HavasPlus traz bom humor para Black Friday do Banco PAN

Em campanha criada pela agência, banco pega carona em meme para expressar as reações dos consumidores ao se depararem com ofertas imperdíveis

O Banco PAN estreia sua temporada de ofertas da Black Friday. Para divulgar as promoções que prometem surpreender os clientes, a instituição financeira apresenta sua nova campanha publicitária que brinca com um popular meme da internet que caiu no gosto do brasileiro.

Com criação da HavasPlus, a campanha do Banco PAN foi inspirada no meme da toupeira com olhos arregalados, um viral nas plataformas digitais. A ideia é brincar e divertir o público, antecipando a reação que os clientes terão ao se depararem com as ofertas da instituição. O filme de 30”, produzido pela Madre Mia e dirigido por Charly Gutierrez, evidência com bom humor a mecânica das promoções do Banco PAN para a Black Friday.

“Preparamos ofertas exclusivas para a Black Friday desse ano aos clientes do PAN e resolvemos contar tudo o que preparamos do jeito que a internet mais se identifica, de maneira didática e simples, assim como nossas promoções. Estamos oferecendo descontos e vantagens que façam sentido, principalmente diante desse período que estamos nos recuperando de uma grande recessão econômica” – afirma Vivian Zwir Wertheimer, superintendente de Marketing do Banco PAN.

“Todo mundo faz uma cara engraçada quando ouve algo muito bom. E a Black Friday do PAN faz isso com as pessoas. Aí juntamos ofertas incríveis com a sonoridade do PAN e pronto: deu meme. No meio de tanta marca falando, resolvemos entregar ofertas boas com muito bom humor. E deu nisso: no Pan, Pan, Paaaan do Banco Pan”, explica Melissa Pottker, Diretora de Criação da HavasPlus.

As ofertas anunciadas pelo Banco PAN integram cashback (dinheiro de volta), assim como descontos exclusivos nas lojas parceiras da Cuponeria, plataforma que oferece cupons de descontos e Uber Eats. Além disso, o PAN poderá ter pontuação diferenciada para compras realizadas no dia da Black Friday pelo PAN MAIS, programa de relacionamento da instituição, e vai oferecer ainda muitas outras condições especiais.

Ficha técnica
Agência: HavasPlus
Cliente: Banco PAN
CCO: Alexandre Vilela (Xã)
Diretor de criação: Alexandre Vilela (Xã), Melissa Pottker e Juliano Almeida
Diretor de arte: Felipe “Cauby” Martins
Redator: Marconi Filho
Producers: Anna Ferraz, Carla Rossini, Beatriz Rossi e Vini Gonçalves
Diretor de Atendimento: Yuri Aizemberg
Diretora de Conta: Carolina Delalibera
Supervisores de Atendimento: Henrique Pecego, Mirella Pontes e Thais Oliveira
Head de Mídia: Jairo Soares
Diretora de Mídia: Andrea Ferreira
Gerente de Mídia: Bruno Capitani de Souza
Planejamento: Eduardo Loureiro, Omar Assaf Filho, Juliana Araujo, Thomaz Gomes e Kaique Vieira
Produtora: Madre Mia Filmes
Diretor: Charly Gutierrez
Direção de fotografia: Diego Pavese
Produção Executiva: Edgard Soares Filho
Coordenadora de produção: Ana Paula Domingues
Diretora de produção: Paula Ortiz
Direção de arte: Patrícia Pereira
Montagem: Color Bar Filmes
Atendimento: Renata Sabino
Diretora comercial: Telma Dos Reis
Pós-Produção: Capadócia VFX
Finalização: Gabriel Leça
Coordenador de pós: Alexandre Fernandes
Produtora de áudio: Lira Música
CEO Lira Música: Marcio Espinosa
Arranjado e finalizador: João Paulo Alves
Locutor: Andrio
Aprovação cliente: Adriana Claro

Fonte: Giusti Comunicação – Mariana Novaes

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Vendas devem crescer na Black Friday deste ano

Black Friday: vendas no varejo devem crescer 18% este ano

Expectativa é da Abcomm e dados da Klooks, plataforma de big data especializada em inteligência financeira corporativa, confirmam crescimento no ano passado: 9 das 10 maiores varejistas registraram aumento

Apesar do momento de recessão que vivemos, as expectativas para a Black Friday são animadoras para o varejo: a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (Abcomm) projeta crescimento de 18% de vendas na data em relação ao resultado de 2018. Dados da Klooks – plataforma de big data especializada em inteligência financeira corporativa – demonstram que 9 das 10 maiores varejistas do país registraram crescimento no ano passado.

Esta é a 9ª edição do evento no país e, ao longo dos anos, a aderência do público e as vendas subiram vertiginosamente. No ano passado, a sexta-feira mais esperada do ano cresceu 23% em relação a 2017, movimentando cerca de R$2,6 bilhões.

Segundo o fundador da Klooks, Alexandre Abu-jamra, a Black Friday se tornou um importante termômetro para as vendas de fim de ano. “A data, a cada ano que passa, mostra sua importância para o desenvolvimento nacional, mas ao mesmo tempo aponta a necessidade de planejamento para atender o aumento da demanda”, destaca Alexandre.

O panorama que aponta Abu-jamra é baseado no trabalho da Klooks, que utiliza inteligência artificial e machine learning para mapear, reunir e analisar demonstrativos financeiros de capital fechado, transformando-os em relatórios inteligentes. Com mais de 30 mil empresas em seu banco de dados, a startup tem a maior base de demonstrativos financeiros do país e possui clientes que são referência no mercado, como Standard & Poor’s, Moody’s Analytics, Lexis Nexis, entre outras.

“A Klooks é um grande catálogo de demonstrativos financeiros de empresas privadas. Usamos nossas ferramentas para fornecer dados mais atualizados, padronizados e relevantes para ajudar na tomada de decisão de nossos clientes”, destaca.

Fonte: Agência No Ar – Andréa Camilo

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

O consumidor on line

Consumidores on-line: como atraí-los?
Identificar seu público alvo é fundamental; promoções são atrativo forte para quem consome pela Internet

Segundo dados do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), o Brasil é o terceiro país em compras pela internet. Cada vez mais empresas optam pelas vendas virtuais, buscando atrair o consumidor com novas ferramentas, promoções e muita interatividade.

Mas como conquistar o cliente com tantas opções de serviços pela internet? Para o docente da área de gestão e negócios do Senac Guaratinguetá, Alvaro Búbola Possato, os consumidores on-line são visitantes que se tornam clientes, fazendo assim um processo de conversão.

Ele destaca a importância de um trabalho de marketing voltado às páginas da internet. A chamada landing page (página por onde o visitante chega ao seu site) deve ser atraente para que o internauta se torne cliente da empresa pelo processo de conversão, como ilustra a figura abaixo:

unnamed (2)

Alvaro afirma que a taxa de conversão da landing page é um dos principais indicadores de eficácia do sucesso da página, mostrando o percentual de visitantes que passaram pelo processo de conversão e efetuaram negócio. “Se a taxa de conversão está baixa, o melhor a fazer inicialmente é realizar testes, como mudar o título da oferta, a imagem, as cores, os textos, os campos do formulário, entre outras ações”, orienta.

O consumidor e categorias

Saber para qual público vender é primordial na hora de ofertar alguns produtos. De acordo com o docente do Senac, uma pesquisa divulgada pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) mostra que os maiores consumidores on-line estão entre 35 e 49 anos e representam 36% dos compradores pela internet. Eles são seguidos pelo público intermediário, com idade entre 25 de 34 anos, cerca de 32% do total. Já os mais experientes, de 50 a 64 anos, somam 16%. Os jovens entre 18 e 24 anos alcançam 11% quando o assunto é compra pela internet. Quem está acima de 64 anos representa 2% e até 17 anos apenas 1%.

No mesmo levantamento, em relação à escolaridade de quem compra pela internet, verificou-se que o menor percentual é de pessoas com o ensino fundamental, representando 3%. Enquanto os que possuem ensino superior completo somam 32% das compras on-line. Os consumidores com pós-graduação alcançam 20%, ensino médio 22% e ensino superior incompleto 23%.

Já o percentual de comprar relacionado à renda familiar é liderado pelos internautas que recebem entre R$ 1 mil e R$ 3 mil, representando 38%, seguidos pelos que recebem entre R$ 3 mil e R$ 5 mil com 22%, entre R$ 5 mil e R$ 8 mil com 12%, mais de R$ 8 mil com 9% e menos de R$ 1 mil com 8%. O docente destaca, ainda, que, no quesito categorias mais procuradas, os eletrodomésticos lideram com 15%, informática com 12% e eletroeletrônicos com 8%.

Promoções

Alvaro também dá algumas dicas sobre as promoções on-line, que podem ser uma excelente ferramenta para atrair o consumidor. Veja quais são:
• Garanta que, na hora da compra, o cliente consiga usar a oferta;
• Dê um desconto relevante, que realmente chame atenção;
• Mantenha o relacionamento com o cliente depois da venda;
• Não dependa das promoções para manter sua loja viva.

De acordo com o docente do Senac, se bem executadas, as promoções são uma ótima ferramenta. É importante deixar claro que sua loja não pode depender apenas delas para sobreviver. Afinal, se uma promoção fica no ar todo o tempo, já não é mais uma promoção.

“Assim como boa parte das táticas de marketing, não existe uma fórmula mágica que garante um resultado, porém, promoções podem servir como um ótimo turbo se aplicadas da forma correta”, finaliza.

Fonte: KMS Comunicação – Elizânio Silva

Share and Enjoy !

0Shares
0 0