Via Vale inicia campanha em prol de famílias atingidas pelas chuvas no Litoral Norte

As arrecadações serão feitas até o final do mês de fevereiro e serão destinadas para São Sebastião e Ilha Bela

O período de chuvas intensas chegou e com ele chegam também os diversos transtornos causados pelo grande volume das águas. Nos últimos dias, diversas famílias do litoral norte de São Paulo foram prejudicadas e desalojadas por conta das fortes chuvas. E pensando em trazer um pouco de alívio e ajuda para essas famílias, o Via Vale Garden Shopping começa hoje (19) uma campanha para arrecadar alguns itens de necessidades básicas para quem está precisando.

O ponto de arrecadação ficará na Loja dos Sonhos, localizada no segundo andar do Garden e criada para receber diversos tipos de ações solidárias. As doações serão destinadas para duas cidades do litoral: São Sebastião e Ilha Bela. A cidade de São Sebastião foi a mais afetada pelas chuvas até o momento. Cerca de 136 famílias, totalizando aproximadamente 500 pessoas, foram prejudicadas e serão atendidas pela prefeitura da cidade.

Os itens que serão arrecadados para São Sebastião serão: toalhas de banho, roupa de cama, alimentos não perecíveis principalmente arroz, óleo e pó de café, fralda infantil e geriátrica, roupas infantis de meninos, produtos de limpeza em geral, produtos de higiene pessoal e colchões. Já para Ilha Bela as principais necessidades são: água potável, produtos de higiene pessoal e limpeza, fraldas descartáveis, roupas e calçados de ambos os sexos e todas as idades, cobertores, travesseiros e lençóis, além de camas de solteiro e casal, fogão e geladeira.

“Acreditamos muito na força que ações como essas exercem em nossa sociedade. Sabemos que muitas pessoas perderam tudo o que tinham com as fortes chuvas e nosso objetivo e promover um pouco de conforto e alívio para quem está passando por esse momento de desespero”, ressalta Bruna Marcon, responsável pelo Marketing do shopping.

As arrecadações serão feitas até o final do mês de fevereiro e entregues aos Centros Comunitários das cidades atingidas por uma equipe do Via Vale Garden Shopping. A Loja dos Sonhos fica aberta durante o horário de funcionamento do Garden.

Fonte: Assessoria de Imprensa Via Vale

Artigo trata de omnichannel

A alavanca do omnichannel

por Anselmo Bragantini

Em 2011 criamos, eu e mais dois sócios, uma loja virtual de modelo dailydeal e sonhamos ficar ricos em pouco tempo. Não ficamos, mas felizmente meu objetivo principal de entender o modelo de vendas em plataformas digitais foi cumprido integralmente. Como eu já tinha uma vasta experiência na construção e gestão de canais físicos de vendas, a associação entre on e off passou a fazer parte do meu mindset na modelagem de negócios de qualquer natureza. Na época, o Brasil tinha 23 milhões de e-consumidores e menos de 15% dos celulares era composto por smartphones.

Corta! Estamos em 2018 e nesse soluço de tempo houve “alguma” evolução nas discussões e implementações de projetos de comércio digital. Vimos crescer a combinação dos ambientes on e off buscando transformar a jornada do consumidor numa experiência cada vez mais rica e repleta de significados, além de buscar criar identidade com as marcas e fidelizá-lo aos produtos. A era do marketing de massa foi substituída pelo marketing um-para-um, caminho que cada vez mais empresas de todo e qualquer segmento tentam percorrer, uma vez que nos parece inevitável a personalização da comunicação diante das mudanças no padrão de comportamento das pessoas, apontando a necessidade de se ter formas distintas de se fazer negócios.

É por este motivo que nos projetos que estamos desenvolvendo, e onde a modelagem da solução aponta para o omnichannel, nos questionamos a todo momento: quais são os elementos centrais para tornar esse conceito uma realidade nas operações dessas empresas?

Não existem receitas prontas, mas se considerarmos que o rastro que o consumidor deixa no seu dia-a-dia fornece uma série de informações relevantes para entender muita coisa sobre ele, e que hoje em dia o equipamento que mais pode nos fornecer informações sobre hábitos, comportamentos, características e padrões de deslocamento é o smartphone, existe aqui um ponto de inflexão provável.

Nesse contexto, projetos de transformação digital como implantar um ambiente omnichannel para uma empresa de varejo físico de equipamentos eletrônicos, desintermediar com responsabilidade a distribuição dos produtos de uma fábrica de moda ou colocar um produto congelado de uma das maiores empresas do mundo na mesa do cliente com agilidade e confiança, exige empresas com visão de futuro e internautas munidos de equipamentos cada vez mais sofisticados e com aplicações que permitem a aproximação do cliente à empresas que não se cansam de inovar.

Vamos pinçar alguns números que, avaliados em conjunto, podem nos trazer lucidez em meio a esse grande caldo que a onda da tecnologia nos aplica há algum tempo:

· Em 2016 vendemos R$44.4 bi no e-commerce B2C no Brasil. Para 2021 a projeção é de R$82.9, representando um aumento de 87%.

· No Brasil, neste mesmo ano, 19% das vendas do e-commerce B2C foram realizadas por dispositivos móveis. Em 2017 foram 26%¹.

· Fechamos 2017 com 47 milhões de e-consumidores, que serão 67 milhões em 2021.

· 28% da população mundial tinha um smartphone me 2016, sendo que em 2020 esse percentual será de 37%. Quase 10pp de diferença.

· Quase 60% das vendas feitas no e-commerce global em 2017 foram feitas em smartphones/tablets.

Vejam que sairemos de R$8.4 bi movimentados por dispositivos móveis em 2016 para R$21.5 bi em 2021 no Brasil, e cada vez mais a jornada desses e-consumidores estará no ambiente onmichannel, a medida que as experiências no on e off irão amadurecer suas verdadeiras vocações para entregar o que esse consumidor espera de cada um desses ambientes. Ou seja, sem alavancar a quantidade de dispositivos pessoais móveis que possibilitam saber por onde o consumidor anda, o que ele gosta de fazer, e o que ele está fazendo em determinado momento, o círculo virtuoso que começa no consumidor e termina no ponto de venda, não importa de qual tipo, não cumprirá com a sua missão de criar a conectividade neurológica tão sonhada por todas as marcas que querem entregar o produto onde o cliente preferir, mesmo quando ele próprio não esteja certo sobre o melhor momento e local para receber sua encomenda.

Além disso, é necessário que as empresas estejam preparadas e consigam surfar na onda omnichannel, com interação, usabilidade e interfaces que sejam corretamente entendidas pelo cliente final, uma vez que a transformação digital está acontecendo agora e é necessário correr contra o tempo para entender como cada empresa pode participar desse ambiente.

Anselmo Bragantini é especialista em Omnichannel da TopperMinds

Fonte: Vera Moreira Comunicação – Ana Finatti

Via Vale recebe exposição em prol do Centro de Zoonoses de Taubaté

Projeto visa promover a conscientização sobre a problemática do abandono e maus tratos dos animais

Desde que abriu suas portas, o Via Vale Garden Shopping segue firme em seu conceito Pet Friendly. No mall, os pets são bem vindos e muito bem recepcionados com “Espaço Pet”, que fica próximo ao Walmart no primeiro piso. Além disso, constantemente o Garden promove eventos que visam a conscientização sobre o cuidado e carinho para com os animais. E pensando nisso, no mês de fevereiro o shopping está recebendo e apoiando a “Exposição CCZ Zooparceiros”, realizada pela ONG Amigos Plantando o Bem.

O objetivo da exposição é a divulgação dos animais que foram resgatados pelo Centro de Zoonoses de Taubaté e posteriormente doados, além de mostrar o trabalho realizado pelo CCZ junto à população taubateana. Para isso, mais de dez totens com fotos dos animais que esperam por adoção no CCZ de Taubaté, estão espalhados no primeiro piso do mall, em frente à loja União.

“Esse projeto visa promover a conscientização da população sobre a problemática do abandono e maus tratos. Queremos incentivar a adoção responsável e destacar a ajuda que o CCZ de Taubaté precisa, seja na doação de insumos ou na adoção dos animais que estão esperando por um lar”, destaca Bruna Marcon, responsável pelo Marketing do Via Vale.

Amigos do Oscar

Não é novidade para ninguém que o mascote oficial do Garden é o cachorrinho Oscar. E no final de semana dos dias 17 e 18 de fevereiro, o Via Vale recebe o projeto “Amigos do Oscar”. Trata-se de um evento de adoção de animais, em parceria com a Associação Vida de Taubaté.

Cerca de 50 cães e gatos estarão na portaria do P2 no Garden, esperando para encontrar um novo lar. O objetivo do evento é promover a adoção responsável dos animais e proporcionar uma nova chance para àqueles que têm vivido nas ruas.

Fonte: Assessoria de imprensa Via Vale

Carnaval no shopping

Via Vale prepara programação especial de Carnaval

O Garden promete um carnaval com muita diversão para toda a família

O Carnaval é uma das datas mais festivas do ano, e pensando nisso, e pensando nisso o Via Vale, em parceria com a Ri Happy, preparou uma programação super especial com muita diversão, animação e alegria.

Já no próximo sábado (03), a partir das 14h, tem Pintura de Rosto na One Store, que fica no piso 1 do mall, próxima a Praça de Eventos. Em seguida, às 15h, tem desfile de Princesas e Heróis com a presença do Batman e da Elsa em frente a Ri Happy. Às 14h tem Escultura em Balão e Pintura de Rosto na Kid Stok, também no primeiro piso do Garden, na entrada principal. Ainda neste sábado, a partir das 13h, o shopping recebe o torneio de Pokémon, organizado pela Genzai. As batalhas começam às 14h30, em frente à loja no primeiro piso. Para participar é preciso realizar a inscrição, das 13h às 14h, na própria Genzai.

Já no sábado seguinte, 10/02, tem o bloco do Solzinho às 15h na Ri Happy, com muita música, marchinha e animação. Pintura de Rosto na One Store, a partir das 14h e Escultura em Balão e Pintura de Rosto na Kid Stok, a partir das 14h.

Fonte: Assessoria de Imprensa Via Vale Garden Shopping

A experiência cria defensores da marca

Valorização da experiência transforma consumidor em defensor da marca

A logística do atendimento nunca foi tão importante para as marcas como agora. Isso porque, com a tecnologia inserida no cotidiano das pessoas, a venda online e offline se completam e, com isso, novos desafios surgem para a era do varejo omnichannel – tendência que converge todos os canais de venda utilizados por uma empresa e faz com que a experiência do cliente seja o ponto-chave.

Na era da experiência, é preciso pensar em cada cliente como uma unidade e não mais como um grande público, afinal, cada um tem necessidades específicas, fator que exige a presença das marcas em todos os pontos de contato. No entanto, isso vai além da simples padronização de apps, sites e lojas, neste processo acompanhar a jornada do cliente é fundamental.

Wilmar Lima, da FH

Um estudo realizado pela SAP Hybris aponta que 49% dos consumidores se sentem confortáveis com o compartilhamento de dados pessoais com as marcas. No entanto, em troca, eles esperam que as interações sejam em tempo real, personalizadas e adaptadas de acordo com as preferências de compra, o histórico de transações e o comportamento do usuário. Isso significa que durante a jornada de compra a expectativa vai além da qualidade de serviço, também envolve a proximidade com a marca e o sentimento de valorização.

A pesquisa ainda revela que 43% das empresas concordam que uma boa experiência com as marcas torna o consumidor um defensor delas, mais do que isso, ainda garante a utilização do serviço mais vezes e indicação para outras pessoas. Outro ponto da pesquisa é que 51% dos consumidores esperam ver as mesmas ofertas de uma loja em múltiplos canais.

