E saiu mais um conteúdo em formato áudio

E o papo é sobre criação

Mais um dos nossos programetes de rádio. Desta vez a conversa girou em torno da importância da chamada criação publicitária. Confira mais esta edição do Publicitando em áudio.

 

Coluna “Discutindo a relação…”

O trabalho de redação publicitária

Dou aulas de redação publicitária já há alguns bons anos. E adoro! Foi o texto, o gosto pelas palavras, pelas ideias traduzidas em frases que me atraiu para o universo da propaganda.

Volta e meia algumas pessoas que não foram meus alunos me perguntam sobre redação, entram em contato para tirar algumas dúvidas. Em função disso, resolvi adaptar uma das minhas aulas para esse texto.

A primeira coisa que digo é que o Redator é um criativo. Os departamentos de criação das agências têm como base as chamadas duplas de criação, ou seja, um diretor de arte e um redator encaram juntos os jobs (trabalhos) de criação.

Então, seja você diretor de arte ou redator, seu trabalho é criar. O Redator, junto ao diretor de arte, deve criar peças publicitárias originais, pertinentes e relevantes.

A redação publicitária é um tipo especial de redação, com algumas peculiaridades. Ela é a busca para dizer o que deve ser dito de maneira original e persuasiva. É sedução, persuasão e informação.

O que faz um Redator

O Redator Publicitário cria textos para todas as peças publicitárias exigidas por uma campanha.Para tanto, ele adapta linguagens para diferentes públicos e apoia o trabalho do diretor de arte, estabelecendo forte sintonia com ele.

Um Redator Publicitário lida com diversos jobs para diversas campanhas. E na maioria das vezes de forma simultânea. Isso quer dizer que é comum que ele se envolva em trabalhos diferentes para diferentes campanhas e clientes.

O dia dia de um Redator

No trabalho cotidiano o Redator deve estar preparado para criar em meio ao caos. Além disso, não se escolhe job: o trabalho que chegar para o Redator encarar ele terá que encarar. E resolver!

E para isso não tem dia nem hora apropriado e nem um ambiente perfeito. O trabalho dele é criar!

Para solucionar os problemas de comunicação que lhe são colocados o Redator deve escrever muito sempre: da quantidade é que sai a qualidade.

Um agravante para o dia a dia do Redator é que há cada vez menos tempo (e mais trabalho). Portanto, deve pensar cada vez mais rápido e ter muitas referências (repertório).

Além disso, um bom Redator deve ser pró-ativo (pesquisar muito e sempre). Não espere tudo chegar até sua mesa de trabalho. Vá atrás!

Conselhos que podem ser úteis

Algumas dicas podem ajudar quem quer trilhar o caminho da redação publicitária. Vamos a eles:

– Não se prenda a regras e tabus;

– Escreva bastante sempre;

– Busque sempre um ponto de vista novo, uma idéia original;

– Fuja do lugar comum, da frase feita, do chavão;

– Não fique na superfície: mergulhe!

Vaga aberta para redator publicitário

Redator Publicitário

A Quero Educação é uma startup brasileira de marketing educacional que desenvolve soluções para instituições do ensino superior. Seu principal produto é o Quero Bolsa, marketplace que ajuda futuros alunos do Brasil inteiro a escolher o curso ideal, por um preço que podem pagar.

Reune talentos do Oiapoque ao Chuí em sua sede, que fica em São José dos Campos – SP.

O Redator Publicitário, irá planejar e executar estratégias de otimização com foco na aquisição de tráfego orgânico qualificado para nossos sites e canais, o principal deles sendo querobolsa.com.br. Haverá uma interação constante com as áreas de produção de conteúdo, design, produto e desenvolvimento.

COMO SERÁ O DIA A DIA?

Será responsável pela elaboração dos materiais de comunicação do Quero Bolsa;
Caberá a essa pessoa desenvolver as peças de comunicação, campanhas e identidade visual da empresa junto com a equipe de designers e atendimento;
Planejamento e criação de conteúdo para mídias sociais – facebook, twitter e revista eletrônica;
Desenvolvimento de conceitos para campanhas publicitárias 360;
Contribuição em Brainstorms;
Participação efetiva no desenvolvimento de planejamentos;
Revisão de textos.

NO QUE VOCÊ PRECISA MANDAR BEM?

