Dança das cadeiras

Junho não tá nada frio

O mês de junho está aquecido quando se trata de mercado de comunicação. Muita gente assumindo novas posições no mercado de comunicação da RM Vale do Paraíba. Confira aí!

O ainda estudante de publicidade e propaganda Leonardo Monteiro deixou seu posto na Luck Comunicação para passar a atuar como designer na Virtua Brasil.

Yuri Adriano R. de Oliveira, também estudante de publicidade e propaganda, deixou o estágio na Interativa e passa a atuar como estagiário na VeteduKa.

O publicitário Roberto Rezende passa a acumular o cargo de Diretor de Marketing na ACIT – Associação Comercial e Industrial de Taubaté. Ele segue como Sócio-diretor de criação da Box28 Marketing (Taubaté).

A Relações Públicas Letícia Alves acabou de assumir o cargo de Sales Development Representative na Beedoo Edtech.

Gisele Rodrigues, jornalista,  passa a ter como uma de suas atribuições ser Travel Reporter na UOL – Universo Online.

Bruno Chaves, publicitário,  foi para a TerraMagna, empresa de crédito  para o agronegócio situada em SJCampos, onde passa a exercer as atividades de Marketing de Performance.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

A nova agência não é uma agência

Por Thiago Bacchin*

A publicidade nunca mais será a mesma. As campanhas premiadas tinham uma receita infalível: muita verba, um bom planejamento que contemplasse um filme para TV, um spot para rádio e peças para mídias impressas para colocar o bloco na rua e pronto. E, claro, era preciso uma boa dose de criatividade. Restava esperar pelo retorno do investimento, que nem sempre vinha ou, quando vinha, não permitia mensurar qual canal ou mesmo qual mensagem gerou maior impacto e engajamento com os consumidores.

O digital chegou para transformar o mundo, e a propaganda apenas faz parte disso.

A antiga receita de muita grana, criatividade e veiculação em alguns poucos meios não funciona mais. O nome do jogo agora é conversão, performance, otimização, resultado. Para entrar na disputa, conquistar e fidelizar clientes é preciso entender o que poucos entendem: de tudo, um pouco um muito.

Isso mesmo, muito conhecimento sobre muita coisa. Para atingir o máximo de performance é preciso não apenas saber, mas dominar profundamente muitas disciplinas novas – fora as que foram completamente renovadas.

Imagem de StartupStockPhotos de Pixabay

A gente está acostumado a falar “do digital”, mas “o digital” sozinho não existe como coisa ou disciplina. Ele representa uma nova constituição para muita coisa que já existe e para muitas outras que surgiram, como big data, analytics, omnichannel, social media, search, programmatic, cx, e-commerce, digital trade marketing, influencer marketing. Quantos conceitos aprendemos nos últimos anos que não nos foram, e continuam não sendo, ensinados na faculdade?

A verdade é que a nova agência não é uma agência. É uma empresa que somente por meio de tecnologia, dados e comunicação vai trazer respostas e resultados para os mais diversos problemas que uma marca enfrenta atualmente.

A transformação digital, buzzword que vem sendo utilizada em diferentes contextos por muitas empresas, é apenas uma enorme embalagem que do lado de dentro reúne dezenas de desafios que as empresas, em diferentes estágios de maturidade digital, vão enfrentar no curto, médio e longo prazo.

Sejam quais forem suas credenciais, é preciso entregar muito mais do que simplesmente comunicação, tecnologia e dados de forma isolada. A verdadeira oferta de valor está na conexão dessas áreas, que devem colocar o consumidor no centro e buscar não apenas fortalecer marcas, mas sim consolidar relações e gerar negócios, aprimorar a performance. Para as marcas, ter diferentes parceiros nessas áreas é um enorme desafio de gestão, estratégia e planos táticos – que, para funcionar, exigirá domínio das disciplinas digitais a fim de que tudo siga no trilho.

Vale lembrar que, neste momento, a formação e atualização de profissionais também está em revolução. As faculdades ainda ensinam teorias aprendidas há mais de 10 ou 20 anos – elas não ensinam o que se precisa saber hoje. A verdadeira transformação digital só caminha a passos largos quando os colaboradores de uma empresa passam a beber da fonte de inovação digital todos os dias. E este é mais um dos novos papéis desta nova parceira das marcas: transferência de conhecimento.

As marcas não irão mais pagar pela execução de ideias e bonificação por veiculação, mas sim por estratégias de negócios e serviços multidisciplinares que gerem as mudanças necessárias para seu negócio prosperar num mundo imprevisível.

O digital virou core business de todo tipo de negócio, em todas as indústrias. Em outras palavras, empresas de qualquer setor ganharam o sufixo tech: edtechs, agrotechs, adtechs, healthtechs, logitechs, insurtechs, fintechs… bem-vindo à era da digitalização de tudo.

* Thiago Bacchin é CEO da Cadastra

Fonte: NB Press Comunicação

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Quero Educação está buscando Analista de CRM

Vaga para Analista de CRM Júnior

A Quero Educação está buscando um Analista de CRM apaixonado por levar educação aos pontos mais distantes do Brasil, trabalhando com coletores de leads, disparos de e-mail, banners, pop ups, SMS e uma série de outras ferramentas.

Se você é empolgado com Performance, Tecnologia e Educação esta vaga é sua!

Responsabilidades
Compreender em profundidade nosso funil de marketing, assim como os fluxos de conversão dos usuários;
Realizar disparos periódicos de e-mail, incluindo extração da base de usuários, set up da comunicação e monitoramento do resultado final;
Configurar as réguas automatizadas;
Higienizar a base de dados;
Configurar novos coletores.

Requisitos
Perfil analítico e data driven;
Conhecimentos avançados em CRM e/ou SQL;
Focado em atingimento de metas;
Brilho nos olhos, energia e motivação por metas desafiadoras;
Apaixonado pelo propósito da Quero de levar educação a mais pessoas.

Diferenciais
Experiência em startup;
Experiência como Analista de CRM e/ou Analista de Business Intelligence.

Candidate-se por aqui

Share and Enjoy !

0Shares
0 0

Dança das cadeiras

Mais uma em março

O mês de março está se mostrando muito bom para o mercado de comunicação e marketing. Muita gente trocando de posto/empresa ou chegando ao mercado como estagiário ou recém contratado.

Trouxemos mais algumas das movimentações de nosso mercado. Confira!

Matheus Firme chega para compor o time da Imagem – Soluções de Inteligência Geográfica na função de Communication Intership.

Ingrid Garcez Cavalca, ainda aluna de Jornalismo da Comunicação Social Unitau, é a nova Conteudista na Hubify – Marketing Digital de Performance.

A jovem e recém formada publicitária Gabriela Heloise chegou na Wou Marketing onde acaba de assumir o novo cargo de Planner.

Mariane Nascimento Narciso é a nova Product Manager da Focusnetworks – OnLife Marketing Transformation.

Share and Enjoy !

0Shares
0 0