O fato é que o potencial dos recursos digitais, que vai desde as redes sociais até a Internet das Coisas, promoveu nos últimos anos uma verdadeira revolução no mercado varejista. Diante disso, a expectativa para as próximas décadas é que, cada vez mais empresas, de diferentes segmentos, apostem na multicanalidade para acompanhar a evolução do comportamento dos consumidores.

Confira algumas tendências omnichannel para o varejo em 2018 e o case de sucesso do primeiro projeto em vendas assistidas omnicanal do Brasil:

• Comando de voz – Os consumidores já utilizam comando de voz para fazer pesquisas, obter previsões meteorológicas, selecionar músicas, entre outras inúmeras tarefas. E, se já estavam habituados a adquirir produtos com um simples clique, por que não utilizar a tecnologia de comando de voz? Certamente, essa é a próxima aposta para aprimorar ainda mais a jornada de compra. Ao utilizar o comando de voz, pessoas com alguma deficiência física ou visual, ou até mesmo idosos, terão mais facilidade para fazer suas compras.

• Vitrines inteligentes – Os conceitos de omnichannel e machine learning possibilitam novas experiências para o varejo. De olho no mundo da moda, a SAP desenvolveu a solução Vitrines Inteligentes, uma tecnologia de recomendação de produtos que transforma as vitrines em auxiliares inteligentes de venda e de administração. A solução oferece agilidade e benefícios para lojistas e consumidores, além de um canal específico e personalizado de relacionamento com o cliente.

• Vendas assistidas – Antes, os clientes chegavam à loja, discutiam com o vendedor o projeto de sua casa, verificavam o preço e a disponibilidade de estoque de determinado produto. Hoje, por meio do multiatendimento, usando o site e o celular, os vendedores podem ofertar mais informações sobre cada item, o que transforma a compra em uma experiência única e diferenciada. O primeiro projeto em vendas assistidas omnicanal do Brasil, com a ferramenta SAP Hybris, foi implementado pela FH na Leroy Merlin, em 2017. O piloto foi realizado na loja de São Bernardo do Campo. Com essa integração entre site e mobile, a Leroy Merlin se tornou a primeira rede no setor de Varejo de Materiais de Construção (multiespecialista do lar, especializada em construção, acabamento, bricolagem, decoração e jardinagem) a atuar 100% no modelo omnichannel.

Wilmar Lima é vice-presidente de Transformação Digital da FH.

Fonte: SmartCom Inteligência em Comunicação – Karen Krinchev

Novos negócios no último trimestre

Via Vale recebe novas marcas no último trimestre

O empreendimento recebeu em suas dependências operações que geraram mais de 200 empregos diretos

Nos últimos dois meses, o Via Vale Garden Shopping ganhou nove novas operações em suas dependências. As novas lojas chegaram para compor o time do mall e geraram mais de 200 empregos diretos para a região.

Entre as inaugurações de novembro está a loja Havan, que chegou com tudo e trouxe inovação e exclusividade de produtos para àqueles que visitam o Garden. A Scaranza veio para o mall para compor o setor de vestuário e tem feito muito sucesso desde então. Além disso o Lava Car Bastos Rimedi e a chocolateria Choco L´Amour, foram as outras duas inaugurações do mês de novembro.

Já em dezembro foram inauguradas cinco novas operações: Super Hot, Sóbrancelhas, Oliver Folheados, Neon Bike e Miss Cake.

Mais inaugurações

E mais duas lojas chegam para compor o mix de operações do Garden. A Nextel inaugurou dia 22 e está instalada no piso 1, em frente ao Walmart. Já a CIA do Churrasco, que vem para reforçar o setor de alimentação, inaugura em breve e ficará próximo à entrada principal do shopping, ao lado do balcão Concierge.

“A chegada dessas novas operações é primordial para a contribuição na queda da taxa de desemprego no Vale do Paraíba. Todas essas inaugurações contribuem para gerar um número alto de empregos e isso ajuda muito a movimentar a economia da nossa cidade”, ressalta Bruna Marcon, responsável pelo marketing do Garden.