Conhecimento em técnicas de texto e redação;
Facilidade em criar textos curtos, criativos e diretos;
Desenvoltura para falar;
Bom relacionamento com equipe;
Ser proativo, antenado, informado e ter domínio da língua portuguesa;
Inglês para leitura é um diferencial.

O QUE OS COLABORADORES TÊM?

Cozinha (alimentação)
Alojamento
Jogos (video game, pingue-pongue, arcade etc)
Ambiente descontraído
Snacks e bebidas à vontade
Aula de dança
Aula de inglês
Gente talentosa e feliz
Planos de saúde e odontológico

Inscreva-se para a vaga por aqui

Vaga em startup de educação

Quero Bolsa busca redator publicitário

A Quero Educação é uma startup brasileira de marketing educacional que desenvolve soluções para instituições do ensino superior. Nosso principal produto é o Quero Bolsa, marketplace que ajuda futuros alunos do Brasil inteiro a escolher o curso ideal, por um preço que podem pagar.

A startup reúne talentos de todo o Brasil em sua sede em São José dos Campos – SP.

O Redator Publicitário, irá planejar e executar estratégias de otimização com foco na aquisição de tráfego orgânico qualificado para nossos sites e canais, o principal deles sendo querobolsa.com.br. Haverá uma interação constante com as áreas de produção de conteúdo, design, produto e desenvolvimento.

COMO SERÁ O SEU DIA A DIA?

Será responsável pela elaboração dos materiais de comunicação do Quero Bolsa;
Caberá a essa pessoa desenvolver as peças de comunicação, campanhas e identidade visual da empresa junto com a equipe de designers e atendimento;
Planejamento e criação de conteúdo para mídias sociais – facebook, twitter e revista eletrônica;
Desenvolvimento de conceitos para campanhas publicitárias 360;
Contribuição em Brainstorms;
Participação efetiva no desenvolvimento de planejamentos;
Revisão de textos.

NO QUE VOCÊ PRECISA MANDAR BEM?

Conhecimento em técnicas de texto e redação;
Facilidade em criar textos curtos, criativos e diretos;
Desenvoltura para falar;
Bom relacionamento com equipe;
Ser proativo, antenado, informado e ter domínio da língua portuguesa;
Inglês para leitura é um diferencial.

O QUE OS COLABORADORES TÊM?

Cozinheira que faz comida de vó
Alojamento
Jogos (video game, pingue-pongue, arcade etc)
Ambiente descontraído
Você pode trabalhar de chinelo ou de terno, pra gente tanto faz
Snacks e bebidas à vontade
Aula de dança (pra queimar os snacks :P)
Aula de inglês
Gente talentosa e feliz
Planos de saúde e odontológico

Candidate-se por aqui

Tem vaga de estágio em redação

Agência abre vaga para estagiário de redação

A agência 3DM busca estagiário para fazer parte de seu time e está com vaga aberta para redação publicitária!

Se você que tem interesse, mande o seu currículo para contato@3dm.ppg.br

Vaga aberta para redator

Agência de São José dos Campos busca redator

A agência Combo está a procura de um redator para ampliar e reforçar seu quadro criativo.

Interessados enviar curriculo, com assunto REDATOR para o e-mail:
mauricio@agenciacombo.com.br

Agência busca redator

Mestra busca redatores

A Mestra Comunicação, agência localizada em SJCampos, está ampliando sua equipe de criação e quer novos redatores.

Tem interesse? Envie seu portfólio.

12814128_906047026178468_6361267354532801168_n

E no Festival do CCSP…

Além do Festup, um pouco do que rolou no Festival do Clube de Criação

12047312_10204404309982408_1217926024_n

O Publicitando contou com uma enviada especial para cobrir o Festival do Clube de Criação de São paulo. Convidamos a Thaís Rodrigues, criativa da Arriba! que participou do festival, para que nos contasse um pouco de tudo o que ela viu por lá.

Então vamos conferir o que nossa enviada especial tem pra contar:

Aconteceu, nos dias 19, 20 e 21 de setembro, o Festival do Clube de Criação; um dos maiores eventos do mercado criativo. O evento, em sua 40ª edição, contou com a presença de publicitários, artistas plásticos, cineastas, estudantes e clientes – além dos maiores figurões da propaganda-, que participaram das mesas e palestras ao longo dos três dias do Festival.

