Inteligência de Mercado com Carla Barreto

Inteligência de Mercado e Benchmarking

Para quem ainda não conhece o Benchmarking : “é um método utilizado pelas empresas para melhorar a sua gestão, mediante a realização contínua e sistemática de levantamentos, comparações e análises de práticas, processos, produtos e serviços prestados por outras empresas, normalmente reconhecidas como representantes das melhores práticas.”

Existe uma relação de simbiose entre a Inteligência de Mercado e o Benchmarking, essa análise detalhado de dados coletados, podem e devem ser utilizados também para projetar a empresa com a gestão dessas informações. Quando se é feita a coleta de informações seja pela equipe de vendas, pesquisa de campo, filtros ou alertas, é possível delinear algumas posturas, métodos e inovações da concorrência. E o que fazer ao compreender que existe no mercado práticas superiores, fora ou dentro da empresa, que podem projeta-la para um patamar melhor ?

Estabelecer metas e objetivos de onde se pretende chegar, e quais resultados quer se obter com práticas semelhantes com os da concorrência é um bom método de se tornar uma empresa exemplar. Além de analisar os concorrentes, tudo que é visto em outro setor ou empresa como algo útil de ser renovado, transformado e colocado em prática pode ser decidido de também ser utilizado para alcançar saltos de produtividade e inovação.

gráfico carla
Tipos de benchmarking

Benchmarking competitivo: está relacionado com os processos e gestão de empresas concorrentes.

Benchmarking genérico: consiste na comparação de parâmetros da funcionalidade das empresas, em aspectos como o tempo que um determinado produto demora a chegar ao cliente, desde que foi requisitado.

Benchmarking funcional :relativo a um processo de atuação da empresa, como a distribuição.

Benchmarking interno, que é tomar como referência as práticas e processos de outros setores dentro da própria empresa, e tentar apropriá-los ou melhorá-los para outros setores.

De acordo com CAMP (1998) existem etapas do benchmarking:
1. Identificar comparativos
2. Definir métodos e coletar dados
3. Determinar a lacuna do desempenho
4. Projetar níveis de desempenho futuro
5. Comunicar descoberta dos marcos de referência e obter aceitação
6. Estabelecer metas funcionais
7. Desenvolver plano de ação
8. Implementar ações específicas e monitorar progresso
9. Recalibrar marcos de referência

Na aplicação de métodos mais eficazes para ser referencial no mercado é extremamente útil utilizar a inteligência de mercado como forma direcional na busca de informações e gestão de cenários prospectivos, e ao absorver essa coleta aplicar de forma efetiva a ideia do benchmarking na busca de melhores práticas, formas de trabalho, execução, logística e planejamentos futuros. Ao observar com uma lente atenta,é possível compreender com tudo que é visto ao redor, que até o concorrente pode trazer aprendizado e informação fundamentais para o êxito na criação de uma empresa modelo de inovação e constante melhoria.

Fontes: http://www.portaldaempresa.pt/CVE/pt/Gestao/AvaliacaoMercado/Benchmarking/
http://www.significados.com.br/benchmarking/
http://versatilrp.wordpress.com/2013/05/23/inteligencia-competitiva-benchmarking-nao-e-plagio-corporativo/

Carla Barreto

Carla Barreto, articulista de Inteligência de Mercado

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *