Dança das cadeiras

Antes do ano acabar…

Esse ano tá chegando ao fim. Mesmo assim o mercado segue movimentado. Veja mais um pouco das idas e vindas dos profissionais de comunicação e marketing do Vale do Paraíba.

A jornalista Viviane Sorbile é a mais nova Produtora de Conteúdo da Agência Maria Fumaça (SJCampos). Ela já passou por Poliedro, Editora Santuário, Alameda Comunicação e TV Vanguarda.

Felipe Ledo assumiu o posto de Gestor de marketing digital na construtora M.Vituzzo (SJCampos). Ele também foi gestor de marketing na Sorrix Odontologia e coordenador de marketing na IBAP Cursos.

Duas vagas para estágio

Estágio em jornalismo e em criação

A NA Comunicação está com duas vagas abertas. Uma é para estudantes de jornalismo e a outra é para estudantes de publicidade e propaganda e/ou design gráfico.

Vaga de estágio presencial em Taubaté

Função:Design gráfico;
Carga horária:6h/dia;

Encaminhe seu currículo e portfólio para o e-mail: vaga.nacomunicacao@gmail.com

Vaga de estágio presencial em Taubaté

Função:Jornalista
Carga horária:6h/dia;

Encaminhe seu currículo e portfólio para o e-mail: vaga.nacomunicacao@gmail.com

Dança das cadeiras

Dezembro começou, o ano tá quase acabando, mas a dança continua

Chegou a hora de dar aquela atualizada na movimentação de profissionais e estudantes pelo mercado de comunicação do Vale do Paraíba.

O publicitário Sidney Amora chega acaba de assumir o posto de Planejamento Estratégico na Qualicom – Diálogo Estratégico, agência localizada em Taubaté. Ele estava na Anagrama Comunicação e Eventos e lá respondia por Planejamento de Projetos, Marketing Digital, Gestão de Redes Sociais e Gestão de Conteúdo.

Já o jornalista Marcelo Costa é o novo Analista de Mídias Digitais do Santuário Nacional de Aparecida. O Marcelo também foi social media na Agência BKW Creative Results e estagiário na TV Vanguarda

E a também jornalista Ana Beatriz Corrêa chega para compor o time da Rede Vanguarda como Produtora de reportagem. Ana Beatriz estava na Rede Bandeirantes de Comunicação Vale do Paraíba onde atuava como executiva de produção.

Dia das Relações Públicas

Dia 02 de dezembro é dia das relações públicas

Josué Brazil

Sou publicitário por vocação e por paixão. Sempre gostei de propaganda. Mas também sempre fui confesso admirador das atividades de relações públicas.

Na universidade pude conviver – e ainda convivo – com diversas pessoas que são formadas e atuam em relações públicas. E posso dizer, sem medo de errar, que as RRPP são essenciais para o momento atual do cenário de marketing e comunicação.

E por quê?

Porque a visão estratégica, o foco no relacionamento e busca de conciliação, o olhar diferenciado para cada público são pontos extremamente fortes da atividade de relações públicas. Rapidamente essa área mergulhou de cabeça no digital. E entendeu a força que as redes sociais têm para a reputação das marcas.

Minha amiga Aline Fernanda Lima, coordenadora do curso de relações públicas da Universidade de Taubaté criou uma palestra para a Semana do Aulão, uma semana dedicada a palestras e aulas com prospects dos cursos da universidade. E o título da palestra que ela ministrou não poderia ser melhor: Relações Públicas é a cara da comunicação atual.

Creio fortemente que a comunicação de hoje tem que ser construída por camadas. Você cria uma estratégia central, baseada num forte conceito alinhado ao DNA da marca e vai acrescentando camadas de comunicação de modo a ir acrescentando diferentes percepções da marca ou do produto (do cliente, enfim). E nesse ponto uma das camadas essenciais virá com certeza de atividades desenvolvidas pelas relações públicas.

Tenho dito que a comunicação e o marketing agora são iguais a diálogo. São basicamente diálogo. E creio também que a área de relações públicas é a mais capacitada para cuidar de bons diálogos da marca.

A data

O Dia Nacional das Relações Públicas surgiu no Brasil a partir da criação da Lei nº 7.197, em 14 de junho 1984. Essa lei determinou o dia 2 de dezembro como data oficial para a comemoração. E esse dia foi escolhido por ser a data em que nasceu o engenheiro alagoano Eduardo Pinheiro Lobo, considerado o patrono das Relações Públicas no Brasil. Ele dirigiu o primeiro Departamento de Relações Públicas criado no nosso país em 30 de janeiro de 1914.

