Neurociência e PDV

PDV e suas influências na decisão de compra

Entender o comportamento e as reações das pessoas no momento da compra é algo que o varejo busca há muitos anos. Mas como transformar o ponto de venda em um local capaz de proporcionar ao consumidor uma experiência de compra diferenciada e agradável, incrementando as possibilidades de vendas? A neurociência tem a resposta.

Esta vertente já é amplamente utilizada na concepção de tecnologias oferecidas pela RDS – Sell Out Expert, líder brasileira na oferta de soluções de Sell Out. O recurso faz toda a diferença no PDV em serviços de áudio e vídeo que incrementam a experiência dos consumidores nas lojas. Nesse sentido, a pesquisadora de Neurociência e estrategista de Marketing & Brand, Érica Ariano, fala sobre como a neurociência aplicada ao Marketing pode beneficiar ações no varejo e como a visão e audição influenciam na decisão de compra.

“O que vamos usar no varejo são estratégias e insights advindos da neurociência. É muito importante entender isso. Os resultados dessa ‘aplicação’ nos dizem, por exemplo, se a estratégia está sendo realmente eficaz para influenciar o consumidor. E, uma vez que ela é respaldada pela neurociência, conseguimos resultados melhores”, explica Érica. Veja mais o que diz a profissional a respeito do tema:

Neurociência no PDV – há duas formas de trabalhar a disciplina no PDV. O profissional capacitado pode identificar se a forma de apresentação de determinados itens ou a ambientação de uma loja é realmente adequada a melhor experiência do consumidor. Entre as técnicas mais usadas estão: pesquisas realizadas in loco e o uso de insights.

Emoções – a neurociência já provou que 95% das nossas decisões são emocionais. O varejo precisa se preocupar com a experiência do consumidor como um todo. Além disso, é fundamental entender quem é o seu consumidor e a resposta está no cérebro dele.

O efeito da marca – empresas que criam memórias no consumidor podem vender até 25% mais que as outras. Detalhes como música, iluminaçao e decoração influenciam na percepção do consumidor a respeito da marca dentro de um estabelecimento.

Abordagem multissensorial – os sentidos são a ligação dos humanos com o mundo externo. Os inputs recebidos (cores, sons, imagens, aromas etc) ativam emoções que levam a ação ou as brecam. Isso vale também para o ato de comprar e é dever do varejista aprender explorar esses sentidos para entregar uma melhor experiência ao consumidor.

Cuidado com a sonorização – sabemos por meio de diversos estudos que a música afeta nossas emoções. Usá-la de forma estratégica, com base nos conhecimentos que a neurociência nos fornece, é uma das coisas que precisa ser melhorada no varejo. Não basta colocar som em um estabelecimento para incrementar vendas. O que estimula a compra é a música certa, no ritmo certo, em adequação com o branding da empresa e de acordo com a estratégia que o varejo quer empregar naquele momento.

Sobre a RDS – Sell Out Expert: A RDS – Sell Out Expert é líder em soluções inteligentes que fortalecem a experiência de compra e as ações de marketing e comunicação no ponto de venda. A empresa, com 21 anos de mercado, é pioneira na criação e transmissão de canais de rádio e TV indoor para o varejo brasileiro. Entre seus clientes estão marcas como Rede Walmart Brasil, Ipiranga (AM/PM), Vivara, Coop, Centauro, Droga Raia e Panvel, entre outros. O portfólio de serviços da RDS inclui Ambientação Musical, Radio Indoor, Sell Out Radio, TV Indoor, Menu Board e Painéis & Grandes Telas. Atualmente, as soluções RDS estão presentes em mais de 50 mil pontos em todo o Brasil.

Fonte: Lucia faria Comunicação Corporativa – Tatiane Oliveira

Mais uma brasileira selecionada

Lions Innovation Start-up Package seleciona outra empresa brasileira

neuroUP, de Pernambuco, é a segunda empresa brasileira escolhida como uma das 60 start-ups mais promissoras do mundo

unnamed

O Estadão – representante oficial do Cannes LionsFestival Internacional de Criatividade no Brasil – informa que a organização do evento divulgou uma nova start-up brasileira entre as 60 empresas de todo o mundo que participarão do recém-criado Startup Package: a neuroUP. A start-up, sediada em Pernambuco e especializada em tecnologia ligada à Neurociência, se junta à TVDATA e fará parte da programação do Lions Innovations.

O programa é destinado a start-ups criadas nos últimos três anos, com menos de €5 milhões em financiamento garantido e protótipo de tecnologia que melhora/viabiliza comunicações da marca. Somente 60 empresas foram selecionadas e estão entre as mais promissoras start-ups de todo o mundo, de acordo com a organização.

O pacote do Start-up Package inclui passe de delegado para o Lions Innovation, com acesso a dois dias de palestras, workshops e demonstrações; acesso à cerimônia de premiação, onde serão anunciados os vencedores do Innovation, Creative Data, Mobile, Media e Cyber Lions e festa pós-cerimônia; acesso a reuniões diárias para as start-ups; local para apresentação no novo Start-up Village, para mostrar sua tecnologia (um dia, um por empresa); e acesso ao Cannes Lions Beach durante o evento.

A neuroUP é uma start-up acelerada pelo CESAR, maior instituto de inovação do Brasil, com financiamento do Programa Nacional de Aceleração de Empresas Start-up Brasil (MCTI/CNPq). Sua equipe é formada por pesquisadores com formação na área da Saúde (Fisioterapia) e em Engenharia (Biomédica e de Computação). Os dois principais executivos da empresa são Ubirakitan Maciel, diretor executivo, e Diogo Jardim, diretor técnico. Além disso, a empresa conta com a colaboração científica do Grupo de Neurodinâmica da Universidade Federal de Pernambuco.

O Lions Innovation acontece de 21 a 22 junho de 2016. Serão dois dias do festival de tecnologia, que contará com conteúdo focado em dados e start-ups, ocorrendo paralelamente ao tradicional Cannes Lions Festival Internacional de Criatividade (18 a 25 de junho). Mais informações em www.canneslions.com. Informações em português: (11) 3856-5454 ou canneslions.estadao.com.br.

Sobre o Cannes Lions Festival Internacional de Criatividade – Cannes Lions, o Festival Internacional de Criatividade, tem sido o lar de grandes ideias desde 1954. Durante 62 anos, o Festival cresceu para um programa de oito dias de inspiração, celebração, aprendizagem e networking, impulsionado pela crença de que a criatividade é uma força para o negócio, para a mudança e para o bem. Com mais de 15 mil delegados de quase 100 países que participam do Festival a cada ano, é um ponto de encontro global onde os profissionais de comunicação de marca podem se conectar, compartilhar e descobrir. Os Lions são os prêmios mais cobiçados do mundo da criação e os trabalhos inscritos são julgados e apresentados no Festival. Mais de 40 mil trabalhos inscritos nas 24 categorias são rigorosamente avaliados por representantes respeitados da indústria, exibidos no local e, em seguida, os melhores são premiados durante uma série de cerimônias. Durante a semana Festival, o seleto conteúdo do programa e prêmios também são canalizados para três eventos especializados – Lions Health, Lions Innovation e Lions Entertainment – atendendo todos os setores da indústria. O Estadão é o representante oficial do Festival no Brasil desde 2001. A 63ª edição do evento acontecerá entre 18 e 25 de junho de 2016.

Fonte:Lucia Faria Comunicação Corporativa – Marco Barone