Após inúmeros rumores de que o evento não aconteceria, devido a tal da crise, Fernando Campos (Sócio-Diretor da agência Santa Clara e Diretor do Clube de Criação) abriu o evento, mostrando gratidão aos envolvidos: “Houve um momento em que pensamos em não fazer. Só faria sentido fazer o Festival se conseguíssemos seguir com a evolução que o evento vem apresentando nos últimos anos e realizar as mudanças que gostaríamos. E, com o apoio de nossos parceiros, conseguimos realizar o que queríamos. É uma grande alegria e um grande alívio”. A palestra de Campos trouxe a revelação: “O prêmio morreu. Viva o prêmio”; o tema da palestra marcou o fechamento de um ciclo e o renascimento do Anuário do Clube que, agora, avaliará as peças por segmento de mercado e não por meio de veiculação (confira em: www.clubedecriacao.com.br/ultimas/festival-do-clube-2015-31).

Logo no primeiro dia, temas bastante diferentes chamaram a atenção dos visitantes e delegados do evento, como a mesa “Creative Data: Afinal, Que P#@A é Essa?” e “Realidade Virtual: O Que Vem Por Aí e os Desafios Para os Produtores de Conteúdo” que mostrou a diferença entre conteúdo envolvente (o nosso sagrado Branded Content) e o conteúdo imersível (que promete causar na vida dos publicitários logo menos), ambas disputadas e assistidas por salas cheias, além de assuntos como empreendedorismo socioambiental, processo criativo, retomada e uso de mobiliário urbano e fotografia. Um dos destaques do dia foi a palestra “Brasil Tipo Exportação” presidida pela Head of Planning and Creative da Talent Business, Luciana Ceccato, que trouxe as maravilhas e dessabores de morar e trabalhar com publicidade na gringa. E, falando em “gringa”, a atração internacional da noite ficou por conta de Andy Sandoz (Creative Partner e Fundador da Work Club London) com a palestra “I Don’t Know What This Talk is Called”, oferecida pela publicação D&AD e Shutterstock.

Thaís Rodrigues, nossa "enviada especial" ao Festival do Clube de Criação de São Paulo

Thaís Rodrigues, nossa “enviada especial” ao Festival do Clube de Criação de São Paulo

O dia 02 do Festival foi iniciado com uma palestra extendida para poucos inscritos, que contou com experiência de “Descondicionamento do Olhar” ao fim do bate-papo presidido pelo fotógrafo Cláudio Feijó. Além de calor intenso, o segundo dia do evento contou com temas polêmicos, como a mesa “Como tá chato!” com Rafael Urenha (CCO – DPZ&T), Pedro Prado (DC – F/Nazca Saatchi & Saatchi), Marcelo Reis (Sócio-Presidente – Leo Burnett Taylor Made), Renato Simões (ECD – Wieden+Kennedy) e Joana Monteiro (COO – FCB Brasil), que falou dos novos desafios de se fazer propagando no país, devido a onda politicamente correta e falsamente moralista que assola a sociedade.

O segundo dia do evento também foi presenteado com o SofaChatShow “Mulheres com Asas” com Marilu (sem Costanza 🙁 ), onde marcaram presença a atriz Maria Fernanda Cândido e a jornalista Mônica Waldvogel, além da Chairman da BCAM South America, Patrícia Weiss e a cineasta Paula Trabulsi, fundadoras do Coletivo ASAS (www.asas.br.com). A mesa trouxe a relação das marcas com o universo feminino, mostrando que a publicidade precisa se reinventar a fim de incluir parte do público feminino, que não se identifica com os padrões mostrados pelos comerciais.

O momento “blowing-mind” do dia, ficou por conta de Marcus Alqueres (Diretor de Cena, Efeitos Especiais e Animação em filmes como “Tintin”e “Planeta dos Macacos”) que trouxe a mesa “Previs: A Técnica Largamente Utilizada em Hollywood como Ferramenta Criativa de Pré-Produção, para Blockbusters e Publicidade” que mostrou o uso de animações primárias como alternativa ao Story Board de uma produção, como forma de definir itens como cenário, câmeras, lentes e enquadramento antes da filmagem final, tendo um panorama visual melhor da cena, podendo prever cortes de maquinário e orçamento. Vale a pesquisa sobre o tema, garanto que o efeito será o mesmo que teve em mim: (:O).