Parabéns a todos os que se dedicam a essa as vezes pouco conhecida atividade da comunicação social. Viva as relações públicas

Vaga de estágio para jornalista e publicitário

Vaga para jornalista e para publicitário (estágio)

Descrição das vagas:

Jornalista: conhecimentos de pacote office / familiaridade com redes sociais / escrever bem / proativo
Carga horária: 6 horas / dia, sendo 5 dias por semana
Bolsa auxílio + vale transporte + seguro de vida

Publicitário: conhecimentos de pacote office / pacote adobe (Illustrator e photoshop) / familiaridade com redes sociais / escrever bem / proativo / criativo
Carga horária: 6 horas / dia, sendo 5 dias por semana
Bolsa auxílio + vale transporte + seguro de vida

Censo de agências

Entidades reunidas para realizar censo

Um importante panorama da atividade publicitária é efetuado desde 2014. Trata-se do Censo Agências. Realizado pela Operand e com apoio dos principais órgão ligados à atividade publicitária – como APP e Fenapro – o questionário para o censo 2020 já está disponível.

Trata-se da principal pesquisa sobre gestão voltada para o mercado de comunicação, publicidade e marketing no país.

Se você é dono de agência responda. É só clicar aqui!

 

Vagas para atuar em grupo de comunicação

Grupo Meon de Comunicação está contratando

Vagas disponíveis:

✔️ Estagiários de Publicidade e Propaganda
✔️ Estagiários de Administração

Mande seu currículo para: rh@meon.com.br
Assunto: Estágio.

Vaga para diretor de arte

Verge busca DA

A Verge Parceria Estratégica busca um(a) Diretor(a) de Arte. O escolhido para a vaga irá trabalhar criando peças e campanhas para clientes que são referência em seus mercados.

Seu Trabalho No Dia a Dia Irá Envolver:

Criação de campanhas publicitárias,
Criação de posts para redes sociais,
Criação de peças de e-mail marketing,
Criação de banners,
Criação de layouts de landing pages e sites em geral;
Fechamento de arquivos;
Trabalho em equipe, muito próximo ao social media e redator.

Requirements:
Buscamos alguém com experiência, muita vontade de trabalhar em equipe e com todo o seu potencial;
Graduação completa em Publicidade / Design Digital / Web Design – não estamos buscando estagiários!
Conhecimento e domínio nas ferramentas do Pacote Adobe.
Organizado e comprometido com prazos.

Desired Skills:
Experiência prévia em agência de comunicação digital;
Cursos na área do mkt digital.

Enviar CV e Portfólio para selecao@verge.com.br com o assunto: Vaga DA Digital.

Coluna “Discutindo a relação…”

Café, dúvidas e boas ideias

Estou tendo uma semana bem agitada, mas bastante rica em encontros e trocas de ideias.

Na última quarta tive a oportunidade de tomar um café a tarde com meu amigo e brilhante ex aluno Arison Sonagere. O Arison foi meu aluno no curso de publicidade e propaganda, é domo da Atributo Branding e professor/coordenador na unidade de SJCampos da Anhanguera. Também já foi articulista deste blog.

A conversa foi fantástica e falamos bastante sobre o ensino superior de publicidade. Trocamos ideias sobre a dinâmica da sala de aula, do papel do professor, do perfil do alunado atual e sobre soluções/projetos para melhorar a forma como ensinamos.

A conversa toda foi toda muito interessante (o Arison continua afiado, inteligente ainda mais), mas quando conversamos sobre a possibilidade de definir um modelo para atuar no mercado publicitário a coisa ficou pra lá de interessante. O Arison me disse que pretendia dar novo gás para sua Atributo, mas não conseguia identificar um modelo de atuação que o levasse a um “oceano azul”.

Confessei a ele que várias vezes pensei em voltar a ter uma negócio em comunicação e que o nome “agência” definitivamente não caberia mais em qualquer modelo/proposta de atuação. E ficamos divagando como seria esse modelo que nos levasse para longe do “oceano vermelho” do mercado de “agências de propaganda”.

Uma das coisas na qual concordamos é que ter foco em digital já era. Já foi! Tudo e todo mundo mundo é digital. Focar em redes sociais é mais do mesmo. E começamos a pensar num modelo que misturasse arquitetura, experiência do consumidor, branding, design, estratégia e construção de significado e reputação para marcas.

Será que viajamos muito?

A única certeza é de que o papo foi bom demais e que conversar com gente inteligente é um santo remédio para mente, corpo e alma.