Fonte: Pilares RP – Mariana Guedes

Uma nova forma de entender o comércio

Conheça o Comércio Digital, pensado para a entrega de experiências sensacionais

*Por Maurício Trezub

A certeza de que a experiência proporcionada ao consumidor irá reger os negócios hoje e nos próximos anos é algo latente, porém, fica o questionamento sobre como fazer essa entrega, do ponto de vista do empresário. O varejo e a indústria vão passar por uma transformação digital e, para que isso aconteça, as empresas vão precisar, necessariamente, da soma de diferentes tecnologias. A pessoa física se digitalizou, mas as empresas só passaram a olhar agora para este consumidor digital e a pergunta que deve ser feita antes de qualquer investimento é: qual experiência de compra o meu público quer ter?

A verdade é que o varejo vai precisar de uma combinação de soluções perfeitamente integradas para entregar aos seus clientes experiências sensacionais – afinal, não se busca nada menos do que isso! Não falo apenas de e-commerce, mobile ou ERP especializado, mas sim da fusão desses três agentes, integrando a loja física ao ambiente de vendas online e ao celular do consumidor. Assim, a sua empresa vai conseguir aplicar na prática o conceito de Comércio Digital. O resultado, sob a perspectiva dos negócios, é veracidade das informações, segurança de gestão e planejamento estratégico apurado, além de encantamento e fidelização dos clientes.

Essa capacidade de integrar o físico ao virtual, por meio de pacotes de soluções tecnológicas, para entregar a melhor experiência ao consumidor – o que chamamos de Comércio Digital – pode ser empregada de acordo com o que o público gostaria de ter no relacionamento com a sua marca. Lembra da minha pergunta inicial? Então, este é o ponto de partida para entender quais tecnologias melhor vão te atender.

Será que o seu cliente quer comprar via e-commerce, agendar um horário e apenas fazer a retirada do produto na loja física? Como isso funcionaria internamente na sua empresa? Imagine que você tem uma hamburgueria (pois é! Por que não uma lanchonete com e-commerce? A inovação está disponível para todos). O cliente entra no seu e-commerce e faz um pedido que, pela integração com o seu software de gestão, cai diretamente nas ordens de serviço da cozinha, de acordo com o horário escolhido para a retirada do lanche. O mesmo ERP, integrado ao hardware, envia a informação para a emissão automática do cupom fiscal. O cliente, então, passa na loja, pega o seu pacote e a sua nota – sem gastar tempo no atendimento do balcão e com uma experiência completamente diferente do que está acostumado.

O problema na implementação da estratégia digital é que não existe bala de prata. Cada segmento vai ter que pensar as experiências que fazem sentido para o seu segmento. Um armazém de vinhos vai construir experiências diferentes de uma loja de eletrônicos, que vai ser muito diferente de um supermercado que em quase nada se assemelharia a uma boutique de moda. Mas então por onde devo começar? Você deve começar redesenhando as experiências de forma a criar um fluxo de interação com o consumidor removendo todas as etapas que geram atrito (frictionless) e usando todos os canais por onde o consumidor deseja se relacionar com sua empresa: loja física, celular, televendas, chat-vendas ou um navegador web. Por atrito, entenda todas as experiências ruins que temos hoje como, por exemplo: filas, troco, papel, demoras, locomoção, formulários de cadastro, erros, lentidão e etc.

Se o futuro do consumidor é a experiência que uma marca lhe proporciona, o futuro das empresas é ter à disposição dos seus negócios soluções integradas, que orquestrem as novas necessidades de um público totalmente digitalizado, fazendo dessas experiências uma realidade acessível e duradoura. Isso é muito mais do que comércio eletrônico, é um novo Comércio Digital, pensado para o relacionamento constante e de qualidade com o consumidor.

*Maurício Trezub é diretor de e-commerce da TOTVS

Fonte: RMA Comunicação – Marina Escarminio

Ação para gestantes em shopping

Via Vale oferece curso gratuito para gestantes

A ação é uma parceria do Garden com o Banco de Cordão Umbilical e visa trazer informações sobre a maternidade para as futuras mamães

O momento da gravidez é único e especial. Para as mães de primeira viagem muitas dúvidas surgem neste período e, para aquelas mais experientes não há nada melhor do que relembrar velhas dicas. Pensando nisso, o Via Vale Garden Shopping traz novamente o Curso para Gestantes. A atividade é gratuita e para futuras mamães de todas as idades.

A ação, que é uma parceria com a BCU (Banco de Cordão Umbilical), acontece amanhã (24), a partir das 18h, no auditório do Garden. No encontro, serão abordados temas importantes como cuidados da gestante, do bebê, dicas de amamentação, alimentação e banho, informações sobre anestesia, uma das dúvidas mais recorrentes entre as grávidas e tudo sobre coleta de células tronco do cordão umbilical. A ação tem o intuito de ajudar e acalmar as novatas, além de promover uma troca de experiências com aquelas que já são mães.

O evento é gratuito, porém para esta turma já não há mais vagas. Por conta do sucesso do evento novas turmas para os próximos meses já estão sendo planejadas.

SERVIÇO

Curso de Gestantes – Via Vale Garden Shopping

DATA: 24 de janeiro

HORÁRIO: a partir das 18h

LOCAL: auditório do Garden (piso superior, ao lado do DETRAN)

Campanha de volta às aulas

Durante campanha de volta às aulas, Taubaté Shopping prevê aumento de 17% no volume de vendas

Os mais diversos itens podem ser encontrados em 14 lojas do centro de compras

Além de curtir o fim das férias, crianças e adolescentes aproveitam o período para descobrir as novidades do ano em material escolar. Enquanto elas seguem na busca dos lançamentos, os pais vão atrás das promoções e das melhores condições de pagamento para dar conta da extensa lista.

Do papel sulfite à mochila. Mais de dez lojas do Taubaté Shopping comercializam uma diversificada lista de materiais e oferecem aos clientes opções para saírem do centro de compras com a tarefa cumprida. As lojas que trabalham com o segmento são: Kalunga, Livraria Leitura, Americanas, Multicoisas, Imaginarium, Pernambucanas, Renner, Le Postiche, Inovathi, Oscar Calçados, Jô Calçados, Jian Presentes, Puket e Do Ré Mi.

Em algumas lojas, a campanha volta às aulas segue até a primeira quinzena de março. Para o período, o Taubaté Shopping espera um aumento de 21% no fluxo de clientes e de 17% no volume de vendas.

Shopping faz grande liquidação

Via Vale promove ‘Liquida Garden’ e lojistas dão descontos de até 80%

Quem deixou para realizar as compras no início do ano pode aproveitar a tradicional “Liquida Garden”, liquidação realizada pelo Via Vale Garden com descontos em pelo menos 20 lojas do mall. No mix de variedades estão roupas, acessórios, artigos esportivos, decoração, joias, entre outros produtos com preços atrativos. “Além de aproveitar promoções em marcas exclusivas, a ‘Liquida Garden’ é uma ótima oportunidade para comprar aquele produto tão desejado por um valor mais acessível”, destaca Bruna Marcon, Coordenadora de marketing do Shopping.

A liquidação não tem como foco apenas o público feminino, os homens também têm desconto garantido em bermudas, camisetas, jeans, óculos, perfumes e muito mais. Além disso, marcas como Le John John, Havan, Hering Store, O Boticário, Ilha do Mel, entre outras, prometem grandes ofertas. A Gregory, por exemplo, tem produtos com até 50% de desconto, uma ótima oportunidade de adquirir peças da marca com preços incríveis. Já a Le Lis Blanc está com peças com até 80% off. Descontos imperdíveis também na, Colombo, Garbo, Invenção, One Store, Óticas Carol, e Polo Wear.

As promoções são válidas para produtos selecionados e sem previsão de término. A ‘Liquida Garden’ acontece em horário normal de funcionamento do shopping, das 10h às 22h.