Pra quem curte o Offline Way of Life, a palestra “O Craft na Profissão”, com Leo Macias (DC – DM9DDB), André Gola (DC – AlmapBBDO), Felipe Cama (Diretor de Publicidade – Sentimental Filmes) e Angela Bassichetti (CD for Latin America -Turner Time Warner), além dos artistas Pedro Capeletti, Carlos Nunes ‘Cadão’ e José Carlos Lollo, mostrou as maravilhas que só o bom e velho papel proporcionam em produções audiovisuais e na propaganda.

Um dos destaques do dia foi a palestra de Diego Araújo (Diretor Executivo de Criação – Isobar), que trouxe o tema “Inovação” de forma leve e descontraída, mostrando exemplos práticos de como criar algo novo a partir do velho, e apresentando o termo “Escalation of Expectation”.

O terceiro e último dia do Festival, trouxe os grandes nomes da propaganda. Marcaram presença: Marcelo Serpa (Sócio e Co-Chairman – W/Mccann), Guga Ketzer (Presidente – Loducca), Javier Mentasti (Diretor Geral de Criação – Ogilvy e Mather Argentina), Washington Olivetto (Chairman – W/Maccann), Fernando Nobre (Vice-Presidente de Criação Borghi/Lowe), Fábio Pinheiro (DC – Hungry Man), Andrea Siqueira (DC – Africa Zero), Mentor Neto (CCO – Bullet) e Fábio Brígido (DC – Mullen Lowe) Também passaram pelo evento a jornalista Marina Person e a atriz Leandra Leal, o ator Gregório Duvivier e seu pai, o escultor e saxofonista Edgar Duvivier.

O Festival do Clube de Criação teve, além da programação das salas, exposições de peças presentes no shortlist do Anuário, intervenções artísticas e diversas atividades e Workshops no complexo montado pela Miami AdSchool/ESPM, onde os estudantes ainda tiveram a oportunidade de mostrar seus portfólios a todos esses grandes nomes e siglas, em busca de direcionamento profissional.

O evento acontece todos os anos, sempre no mês de setembro, e é gratuito para os Sócios do Clube.

Serviço: Festival do Clube de Criação 2015 Quando: dias 19, 20, 21 de setembro (sábado, domingo e segunda-feira) Onde: Cinemateca Brasileira – Largo Senador Raul Cardoso, 207, Vila Clementino, em São Paulo

Tem agência buscando redator

Procura-se Redator Publicitário

Max propaganda, de Taubaté, quer contratar novo redator publicitário para compor seu time de criativos

12002786_1063068903703527_1797017581434302359_n

Requisitos:
• Formação em Publicidade e Propaganda;
• Amplo conhecimento em língua portuguesa, incluindo a nova regra gramatical;
• Experiência como revisor gramatical;
• Criativo e proativo;

Principais Atividades:
• Redação de textos publicitários;
• criação de ideias para campanhas;
• Revisão de textos;

Tipo: CLT + benefícios

Será alorizado:
• Experiência de trabalho em ambiente de agência;
• Dedicação e agilidade;

Interessou? Então envie seu CV e Portfólio on-line com pretensão salarial para eduardo@maxpropaganda.com.br
“VAGA DE REDATOR PUBLICITÁRIO”

Vaga para redator

Editora Santuário busca redator

DESCRIÇÃO

Em conjunto com a equipe de marketing, o redator deverá criar os conceitos e ajudar no planejamento de campanhas com visão totalmente integrada.

O Redator deve conceituar e traduzir, de forma criativa, os principais benefícios do produto ou serviço a ser comunicado, garantindo a unidade da identidade e “tom” das marcas.

vagas-redator-nuts-2011

O trabalho abrange a criação de chamadas, textos, roteiros, spots, conceitos, temas para promoções e eventos, além da defesa de conceitos para ser inserida no planejamento estratégico.

O profissional também dará apoio ao atendimento como tráfego, organizando fluxo de trabalhos e retornos para criação, auxiliando no acompanhamento de campanhas.

REQUISITOS
• É necessário possuir experiência como redator de materiais publicitários, superior completo na área, conhecimento de branding e desenvolvimento conceitual/estrutural de marca, domínio da língua portuguesa.
• Facilidade para trabalhar em equipe, comprometimento com prazos e conceito de planejamento de campanhas 360 graus

BENEFÍCIOS
• Plano de saúde;
• Seguro de vida;
• Vale-transporte;
• Alimentação no restaurante da empresa;
• Cesta básica.
Enviar currículo com portfólio com o assunto: Redator Editora Santuário
Para: tamiko.ushiwata@editorasantuario.com.br até 24/04/15