. Podem ser criadas ações extremamente dirigidas e focadas tanto em promoção como em institucional e fidelização.

A aposta é que 2012 é o ano do mobile no Brasil. O cenário está pronto. Já há demanda e dinheiro suficientes para gerar uma massa de investimento no setor. Vamos ver se os atores estarão dispostos a encenar com grandeza esse novo ato da comunicação. Afinal de contas, o homem continua não sendo poste.