Lojistas consideram positivas vendas do Dia dos Namorados

Pesquisa ACI/Unitau revela que vendas para a data ficaram acima da expectativa inicial; tíquete-médio ficou na faixa de R$ 101 a R$ 200

O volume de vendas deste Dia dos Namorados foi considerado positivo pela maioria dos lojistas de São José dos Campos.

Isso é o que revela nova pesquisa sobre comportamento do mercado consumidor feita pela Associação Comercial e Industrial de São José dos Campos em parceria com a Universidade de Taubaté, por intermédio do Nupes (Núcleo de Pesquisas Econômico-Sociais). O levantamento foi feito entre os dias 15 e 18 de junho, ouvindo 200 lojistas em locais estratégicos do comércio da cidade: praça Afonso Pena, Calçadão da Rua 7, rua 15 de Novembro e nos shoppings CenterVale, Centro e Vale Sul. O grau de confiabilidade da pesquisa é de 95%.

O levantamento mostra que o resultado das vendas do Dia dos Namorados foi aprovado por 84,5% dos lojistas entrevistados. As vendas foram consideradas positivas por 47,5% dos comerciantes e regulares para outros 37%. Só 15,5% dos entrevistados consideraram o movimento insatisfatório.

Os novos dados mostram uma reação do comércio na reta final do Dia dos Namorados. Pesquisa anterior, feita com os consumidores antes do Dia dos Namorados, apontava para um movimento mais fraco, com apenas 33% dos entrevistados afirmando que iria às compras nesta data. Segundo análise da ACI de São José dos Campos, as lojas abertas (ao contrário do ano anterior) e uma tendência, ainda que lenta, de retomada da economia contribuíram para um aquecimento nas vendas, apontada pela nova pesquisa.

Mais dados

A pesquisa ACI/Unitau apontou ainda que a maioria dos consumidores optou por comprar apenas um presente (49,5%) e que o tíquete-médio para a data oscilou entre R$ 101 e R$ 200 (28%). O levantamento revelou ainda que a grande maioria das vendas foi feita por cartão de crédito (70,5%) e que o consumidor pesquisou preços antes da compra (75,5%). Na contramão dos indicadores positivos, a pequisa ACI/Unitau apontou que o movimento de vendas do Dia dos Namorados não gerou contratação de temporários: apenas 7% dos lojistas abriram vagas temporárias para a data.

Fonte: Matéria Consultoria & Mídia – Gabriel Camacho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *