Um pouco sobre o Festup – Parte I

O 22 Festup foi muito bom. Boa organização, boas palestras e muita animação. Vou relatar um pouco do conteúdo das palestras que acompanhei. Começando pelo primeiro dia, sábado, dia 18/09.

Marcio Beauclair – Publicis – Módulo Agência

O Marcio começou a carreira como redator no Rio de Janeiro e depois passou para planejamento. Ele iniciou sua palestra colocando três coisas que aprendeu logo de início: humildade, o fato de que propaganda funciona e muito (primeiras experiências com contas de varejo lhe mostraram isso) e que é muito importante ter a oportunidade de trabalhar com grandes contas, principalmente internacionais. Hoje ele é Head de Planejamento da Publicis Brasil.

Depois de seu início como redator o Marcio começou a se encantar com o lado do consumidor e, após passagem pelo Canadá, onde atuou na Saachti&Saachti, quando experimentou excelentes ferramentas de planejamento, teve certeza que queria ser planejador de comunicação.

Ele passou também pela Fischer América. Nessa agência teve a oportunidade de trabalhar em Portugal, onde fez campanhas para a Cerveja Sagres. Depois, ainda pela Fischer, teve passagem pela Espanha.

Atualmente, na Publicis, eles enfrentam um grande desafio: transformar líderes de mercado em líderes de conversa. Fazer com que as marcas que a agência atende sejam parte das vidas das pessoas. O novo posicionamento mundial da Publicis é: “Contagius ideas that change the conversation”.  Para exemplificar como esse novo posicionamento afeta o trabalho da agência ele mostrou um video de curta meragem feito pelo escritório australiano para a Scwepps.

Marcio Beauclair também afirmou que deve haver forte integração entre o off e o on e que vale mesmo a grande idéia, sem pensar inicialmente em plataforma e/ou formato. Apresentou sua base de planejamento: mercado – comunicação – consumidor. E afirmou que para ser um bom publicitário é preciso ter propaganda na veia.

Para finalizar ele disse: O mais importante é o que falar. Ter um claro posicionamento. E assim buscar diferenciação.

Marcio Kothar – AlmapBBDO – Módulo de Criação

Iniciou sua palestra mostrando um trabalho que fez na faculdade e que serviu de base para sua primeira colocação: trabalho bom é aquele no qual você aprende mais alguma coisa. Ele trabalhou em moda no início da carreira, em duas importantes grifes nacionais. Depois foi para a AlmapBBDO. Lá pode constatar que a propaganda é a melhor indústria criativa nacional, com muita infraestrutura.

Criou diversas estampas e peças publicitária para as Havaianas. E mostrou muitas delas em sua palestra. Algumas ainda inéditas. O Marcio é um tremendo diretor de arte, daqueles raros de se encontrar. O público presente adorou e aplaudiu bastante sua palestra.

Gal Barradas – FBiz – Módulo de Atendimento

Não resisiti e acabei assistino a Gal Barradas novamente este ano. E não me arrependi! Ela mudou totalmente sua apresentação em relação ao ano anterior e trouxe conteúdo novo e relevante.

Começou dizendo que a marca deve ser a visão sustentável do negócio. E que o objetivo atual das empresas deve ser gerar valor sustentável para a marca e para o acinista. As empresas devem entender que a sua identidade deve coincidir com sua imagem.

Gal afirmou que quanto mais fortes as marcas mais expectativas de lucros futuros, e que consideração e preferência são as mães da compra. Além disso, afirmou que marketing hoje é diálogo e que a mensagem sempre será mais imporatnte do que o canal. Uma gestão otimizada da marca deve, segundo ela, levar em conta o negócio do cliente para então propor ações integradas que gerem interação/colaboração, além de mensuração contínua.

Dentro deste cenário, o profissional de atendimento deve ser um gestor de marcas e negócios com os seguintes deveres: 1 – gerar a interface do cliente com a agência; 2 – pensar a comunicação do cliente, contribuir com o planejamento estratégico; 3 – ser a interface com as diversas disciplinas da agência; 4 – pensar, interferir e incomodar a tudo e a todos para que o virus da mesmice desapareça.

Listou também algumas características gerais do profissional de atendimento: capacidade de persuasão; caráter empreendedor; ter/buscar informação; ter/buscar conhecimento (aprofundar); cultura; estabilidade emocional.

Finalizou dizendo: “Pense simples. Tudo tem a ver com o ser humano.”

Para fechar o sábado assisti a uma paletra de produção de TV com a Sentimental Filmes. Eles mostraram alguns filmes e o making off do Filme Ronaldinho para a Honda. E assim foi o sábado do 22 Festup. O primeiro dia de um evento muito relevante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *