Brazil Vale do Paraíba

Posts Tagged ‘Vale do Paraíba’

De criação a atendimento

Os desafios das mudanças

Nossa entrevistada da vez é a jovem e competente publicitária Raquel Costa.

Raquel foi minha aluna no curso de Publicidade e Propaganda da Unitau. E sempre achei que por trás daquele rosto bonito de menina havia uma mulher forte e determinada, que alcançaria espaço no mercado publicitário. E não vem dando outra.

Veja a entrevista que ela concedeu ao Publicitando falando um pouco de seu trabalho na Focusnetworks e de sua trajetória profissional.

1 – Sua função no Grupo Focusnetworks é de Gerente de Campanhas. Explique quais suas atribuições neste cargo.
A estrutura da agência Focusnetworks é dividida em duas: uma empresa de TI, chamada Interactive, e a Mídia next, a agência digital. Dentro da agência digital temos a equipe de conteúdo e de campanha. A parte de conteúdo é responsável pela criação dos conteúdos perenes para as mídias sociais das marcas, como Facebook, Instagram, Twitter, entre outros. A parte de campanhas é responsável pela execução dos projetos mais específicos dos clientes, como lançamento de produtos, organização de eventos ou ações para datas comemorativas, na maioria das vezes, juntando o off-line e o online, aqui chamamos de Onlife. Como gerente de campanha, planejo e controlo a execução de cada projeto, desde o desenvolvimento de cronograma, orçamento, recursos, prazos e aprovação com o cliente. Hoje a agência atende as contas digitais da Tequila Jose Cuervo, Lindt Chocolates, Preservativos Prudence, Gold Adoçantes, Sufresh, entre outros.

2 – No início de sua carreira você atuava em criação, mais especificamente como diretora de arte. Como ocorreu a transição para o atendimento?
Todos os meus estágios durante a faculdade foram na área de criação, como assistente de arte. Quando entrei na Supera Comunicação, em 2011, trabalhava exclusivamente para um cliente, chamado Heatcraft, e depois de um tempo fiquei internamente nessa empresa. Lá dentro continuei com alguns trabalhos de criação de catálogos, anúncios e materiais trabalhando para PDV, mas tive a oportunidade de migrar para a área de Marketing. Fui efetivada como Analista de Marketing e me identifiquei muito mais com o perfil de planejamento, execução de projetos e relacionamento com clientes. E por isso, depois de um ano e meio, voltei para a agência como atendimento corporativo.

Raquel Costa, gerente de Campanhas da Focusnetworks

Raquel Costa, gerente de Campanhas da Focusnetworks

3 – Ter passado por criação lhe trouxe outro olhar ao atuar como atendimento e agora gerente de campanhas?
Sim, com certeza. Hoje consigo ter um olhar mais crítico dos materiais e capacidade maior de planejamento de prazos, aproveitando melhor os recursos. Além de contribuir com algumas ideias nas reuniões de brainstorm.

4 – Como é atuar em uma agência com foco em digital após passar por agências ditas tradicionais?
Eu me apaixono cada vez mais por essa área por ser muito dinâmica. É necessário se atualizar todos os dias e estar por dentro de tudo que acontece, para aproveitar um buzz para uma campanha ou conteúdo. Além de poder explorar e aproveitar os diferentes canais como uma chance de fazer algo personalizado e diferenciado. Acho que o grande diferencial de uma agência digital é a oportunidade de medir o retorno e andamento das campanhas, se está gerando bons resultados ou não e ter a chance de mudar a estratégia a tempo.
Este ano tivemos o prazer de participar de um dos maiores projetos da agência, uma websérie para a Tequila Jose Cuervo. Foi um desafio muito grande, pois tínhamos apenas 2 meses para o planejamento e desenvolvimento dessa campanha. O projeto todo foi gravado no México e em Las Vegas, com 6 pessoas influentes das redes sociais. Foi uma oportunidade muito importante para todos da equipe como experiência profissional quanto trabalho em grupo.

5 – Você acredita em um crescimento do digital para o ano que vem?
Acredito sim no crescimento do digital agora que as empresas e marcas então sentindo os benefícios de estarem mais próximas e humanizadas entre os consumidores. Creio também que haverá mais interação entre o digital e o tradicional, a fim de potencializar ainda mais as ações e estratégias propostas.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Vagas em shopping

O Via vale tem duas vagas abertas

via_vale

Duas vagas para Atendente de SAC/MKT

VR ou VA, Vale transporte e plano médico

Desejável: Cursando 1º ou 2º ano de Comunicação, Publicidade e Propaganda.

Horário de trabalho: 16 ás 22h
Escala: 6 X 1 com 1 domingo no mês

Enviar e-mail com CV para: processoseletivosac@gmail.com

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Coluna “Discutindo a relação…”

Desunião, desinteresse , cada um por si ou tudo isso junto e mais algumas coisas?

Josué coluna correto

Esta semana foi marcada pelo comunicado de Armindo Ferreira, sócio da Cruz&Ferreira de que o evento Comunicavale não será realizado em 2015. Armindo também reformulou o Portal Comunicavale e o transformou em um blog. Uma clara redução da proposta anterior: ser um grande portal da comunicação regional.

Também esta semana um post no Facebbok (por parte de Adriano Oliveira) suscitou uma série de comentários sobre o mercado regional, sobre a desejada volta do CCVP e da ausência de um órgão associativo da propaganda no Vale do Paraíba. Falou-se do “fracasso” da APP Vale e da derrocada da Revista e do Prêmio Lettering.

Houve e há críticas ao momento atual do mercado publicitário regional marcado por uma sensação de desunião, de falta de iniciativas em prol do mercado e de desinteresse em buscar melhorias para todos.

Sou um dos que defende a APPVale forte e cumprindo seu papel de agregadora e fomentadora do mercado publicitário. Assim como defendi a APROVA desde a ideia, constituição e atuação. A APROVA, após um tempo de atuação, passou a ser muito criticada. Houve dificuldades, poucas filiações e a associação acabou findando. Defendo a criação de um Clube de Criação, defendo os encontros para bater papo e tomar cerveja, defendo eventos (palestras, seminários, cursos, painéis, treinamentos etc), defendo, enfim, qualquer iniciativa que busque valorizar, ampliar e qualificar o mercado de comunicação do Vale do Paraíba.

Confesso que não sei apontar os motivos, mas concordo que atualmente pouco ou nada se faz pelo mercado como um todo. Voltando ao Comunicavale. Estive na última edição e pude atestar a baixa participação de agências, profissionais e estudantes. E não pude deixar de me perguntar o que gera tão baixo interesse.Um milhão de coisas passaram pela minha cabeça, mas fica difícil, por exemplo, apontar cinco fatores determinantes.

Será que com a melhoria da economia e melhor estruturação das agências (muitas delas novas) a partir do início dos 2000 cada qual resolveu cuidar da sua própria vida, pois, afinal, tudo ia muito bem? Será que as novas gerações de empresários de propaganda e de profissionais têm uma certa prepotência e arrogância e se acham prontos, sem necessidade de aprimoramento e busca pelo trabalho comum em favor do mercado? Será que há absoluta descrença em associações e órgãos de classe e que tal tipo de organização passa uma ideia errada de “panela”,”clube de amigos” e gera desinteresse e desconfiança? Será que prevalece o dito popular de que “santo de casa não faz milagre” e que tudo de bom está no mercado de São Paulo?

São muitas perguntas e poucas respostas efetivas.

O fato é que maioria prefere cruzar os braços esperar. E isso sim parece cristalino: o brasileiro (embora seja contrário a generalizações) tem a triste mania de imaginar e acreditar que alguém tem que fazer e fará algo por ele.

As novas gerações adoram tecer críticas fortes, agressivas e irônicas nas mídias sociais. Os que são funcionários, ao que parece, acreditam que basta criticar os patrões e pronto. Tudo está errado no mercado por que os donos de agências são gananciosos e só pensam em seu lucro. Mas participar que é bom…

Não há mudança de fato sem participação, engajamento e associação. Esperar para ver se A APROVA, a APP Vale, a Lettering, o CCVP, o Comunicavale vai dar certo para depois “entrar” não ajudará em nada. É preciso “entrar” desde antes. Comprar a ideia no nascedouro. Apostar pra valer. Só assim poderemos reverter os erros e melhorar o mercado para todos.

É necessário e urgente diminuir o ‘Eu” e ampliar o “Nós”.

Esse blog continuará firme em sua modesta contribuição ao mercado. E apoiará e participará de iniciativas sérias, honestas e éticas em prol do mercado de propaganda e comunicação do Vale do Paraíba.

Não podemos nos abster, não podemos nos afastar e, acima de tudo, não podemos desistir!

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Vagas em jornalismo e marketing

Grupo resolve busca

Oportunidades do Grupo Resolve:

ESTÁGIO DE JORNALISMO
Cursando superior em Jornalismo;
Residir em Taubaté ou Pindamonhangaba.
Interessado dentro do perfil enviar currículo para laura@gruporesolve.com.br

ASSISTENTE DE MARKETING
Desejável formação no campo da comunicação;
Experiência na área;
Conhecimento em Computação;
Habilitação e disponibilidade para viagens/dormir em outras cidades;
Residir em Taubaté ou Pindamonhangaba.
Interessado dentro do perfil enviar currículo para laura@gruporesolve.com.br

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Filme de Natal do Pátio Pinda

Avalanche criou VT para o shopping

A Avalanche SJCampos criou o filme de natal do Shopping Pátio Pinda. A produtora responsável foi a Outracena e o áudio ficou por conta da Neri SD.

O VT de natal do Pátio Pinda já está no ar.

Confira:

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Arriba! trabalha para rede

Agência desenvolveu trabalhos para a RBB 

A união de vários lojistas do segmento infantil, de todo o Brasil, deu origem a RBB (Rede Bebê Brasil). E a Arriba! participou desse projeto. Além de ser a responsável por toda identidade visual da associação, desenvolveu também o site do grupo em parceria com a Move Digital. Totalmente responsivo e multiplataformas, a página está no ar há algumas semanas.

Confira como ficou em: www.rbb.org.br

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Cliente novo

Arriba! anuncia nova conta

Arte criada pela Arriba! para anunciar vias mídias sociais a conquista do novo cliente

Arte criada pela Arriba! para anunciar vias mídias sociais a conquista do novo cliente

O fim de ano parece estar sendo bem produtivo para as agências regionais. Agora é a vez da Arriba! anunciar através de seus perfis nas mídias sociais a conquista de uma nova conta. A agência acaba de anexar ao seu portfólio de clientes a Val du Lion, concessionária Peugeot com lojas em SJCampos e Taubaté.

A Arriba! anuncia já ter iniciado o desenvolvimento de novas campanhas para o novo cliente.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Mais uma conta na carteira

Mestra conquista nova conta

Mesmo com o ano chegando ao fim a Mestra não diminui o ritmo e acaba de conquistar mais um cliente.

Logo

A De Biasi passa a compor o portfólio de clientes da agência. A De Biasi foi fundada em 1990 e nasceu com a missão de prestar serviços nas áreas de auditoria e consultoria. Hoje a empresa tem quatro escritórios: Taubaté, São José dos Campos, Itajaí e São Paulo.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Ação diferenciada para cliente

Distribuição de “colinhas” na porta da faculdade em dia de vestibular

Imagem da ação criada pela Zero12

Imagem da ação criada pela Zero12

Uma ação de marketing da rede de Lojas GIOM criada pela ZERO12 foi posta em prática neste fim de semana durante o vestibular da Universidade de Taubaté – Unitau. A agência desenvolveu um flyer em forma de “colinha”, o menor flyer já feito pela agência, que trazia uma mensagem de incentivo aos vestibulandos e os contemplava com um vale desconto de R$20,00 para as compras de dezembro.

A ação teve uma repercussão incrível! As pessoas abordadas gostavam muito da mensagem e a taxa de descarte do material promocional foi próxima de zero.

Baixo investimento, alto retorno e muita criatividade.

O pequeno flyer criado para a ação

O pequeno flyer criado para a ação

Frente e verso do flyer

Frente e verso do flyer

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Mãe e empreendedora

Empresa e gêmeos

Começamos bem essa semana com mais uma entrevista de um empreendedor na área de comunicação digital. Na verdade uma empreendedora: Ariane Fonseca. Ela é o nome por trás da Vincere e mãe de filhos gêmeos. Ela nos falou sobre sua empresa, sua formação e sobre como tentar lidar com os filhos e atuação profissional.

Confira:

1 – Sua formação é em jornalismo. Como isso ajuda a atuação em mídias sociais?
Ajuda na hora de sintetizar o conteúdo, fundamental para a internet; na hora da curadoria; no planejamento das postagens, afinal, estamos acostumados a fazer pautas. Estar antenado a tudo, o tempo todo, fundamental para um jornalista, também é crucial, pois na internet tudo é muito rápido.

Ariane Fonseca, jornalista e proprietária da Vincere Comunicação

Ariane Fonseca, jornalista e proprietária da Vincere Comunicação

2 – Com o nascimento de seus filhos gêmeos você teve que reduzir o ritmo e atuar no esquema home office? Como vem sendo esta experiência?
Eu chamo de mãe-office rs Eu decidi sim deixar o escritório para me dedicar a eles, pelo menos, até os 3 anos dos pequenos. São dois, ganhei um presentão, e quero aproveitar todos os minutos. A experiência está sendo muito boa, apesar de cansativa. Minha rotina se baseia em cuidar deles, da casa e de dois clientes. Como estabeleci uma rotina para os bebês desde que nasceram, fica tudo mais fácil. Eles têm horário para tudo e eu consigo me programar. O planejamento, que é mais minucioso, sempre faço à noite, quando os bebês estão dormindo e posso focar minha concentração.

3 – O mercado regional já entende bem o uso profissional das mídias sociais?
Acho que ainda não, principalmente nas cidades menores. Muitas empresas aqui da região ainda preferem colocar profissionais internos, sem formação no digital, para cuidar das contas nas mídias sociais. Acham que é só criar uma conta e pronto. Isso explica porque temos, por exemplo, muitos perfis de empresas valeparaibanas no Facebook, ao invés de fanpages, que é o indicado. Mídia social é muito mais que propaganda, é relacionamento. É o relacionamento que faz a diferença!

164569_102895893119318_5128772_n

4 – A Vincere pretende ampliar o foco de atuação? Tem alguma pretensão de atuar no ambiente não digital?
Não, nosso foco é totalmente digital. O que temos a pretensão é focar somente no marketing político digital. É a nossa paixão, onde temos mais clientes.

5 – Como você está vendo a chegada de 2015? Acha que será positivo para os negócios o ano novo que se aproxima?
Ano que vem eu ainda estarei como mãe-office, mais “limitada”. Entretanto, a Vincere tem ótimas perspectivas, inclusive, com a chegada de novos colaboradores para dar novo gás à empresa.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS