“Análises e Expectativas – A voz dos Líderes”

O entrevistado de hoje está erguendo uma nova agência

O entrevistado desta edição do “Análises e Expectativas – A voz dos Líderes” é o publicitário e sócio da Avalanche SJCampos, Gustavo Gobbato. Ele foi sócio fundador da Arriba!, agência de destaque no mercado regional. Deixou a operação neste ano para lançar a Avalanche.

Confira o que ele tem a dizer!

Gustavo Gobbato

Gustavo Gobbato, sócio da Avalanche SJCampos

O que foi 2013?

Temos sete meses de agência aqui em São José dos Campos. Já começamos com a herança de uma agência internacional com muita criatividade envolvida e começamos com o pé direito, ganhamos contas, abrimos mercado, quatro prêmios Lettering logo de cara, não dá para reclamar do ano não. De lá para cá, abrimos outras frentes que o mercado não explora, como ter uma empresa contábil como a Fatos, ou como uma empresa de injetados plásticos, a Wamovale, em nosso portfolio que se tornou bem diversificado. Num balanço do ano, temos como resultados:

• NOSSA CAMPANHA TRANSFORMOU A HISTÓRIA DO GACC. E O RSULTADO FOI QUE COM OS PRIMEIROS 90 DIAS, TIVEMOS 4 PRÊMIOS COM ELA, SENDO A AGÊNCIA MAIS PREMIADA DA NOITE DO PRÊMIO LETTERING.
• O FESTIVAL DA MORTADELA CRIADO PARA A CERATTI TROUXE O MAIOR VOLUME DE VENDAS DO PRODUTO NO ANO.
• NOSSA ESTRATÉGIA DE GESTÃO DE MARKETING PARA O JARDIM DO GOLFE, EM PARCERIA COM RODRIGO GAMEZ, JÁ É UM SUCESSO DE VENDAS NO PRÉ-LANÇAMENTO.
• O REAQUECIMENTO DE VENDAS DO CISA PRIMEHOUSE APÓS 3 MESES DE VENDAS ESTAGNADAS E TIVEMOS O COMERCIAL COPIADO POR UMA OUTRA CONSTRUTORA.
• CRIAMOS PARA WAMOVALE E O PRIMEIRO CARTÃO-PRODUTO.
• EM APENAS 6 MESES, À FRANCESA UNHAS EXPRESS – SUA UNHA FEITA EM 15 MINUTOS – JÁ RECEBE PEDIDOS DE FRANQUIA.
• TIVEMOS JOBS REALIZADOS PARA EMBRAER, SANTANDER, KLABIN E COMGAS

Avalanche O Vale

Campanha para o GAAC que rendeu quatro Prêmios Lettering para a Avalanche

O que esperamos para 2014?

É HORA DE TRANSFORMAR GRANDES IDEIAS EM GRANDES NEGÓCIOS.
É isso o que nos colocamos a fazer diante de nossos clientes. Sermos geradores de soluções de negócio. A propaganda é uma ferramenta de um todo muito maior. Dizem que o marketing morreu, mas a essência de se alavancar negócios e transformá-los em ideias viáveis nunca esteve tão presente embora seja tão antigo. A caixa registradora pode ser hoje um internet banking, não importa, mas as empresas sempre irão precisar de soluções geradoras de caixa. Seja com soluções digitais, com um evento, ou com um cartão de visitas. O que não é possível é parar no tempo, mas se reinventar constantemente. E isso o mercado publicitário ainda teima em não fazer. Basta ver a qualidade de um intervalo comercial para entender o que estou dizendo. Fala-se em inovar, mas as fórmulas parecem repetidas a exaustão.
Existe a oportunidade com a Copa e será ano eleitoral, o que constantemente, como ano par, tem significado ganhos para o mercado publicitário. Mesmo com tão pouco tempo, nossa palavra de ordem é reinventar. Nosso desafio é seguir buscando novas formas de trabalho e transformar todo o potencial que o mercado deposita em nós – e que nosso histórico credencia – em sucesso da Avalanche e de nossos clientes.

Avalanche matéria

Trabalhos desenvolvidos pela Avalanche

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *