PR e ZMOT

Relações públicas em tempos de ZMOT

Na era do Momento Zero da Verdade, quando o consumo é pautado pelas pesquisas online e opiniões na Internet, o profissional de RP precisa de um “upgrade”

*Por Fabiana Macedo

Em um jantar com amigos experimentei determinado vinho pela primeira vez. Anotei o nome e fiz o que quase todos passaram a fazer quando um produto chama sua atenção: pesquisei, comparei preços, li opiniões e peguei indicações de onde comprá-lo. Pude me informar que se tratava de um vinho nacional e premiado, cultivado em uma cidadezinha do interior paulista, Espírito Santo do Pinhal. Depois, visitei a vinícola, entendi seu engenhoso processo de produção e confirmei que o Brasil avança na vinicultura. Tornei-me consumidora do produto e recomendo o rótulo aos amigos.

Mas o que essa história de descoberta de um produto tem a ver com relações públicas? A trajetória que percorri até me transformar em consumidora do vinho passou pelo que o Google batizou de ZMOT (Zero Moment of Truth, ou Momento Zero da Verdade). Segundo o estudo divulgado pela empresa, o processo mental de compra do consumidor mudou. Encerrou-se o ciclo em que o comprador, impactado por um anúncio, se servia de determinado produto na prateleira e então tinha a experiência do uso. Agora, depois de ter conhecimento de que aquele produto existe, o consumidor vai pesquisar. Quem falou, o que falou, quais os benefícios, quais os problemas. Reviews e comentários de quem já teve a experiência passaram a ser mais importantes que nunca.

Mas onde entra a disciplina de Relações Públicas? Esse contexto deixa claro que não são apenas os processos de marketing que devem se adequar à mudança da jornada de consumo para atingir suas metas. Com a internet literalmente nas mãos dos consumidores, a reputação nunca foi tão importante. O estágio que antecede a compra passou a ocupar lugar central no comportamento do consumidor, que é influenciado pelo que acessa e, em especial pelas recomendações embaladas em credibilidade. O boca-a-boca está mais forte do que nunca. O consumidor “mudou de fase”, ganhou complexidade, e faz valer também a dimensão de sua cidadania quando se relaciona com marcas e organizações da sociedade.

Ora, a quem compete zelar pela marca, estabelecer pontes entre os novos e diferentes atores que hoje influenciam a imagem com que empresas e instituições são percebidas? Não importa a atividade, qual é o produto ou serviço, mas ter referências favoráveis e credibilidade é imprescindível para qualquer ator desse complexo ecossistema. As pessoas pesquisam de apartamentos, assistência médica e escolas a canetas e copos. E conforme o uso de celulares cresce, mais as pessoas criam seus próprios guias de bolso, com análises, tweets, blogs, posts nas redes sociais, artigos de jornais, revistas e vídeos de produtos e serviços de todo tipo. Ou seja, o modelo mental de consumo mudou e isso atinge todos os processos de comunicação.

E a atuação dos profissionais de Relações Públicas, está acompanhando essa evolução? Muitos relatos falam de agências que operam de modo tradicional, limitam-se a cuidar do relacionamento com uma imprensa cada vez menos influente e a disparar press releases de modo pouco estratégico, quando muito produzindo conteúdo para perfis de redes sociais.

Buscar novos conhecimentos, esforçar-se para entender o comportamento do consumidor-cidadão, inserir-se na conversa que acontece nas redes é o primeiro passo para propor ações que façam diferença para o cliente. Não se trata apenas de colocá-lo em evidência, mas de fortalecer sua reputação. Uma marca forte, que conta com uma percepção positiva tem vantagem competitiva.

Esse trabalho de “zeladoria”, no entanto, só será efetivo caso a agência esteja aberta para a checagem contínua do que se diz a respeito de seu cliente – e onde fica esse lugar de fala. Para exercer seu ofício de modo eficiente, o profissional de relações públicas precisa abandonar velhas muletas, abrir a mente para a inovação e parar de encarar a tecnologia com aversão. Vai longe o tempo em que bastava saber “vender boas pautas” para os veículos, fazer o cliente ser citado em várias reportagens e a glória era conquistar uma citação favorável em veículo de circulação nacional.

O campo está aberto para um profissional curioso e atento, que seja capaz de transitar do diálogo com editores do que ainda se considera grande imprensa ao convívio com as redes sociais (o que inclui influenciadores que se comportam como estrelas) e ferramentas de monitoramento a cada dia mais complexas. É um cenário que não para de evoluir e se transformar, o que, é claro, causa um friozinho na barriga. Mas quem não encarar esse desafio pode estar abreviando sua carreira.

*Fabiana Macedo é CEO da Punto Comunicação – www.puntocomm.com.br

Dança das cadeiras

Veja as mais recentes movimentações de profissionais

O mercado de comunicação mantém muito ativa a dança das cadeiras.

A profissional de relações públicas Belisa Ferreira assumiu recentemente o cargo de Social Media na Árvore Propaganda & Marketing, agência localizada em São José dos Campos.

Belisa Ferreira

Já Thaiz Wertz começou a dar expediente como  Diretora de Social Media na Yázigi, escola de idiomas de Caçapava.

Thaís Wertz

E a publicitária Bruna Bernardes assumiu o cargo de Analista de Comunicação Interna na Monsanto através da Supera Comunicação na Monsanto Company.

Bruna Bernardes

Juliana Matheus, publicitária que começou carreira aqui no Vale do Paraíba, acaba de chegar ao Google (SP), na função de Project Manager, Marketing.

Juliana Matheus

Assim como Juliane Shizuko, também publicitária com início de carreira em nossa região, que passa a atuar como Senior Account Supervisor na Africa (SP)

Juliane Shizuko

Vaga em comunicação na GM

General Motors abre vaga em comunicação

A General Motors está buscando um estagiário que esteja cursando Relações Públicas, Jornalismo, Publicidade (de preferência do 2o ano em diante) ou outros cursos relacionados à Comunicação para trabalhar com comunicação interna na planta de São José dos Campos.

Algumas características que a empresa busca:

– que tenha noções básicas de produção de vídeo, foto e edição gráfica (programas como Illustrator e Premiere serão um diferencial);
– que tenha um ótimo domínio do Português e facilidade para redigir textos;
– mas que, especialmente, tenha muita vontade de aprender!

A GM Oferece um ambiente super dinâmico, com muito aprendizado e interação com vários tipos de pessoas e culturas diferentes!

As inscrições estão abertas até o dia 22/06 no site careers.gm.com

Ou direto no link: https://gm.taleo.net/careersection/20140101/jobdetail.ftl?job=COM0000996&tz=GMT-03%3A00

Vaga de Estagiário

Grupo Davoli abre vaga para estágio

Contrato:2 anos
Bolsa auxílio: R$ 794,00
Horário: segunda a sexta 10h00 às 17h00
Local: Vale Caminhões – Caçapava
Perfil: Cursando Superior em Marketing; Publicidade e Propaganda; Mídias Digitais e áreas afins.

Interessados enviar currículo com o nome da vaga para: selecao@grupodavoli.com.br até dia 23/05

Mercado em movimento

Novidades em agências e veículos

Mais movimentação de profissionais no mercado da RM Vale do Paraíba.

O ainda estudante de terceiro semestre de publicidade e propaganda da Unitau, Leonardo Krupinsk, acaba de assumir novo cargo como Estagiário de criação na Prospecto Marketing & Training

.

Já  a publicitária Fabiana Uehara assumiu o cargo de Analista de Mídias Sociais na Focusnetworks – OnLife Business Group.

E a Relações públicas Zilma Cardoso é a nova Executiva de Negócios na Jornal O Vale.

Supera tem nova contratada

Supera contrata analista digital

Marcella Porto Braz acaba de assumir o posto de Analista de Estratégia Digital na Supera Comunicação – Agência de Comunicação Estratégica com Empregados.

A jovem profissional é graduada em Relações Públicas pela Universidade de Taubaté.

Marcella já acumulava passagens pela IC – Imagem Corporativa, pela Agência Cabrillano (onde atuou no planejamento) e pela própria Supera (quando atuou como assistente de planejamento).

Vaga de estágio em grande empresa

Embraer abre vaga de estágio em comunicação

A grande empresa do setor aeronáutico situada em SJCampos busca estagiários dentro de seu Programa de Estágios.

Vaga para atuar como analista de mídia digital

Agência quer analista de mídias digitais

A midianext está selecionando para a vaga descrita abaixo:

Oportunidade de estágio em mídias sociais

Estágio em mídias sociais

O Kuadro está buscando uma pessoa para atuar como Estagiário em Mídias Sociais. Essa pessoa vai acompanhar nosso dia-a-dia nos canais digitais e interagir com os alunos da plataforma EaD que mais cresce no Brasil.

RESPONSABILIDADES E DEVERES

Criar postagens e acompanhar taxas de engajamento com cada uma;
Acompanhar o andamento do calendário de ações (blog, facebook, instagram, twitter);
Selecionar conteúdos que podem ser reaquecidos de acordo com a época e sugerir as postagens da semana;
Produzir as postagens nas redes sociais: facebook, instagram e twitter.
Conferir se tudo ocorreu bem com a programação das postagens do blog.
Acompanhar a otimização de SEO e posicionar CTAs no post do blog.
Conferir se existe conteúdo quente que precisa ser impulsionado.

HABILIDADES

Estar cursando Comunicação Social (Jornalismo, PP, ou RP), Marketing, ou áreas afins.
Ser Heavy User de Redes Sociais
Estar bem atualizado sobre os tópicos mais quentes na internet
Saber operar softwares do Pacote Adobe é um diferencial
Estar muito familiarizado com: Facebook, Instagram, Twitter e Youtube
Ter boa escrita e muita vontade de aprender

Candidate-se por aqui